Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Cura poética
Flora Fernweh

As palavras são o remédio, o papel é a prescrição médica da alma, e a poesia... a poesia é a cura.


Biografia:
Sobre minha pessoa, pouco sei, mas posso dizer que sou aquela que na vida anda só, que faz da escrita sua amante, que desvenda as veredas mais profundas do deserto que nela existe, que transborda suas paixões do modo mais feroz, que nunca está em lugar algum, mas que jamais deixará de ser um mistério a ser desvendado pelas ventanias. 
Número de vezes que este texto foi lido: 147


Outros títulos do mesmo autor

Contos Velório de D. Morte Flora Fernweh
Haicais Mar quente da escrita Flora Fernweh
Artigos Impactos do isolamento social à saúde mental Flora Fernweh
Poesias Enigmática nobreza Flora Fernweh
Contos Rua sem saída Flora Fernweh
Sonetos Bile negra Flora Fernweh
Crônicas Poupe-me, passado Flora Fernweh
Frases Conhecer é sofrer? Flora Fernweh
Artigos Preconceito linguístico Flora Fernweh
Poesias Mar noturno Flora Fernweh

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última

Publicações de número 11 até 20 de um total de 148.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
TOMO TUDO - sigmar montemor 39786 Visitas
Lamento - FERNANDO 39609 Visitas
Desabafo - 38953 Visitas
viramundo vai a frança - 38461 Visitas
MANCHETE DE JORNAL - sigmar montemor 37613 Visitas
Faça alguém feliz - 37163 Visitas
Vivo com.. - 36402 Visitas
Parabéns, Daniel Dantas! - Carlos Rogério Lima da Mota 36329 Visitas
eu sei quem sou - 35325 Visitas
camaro amarelo - 35135 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última