Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Amanhã não saio fico em casa
Martinho do Rio

Resumo:
Talvez seja por ser tarde. Talvez seja por serem três da manhã e eu não me sentir lá muito bem.

Amanhã não saio fico em casa

Talvez seja por ser tarde. Talvez seja por serem três da manhã e eu não me sentir lá muito bem. Talvez seja por ser tímido. Talvez seja por ser medroso. E eu que bem que queria...Encontrei-a naquela boate e passei a noite toda a olhar para ela. Eu já a tinha visto antes. Eu já a tinha visto antes, mas foi só naquela noite quando saiu daquele restaurante que me atrevi a ir atrás dela. Foi por pouco tempo, até àquela esquina com aquela rua comprida onde a pude ver caminhar. Já devem ter percebido que simpatizo com ela. É verdade, simpatizo com ela. Gosto de a ver. Gosto de a ver caminhar. Tem um andar bonito, tem um andar elegante, que me atrai, que me deixa...como é que eu hei-de explicar... excitado...? É isso, excitado. E eu que raramente me excito...mas ela...mas ela...tem um não sei quê que me deixa excitado. Foi isso o que me atraiu nela. Eu não gosto muito de mulheres. Pode parecer que gosto mas não gosto. Só se elas tiverem aquele andar. Então nessa altura fico como que perdido, completamente perdido e quase que não respondo por mim. Mas como sou tímido não me atrevo. Vou atrás delas e não consigo. Não consigo ir mais longe. Mas desta vez...desta vez qualquer coisa me empurrou para àquela boate. E lá estava ela, a dançar, com aquelas pernas longas e aquele caminhar dengoso que me excita tanto. Esperei. Esperei que ela saísse e fui atrás dela. Ela ia acompanhada e eu mantive as distâncias. Esperei. Esperei até ele sair. E agora...E agora o que é que eu vou fazer...? Talvez me atreva. Talvez me atreva...a entrar. Para isso...Para isso tenho que a ver caminhar. Penso. Penso nela. Vejo-a. Vejo-a a caminhar. Aquele andar. Aquele andar dengoso...excitante...que me arrepia de felicidade...é o andar. É o andar. É o andar que me vai levar a ela. Penso. Penso. Penso e entro. Que excitante. Que excitante. Atrevi-me. Subo. Subo e entro no quarto. Escuro. Está escuro. Está escuro. Espero. Espero. Espero e vejo-a na cama. Dorme. Dorme. Dorme e eu observo-a. Onde está o andar? Onde está o andar ? Onde estão aquelas pernas ? Onde estão aquelas pernas? Atrevo-me. Atrevo-me. Tenho que a ver andar.
- Anda !
Grito para ela.
- Caminha !
Grito para ela.
Não caminha. Não caminha. Não anda. Não anda. Tiro-a da cama à força. Ela grita. Ela grita. Ela grita muito alto. Bato-lhe. Bato-lhe. Bato-lhe e ela continua a gritar. Bato-lhe mais e ela continua a gritar.
- Caminha ! Caminha !
Ela não caminha. Ela não caminha. só grita. Só grita.
- Anda! Anda !
Não anda. Não anda. Não anda e eu fico furioso. Bato-lhe. Bato-lhe. Bato-lhe até me doerem as mãos. Ela anda. Ela anda. Ela anda e eu excito-me. Eu excito-me. Eu excito-me. Eu excito-me e caio em cima dela.
Já a deixei. Já a deixei. Já a deixei na cama. Tapei-a. Tapei-a. Tapei-a com os lençóis e o cobertor. Vou para casa. Vou para casa. Amanhã. Amanhã. Amanhã não saio fico em casa.


Biografia:
Escritor com o primeiro livro já publicado
Número de vezes que este texto foi lido: 54901


Outros títulos do mesmo autor

Cartas A História de amor da minha avó Martinho do Rio
Contos Noite Escura Martinho do Rio
Juvenil Uma Estrela no Céu Martinho do Rio
Juvenil A Toca do Coelho Martinho do Rio
Contos A História de Amor de Inácio Cunha Martinho do Rio
Contos Voltei Para Buscar o Cão Martinho do Rio
Contos Amanhã não saio fico em casa Martinho do Rio
Contos Céu Cinzento Martinho do Rio
Contos O Convite Martinho do Rio
Contos Pentalfa Martinho do Rio

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 14.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
Minicurso sobre a redação no ENEM - Isadora Welzel 79731 Visitas
URBE - Darwin Ferraretto 59546 Visitas
Salvando computador muito ruim - Vander Roberto 55634 Visitas
81 anos da prisão e morte dos Rosas Brancas - Vander Roberto 55456 Visitas
Delícias da festa junina - Ivone Boechat 55378 Visitas
QUE SE... - orivaldo grandizoli 55371 Visitas
Lançamento do livro - Alberto Kopittke 55352 Visitas
Nua, totalmente indefesa - rodrigo ribeiro 55309 Visitas
A FARSA DA USURA - fabio espirito santo 55293 Visitas
O estranho morador da casa 7 - Condorcet Aranha 55275 Visitas

Páginas: Próxima Última