Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Coração
Marcos Loures

Resumo:
Soneto

Meu coração é frio, quase bate,
As velhas mansidões simples mentiras.
Esfarrapado cortes, lanças, tiras...
Nesses leilões das sortes, arremate...

Nos matadouros sujos, seu abate...
Num coração forjado, louco, atiras...
Acertos e teus erros, falsas miras...
Às vésperas solenes dum enfarte!

Meu coração, n’atlético pulsar;
Esquece bem depressa o que é amar...
Vadio, sente cios, devaneios...

Morada de tais farsas que me enganam,
Olhando corações que se profanam.
Não busca corações, somente seios!


Biografia:
Número de vezes que este texto foi lido: 30448


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Paixão Violenta Marcos Loures
Poesias Sextina do amor maior Marcos Loures
Poesias Rosa Marcos Loures
Poesias Decadência Marcos Loures
Poesias Coração Marcos Loures


Publicações de número 1 até 5 de um total de 5.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 68397 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 55717 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 44412 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 44137 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 43756 Visitas
IHV (IAHU) e ISV (IASHUA) - Gileno Correia dos Santos 42785 Visitas
Amor e Perdão - Amilton Maciel Monteiro 42129 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 41355 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 41294 Visitas
Amores! - 39797 Visitas

Páginas: Próxima Última