Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
AGITANDO A SUA CAPA AMARELA
Caliel Alves dos Santos

Poucos são os livros que conseguem trazer uma sensação de maravilha-mento, um sentimento de arrebatamento tão grande que te faça ir a outro mun-do, atravessar as fronteiras do onírico e não mais estar ligado às leis desse mundo. É esse o sentimento de alguém que lê o livro O Rei de Amarelo.
    O autor Robert William Chambers (1865-1933), escreveu um livro de dez contos, nos quais os quatro primeiros fazem referências a uma peça de teatro chamada O Rei de Amarelo. A dramaturgia traz uma descrição, ou uma possí-vel revelação tão grande no segundo ato, que os seus desavisados leitores enlouquecem. Durante todo o livro, citações aparecem aqui e ali.
    O livro é recortado entre a realidade e a loucura, o sonho e o pesadelo, no qual os personagens não sabem mais distinguir o que é real ou imaginário. Isso pode ser visto no conto que abre o livro como O Reparador de Reputações, ou o esquizofrênico No Pátio do Dragão.
    Mesmo nos contos considerados “realistas” é impossível esclarecer qual a verdadeira relação entre os contos, como a Rua da Primeira Bomba e Rue Barrée. Cenários e personagens vem e vão com a mesma fluidez em que de-saparecem na intempestiva linha dos acontecimentos.
    Com certeza o conto mais enigmático do livro, talvez uma mensagem subli-minar da própria peça, é o a prosa poética de O Paraíso do Profeta. O certo seria dizer que a carga simbolista do livro é muito maior do que a do decaden-tismo, embora muita da inspiração do livro tenha vindo dos decadentes.
    É uma obra que vale não apenas ser lida, mas estudada, analisada e revis-tada quantas vezes forem necessárias. Mas não tente compreender ou ligar as histórias, pois elas fazem parte de um universo próprio que só o autor conse-guiria entender. E é bom que permaneça assim.
    Para quem gosta de fix-up, ficção científica, terror e fantasia é um prato cheio. Outro livro do autor que tem os mesmos elementos que esse livro é The Mistery of Choice.
     Mas o certo seria visar ao leitor de antemão, se vires um livro de capa ama-rela... Pode ler, pois o rei vigia das torres de Carcossa.


Biografia:
Comecou a escrever depois de um concurso em sala de aula. Dois anos depois ele publicou seu primeiro livro.
Número de vezes que este texto foi lido: 28758


Outros títulos do mesmo autor

Resenhas Guia Politicamente Incorreto da Terra Plana Caliel Alves dos Santos
Artigos As idiossincrasias do mercado de quadrinhos nacional Caliel Alves dos Santos
Artigos O coach como vendedor de mentiras Caliel Alves dos Santos
Poesias Poesia marxista Caliel Alves dos Santos
Resenhas O livro dos escritores olimpianos Caliel Alves dos Santos
Contos Preview: Distante do Céu Caliel Alves dos Santos
Releases ACID+NEON VOL.2 Caliel Alves dos Santos
Resenhas Um estrangeiro no pedaço Caliel Alves dos Santos
Resenhas Pelo signo do ódio morrerás Caliel Alves dos Santos
Resenhas Explorar é preciso! Viver? Nem tanto... Caliel Alves dos Santos

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 94.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 66102 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 55099 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 43680 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 43296 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 42566 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 40816 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 39590 Visitas
Amores! - 38092 Visitas
Desabafo - 37353 Visitas
Amor e Perdão - Amilton Maciel Monteiro 35680 Visitas

Páginas: Próxima Última