Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Manias
Ana Mello

Dos vários significados que meu amigo Aurélio apresenta, o melhor,
diz que mania é uma idéia fixa, obsessão. Mau costume, também é bem significativo. Ou extravagância, esquisitice.

Dizem por aí que vamos ficando velhos e as manias aumentam e se consolidam. É verdade, eu observo nos mais velhos do que eu. Poucos conseguem controlar aquele impulso profundo de dar sua opinião. Essa é uma mania das mais chatas.
Repetí-la muitas vezes então, é maçante.

Já descobri também que é quase inevitável ter manias na velhice, muitas vêm da juventude mesmo, condenamos e depois de um tempo fazemos igual, sem cerimônia alguma. Uma amiga me enviou uma oração sob o título “Oração para ser uma velhinha legal”. Vou fazer todos os dias e envio cópia a quem precisar.

Separei algumas frases, as mais interessantes.
Livrai-me Senhor: da tolice de achar que devo dizer algo em toda e qualquer ocasião. Deste desejo enorme que tenho de querer pôr em ordem a vida dos outros.
Da tolice de querer contar tudo com detalhes e minúcias e dá-me asas para voar diretamente ao ponto que interessa. Já descobri que pessoas que acertam sempre são maçantes e desagradáveis. Livrai-me de ser santa. É difícil conviver com Santos!
Mas uma velha rabugenta, Senhor, é obra prima do diabo!

Acho que a oração pode ser feita por pessoas jovens também, pois essas manias não são exclusivas das velhinhas.

Fique agora com uma dúvida, será que escrever crônicas semanais e mandar para todos os amigos é mania? Se for, azar o de vocês, amigo é para isso mesmo.


Biografia:
Para saber mais sobre a autora acesse http://anamello.multiply.com
Número de vezes que este texto foi lido: 54887


Outros títulos do mesmo autor

Crônicas Um livro diferente Ana Mello
Crônicas Um eterno jogador Ana Mello
Contos Muralhas da infância Ana Mello
Crônicas Doença de médico Ana Mello
Crônicas Digo sempre “Eu te amo” Ana Mello
Poesias Eu te amo Ana Mello
Crônicas Namore, não fique Ana Mello
Crônicas Na verdade, tá ligado? Ana Mello
Contos Amor adolescente Ana Mello
Crônicas Em briga de marido e mulher Ana Mello

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última

Publicações de número 11 até 20 de um total de 27.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
O Senhor dos Sonhos - Sérgio Vale 55275 Visitas
Jazz (ou Música e Tomates) - Sérgio Vale 55251 Visitas
A Magia dos Poemas - Sérgio Simka 55246 Visitas
amor feito desejo... - natalia nuno 55245 Visitas
A margarida que falou por 30 dias - Condorcet Aranha 55232 Visitas
A calça preta - Condorcet Aranha 55220 Visitas
A FORMIGUINHA - Jonas de Barros Vasconcelos 55207 Visitas
Menino de rua - Condorcet Aranha 55207 Visitas
Amores! - 55198 Visitas
Decadência - Marcos Loures 55196 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última