Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
CÂNCER DE MAMA
DIAGNÓSTICO E SENTIMENTO.
Simone Silva

Resumo:
O câncer de mama é hoje uma doença de extrema importância para saúde pública em nível mundial, motivando ampla discussão em torno de medidas que promovam o seu diagnóstico precoce e, consequentemente, a redução em sua morbidade e mortalidade.

O câncer de mama é o câncer mais frequente entre as mulheres e representa a principal neoplasia maligna no sexo feminino em nosso país. O estilo de vida moderno, o estresse, a obesidade, a progressiva antecipação da menarca, a primiparidade tardia, os efeitos da poluição ambiental, as alterações alimentares, a influência de pesticidas, hormônios e outros aditivos, que modificam a composição final dos alimentos, contribuem para o aumento na incidência de câncer da população.

É a neoplasia mais comum entre as mulheres, responsável por cerca de 20% de todos os tipos de câncer no mundo. A incidência mundial vem crescendo substancialmente nesses últimos anos, as maiores incidências são observadas em países desenvolvidos, como os da América do Norte, oeste da Europa e Austrália/Nova Zelândia. O câncer de mama é frequentemente investigado em estudos de qualidade de vida. Estudos psicossociais iniciais enfatizaram que a perda da mama era o mais importante fator isolado no ajuste de mulheres. Uma crescente massa de pesquisa indica que as preocupações relacionadas com a incerteza sobre o futuro, questões do dia-a-dia no trabalho e nas relações familiares e demandas da doença são fatores mais importantes de ajustamento à condição de portadora de câncer de mama que propriamente, a perda da mama isoladamente.

O prognóstico das mulheres com câncer de mama varia amplamente. Algumas têm a mesma expectativa de vida que as mulheres sem câncer de mama. Outras têm somente 13% de chance de estarem vivas em cinco anos. Exceto por poucas mulheres, 10%, com metástases distantes na apresentação ou com carcinoma inflamatório, o prognóstico é determinado pelo exame patológico do carcinoma primário e dos linfonodos axilares. Essa informação é importante para o aconselhamento dos pacientes sobre o resultado provável de suas doenças, para a escolha apropriada do tratamento e para grupos de classificação precisa dos pacientes similares nos exames clínicos.

Nos últimos anos, tem melhorado muito o prognóstico, com maior sobrevida, o que tem motivado estudos de qualidade de vida e melhor assistência, consequentemente diminuindo o estresse psicológico e físico associados ao tratamento oncológico. Nesse aspecto, a psiconcologia muito tem auxiliado pacientes, familiares e profissionais de saúde, atuando na pesquisa e ensino, aconselhamento de técnicas de comunicação, intervenções psicossociais e comportamentais, assim como na avaliação da qualidade de vida. O tratamento oncológico é complexo, longo e envolve tanto o paciente quanto a equipe de saúde e a família, gerando diferentes fontes de estresse.

É imprescindível o papel do Enfermeiro inserido neste contexto como agente transformador, buscando metas e educando permanentemente a sua equipe, o paciente e a família conscientizando-os quanto a importância dos cuidados, a prevenção e a detecção de complicações, evitando consequências, diminuindo a ansiedade e a dependência do paciente. O profissional enfermeiro deve atuar como agente transformador no ambiente hospitalar e social junto aos indivíduos portadores de câncer de mama, a fim de conscientizar a equipe de saúde e família, quanto importância de uma prática assistencial devidamente apoiada em um conjunto de atividades criteriosamente estabelecidas, desde o momento do diagnóstico até a reabilitação, desse paciente, por se tratar de uma patologia de forte impacto físico e psicológico.

O surgimento do câncer depende da intensidade e duração da exposição das células aos agentes desencadeadores da doença. Em nível celular, câncer envolve desordem da regulação celular, replicação e inibição como resultado de um acúmulo de mutações no DNA da célula. É de fundamental importância que os aspectos emocionais dos pacientes com afecções neoplásicas como depressão, ansiedade, medo relacionado à morte, apatia, entre outros, sejam considerados e valorizados pela equipe de saúde. São cuidados prioritários a serem oferecidos a essa clientela, não sendo possível dissociar os efeitos negativos de uma baixo-estima situacional, medo e ansiedade no quadro geral do paciente e sua família. A situação vivenciada pela mulher mastectomizada imprime à equipe de saúde reflexão acerca do papel dos profissionais no atendimento à mulher, isto porque, as mamas, símbolos de sensualidade e fonte de alimento aos recém-natos, quando extirpadas, cirurgicamente, gera na mulher variados sentimentos. O vazio configurado na percepção da mulher associa-se ao medo da doença, a desconfiguração do “normal” e a problemas sexuais com o parceiro. Todas essas apreensões percebidas pela mulher mastectomizada podem ser sentidas pela enfermagem.

Neste sentido os profissionais de enfermagem precisam investir esforços na prevenção do câncer de mama, orientando e auxiliando a mulher na realização do auto-exame das mamas; quando se dá a descoberta do nódulo e durante todo tratamento, oferecendo-lhe assistência e apoio. Tal assistência requer estar voltada não apenas ao cuidado físico, mas principalmente, para o cuidado emocional e cultural da mulher, buscando assim, reduzir sua ansiedade e oferecer maior segurança e conforto, tendo em vista que cada mulher é um ser com sentimentos, costumes e vontades diferentes.


Biografia:
Profissional Área de Saúde.
Número de vezes que este texto foi lido: 193


Outros títulos do mesmo autor

Artigos A mortalidade infantil no Brasil Simone Silva
Artigos A saúde pública no Brasil Simone Silva
Artigos Saúde Coletiva x Saúde Pública Simone Silva
Artigos PACIENTES MASTECTOMIZADAS Simone Silva
Artigos CÂNCER DE MAMA Simone Silva


Publicações de número 1 até 5 de um total de 5.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 62976 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 53984 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 42934 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 40127 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 39997 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 38347 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 37086 Visitas
Amores! - 35115 Visitas
Desabafo - 34654 Visitas
Faça alguém feliz - 33056 Visitas

Páginas: Próxima Última