Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
COMO AFASTAR OS OBSESSORES
Como afastar os obsessores
Henrique Pompilio de Araujo

Resumo:
Não é uma tarefa fácil, mas aqui temos alguns exercícios para afastar estes irmãos não tão desejados.

COMO AFASTAR OBSESSORES
     Alguns obsessores são muito ruins e perturbam as pessoas de todas as formas. Quase sempre estas pessoas fizeram mal a eles no passado. Entretanto nós também podemos chamar alguns obsessores. Mesmo não sendo nossos inimigos. Temos espíritos rebeldes andando por toda parte todas as horas do dia. Eles não estão no inferno como dizem algumas religiões. Estão aqui conosco mesmo e se não estiverem em bom lugar, nos atormenta mesmo. Como podemos afastá-los?
     Antes de se deitar devemos fazer uma oração, mas orar profundamente e não rezar um pai Nosso e uma Ave Maria, mas conversar com Deus, o mestre Jesus e os nossos mentores, converse normalmente como se estivesse conversando com uma pessoa comum. Não há regras para orar a Deus.
     Você deve deitar com a barriga pra cima e meditar pelo menos por meia hora nas andanças do mestre Jesus, na pregação do seu evangelho, nos apóstolos convidando a todos para seguir a boa nova;
     Devo dormir pensando no mestre Jesus. Aí posso me virar para onde quiser. Aconselha-se a se virar na cama para não atropelar alguns órgãos do corpo.
     Durante o dia devo deixar sempre uma janela aberta para entrar ar na casa e a noite uma luz acesa, de preferência na sala. Os irmãos negativos gostam da escuridão;
     A casa deve estar limpa, sem coisas bagunçadas e tudo bem organizado;
     Nunca deixar pratos sujos na pia durante a noite. Pois eles vêm lamber o resto da comida. Enquanto o pessoal chega, a comida deve permanecer tapada e só destapar no ato de ingerir os alimentos;
     Nunca falar palavrões, nem nada negativo durante a comida, não ter pensamentos negativos;
     Dentro de casa não falar palavrões, aliás em lugar algum. Nunca chamar estranhos para dentro do quarto. O lugar de visitas é na sala. O quarto é um lugar sagrado do casal.
     Em casa que todos se respeitem, tratem a todos com dignidade, com amor e carinho. O amor verdadeiro deve imperar em todas as famílias.
     Jamais deve haver brigas com os membros da própria família. Eles vieram todos juntos para se acertarem, para se melhorarem. Do contrário vão renascer todos juntos em vidas futuras e em piores situações. Ambos podem nascer aleijados. Se os inimigos forem tão ferrenhos, podem nascer pregados um no outro. Da metade para baixo uma pessoa, da metade para cima duas. Já pensou dois inimigos assim. No dia que um morrer o outro morre também.
     Não faça uso de vícios, nenhum deles, pois todos são prejudiciais a saúde. O uso de vícios é o maior chamativo de espíritos obsessores. Também não abuse do sexo. Sexo é uma coisa sagrada e deve ser feito somente com o casal que se ama.
     Em todas as casas precisam ser feitas orações. Os obsessores gostam de casa onde ninguém ora, ninguém reza, não importa a religião. Alguns obsessores gostam tanto da casa que dizem morar ali e quando o dono vier a falecer, eles continuam ali como se fossem os novos donos. Em casa onde todos devem se dar bem, oram e sigam o caminho da paz e do amor, eles nem conseguem entrar. Se você notar bem, você mesmo chama muitos obsessores para dentro de casa. Esteja sempre ligado ao mestre Jesus, orem sempre, não importa o lugar. Não ore somente quando a situação não estiver boa, mas todos os dias. O mestre Jesus está sempre conosco, mas nós é que esquecemos dele. Que Deus tenha misericórdia de todos nós, mortais.


Biografia:
Henrique Pompilio de Araújo, nascido em Campo Mourão PR e radicado em Cuiabá MT. Começou a escrever desde cedo. Professor aposentado, bacharel em Direito e Teologia. Trabalhou em diversas escolas em Cuiabá e alguns jornais do Estado. Publicou sua primeira obra em 1977: Secos & Molhados - Poemas. Ultimamente publicou outros livros: "Flores do Além" Poemas, "Contos da Espiritualidade" - Contos, "Nas curvas da vida" Memórias, "Cinquenta contos" Contos. Há muitas obras ainda esperando edição.
Número de vezes que este texto foi lido: 53143


Outros títulos do mesmo autor

Ensaios COMO VIVER MAIS DE CEM ANOS Henrique Pompilio de Araujo
Ensaios COLÔNIA DAS ÁGUAS Henrique Pompilio de Araujo
Ensaios CIÊNCIAS OCULTAS Henrique Pompilio de Araujo
Ensaios CIDADES UMBRALINAS Henrique Pompilio de Araujo
Ensaios Chico deu continuidade às obras de Kardec Henrique Pompilio de Araujo
Ensaios AVISO DOS PLEIADIANOS Henrique Pompilio de Araujo
Ensaios Almas gêmeas, existem ou não existem? Henrique Pompilio de Araujo
Ensaios A minha missão na terra Henrique Pompilio de Araujo
Poesias A escuridão é poderosissima Henrique Pompilio de Araujo
Poesias Energia dos Espíritos Henrique Pompilio de Araujo

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 62.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
JASMIM - evandro baptista de araujo 69080 Visitas
ANOITECIMENTOS - Edmir Carvalho 57979 Visitas
Contraportada de la novela Obscuro sueño de Jesús - udonge 57634 Visitas
Camden: O Avivamento Que Mudou O Movimento Evangélico - Eliel dos santos silva 55906 Visitas
URBE - Darwin Ferraretto 55224 Visitas
Entrevista com Larissa Gomes – autora de Cidadolls - Caliel Alves dos Santos 55205 Visitas
Caçando demónios por aí - Caliel Alves dos Santos 55085 Visitas
Sobrenatural: A Vida de William Branham - Owen Jorgensen 54962 Visitas
ENCONTRO DE ALMAS GENTIS - Eliana da Silva 54953 Visitas
Coisas - Rogério Freitas 54939 Visitas

Páginas: Próxima Última