Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Expressionismo
Flora Fernweh

No início do século XX, surgiu na Alemanha um movimento cultural chamado Expressionismo. Marcado por mudanças políticas sociais e intelectuais, típicas dos tempos de ruptura, e influenciado pelas sombras da Primeira Guerra Mundial. O forte pessimismo, a alusão aos temas sombrios e melancólicos relacionados à solidão e à morte são características que refletem esse contexto histórico.

O expressionismo fazia uma clara oposição ao impressionismo e ao positivismo ao expressar sentimentos e do mundo interior, com foco na subjetividade e na experiência sensorial. Nas artes, predominam os traços fortes, as cores vibrantes e contrastantes, o uso de técnicas e pinceladas violentas, e a representação de figuras distorcidas. Já na literatura, se fazem presentes uma linguagem mais grotesca, direta e metafórica, improvisos, a renovação de estilos, exemplificada pela quebra com o academicismo e com a racionalidade, garantindo uma maior liberdade das formas além da expressão de emoções intensas com um forte embasamento psicológico, por meio da análise subconsciente.

O movimento atingiu seu auge com a revista “Der Sturm”, que permitiu um maior alcance de seus ideais, e em 1918, o único manifesto expressionista que descrevia as características e aspirações do movimento, foi publicado por Kasimir Edschmid, no qual o autor afirma que ao invés de ver, o artista percebe. Enfatizando mais uma vez, o poder das percepções.

Entre os principais nomes, podemos citar na arte, o holandês Vincent Van Gogh, que tornou-se célebre por conta de suas obras de cores fortes e traços marcantes. Outro importante artista, Edvard Munch, imortalizou em sua obra “O Grito”, a síntese de tudo aquilo que os expressionistas pregavam, retratando a angústia e o desespero humano. Além desses, ressalta-se o trabalho de Ernst Kirchner, que foi um dos fundadores do grupo expressionista “Die Brücke”, responsável por revolucionar o fazer artístico. Enquanto isso, na literatura, há um destaque para o poeta austríaco Georg Trakl, que posteriormente cometeu suicídio, fazendo jus ao movimento artístico e literário ao qual se filiou. Pode-se identificar também, através de uma linguagem mais criteriosa e sensível, traços nítidos do impacto expressionista em obras do conceituado autor Franz Kafka.

Vanguardeiro, ou seja, pioneiro ao lançar a base de novos conceitos e pensamentos, os ecos do expressionismo não se restringiram ao (até então) “civilizado” mundo europeu. Seu legado para o Brasil pode ser identificado no Modernismo. Ideais do movimento reverberaram em Portinari, por exemplo, pertencente à segunda geração modernista, o artista exprimia em suas obras, situações que clamavam por cores contrastantes, ao explorar temas de forte cunho social. Do mesmo modo, é inegável que o movimento impactou as mais variadas linguagens artísticas, como a música, o cinema e o teatro, o que de fato demonstra a atuação do Expressionismo como uma possibilidade de expressar o lado mais humano que nos é indissociável.


Biografia:
Sobre minha pessoa, pouco sei, mas posso dizer que sou aquela que na vida anda só, que faz da escrita sua amante, que desvenda as veredas mais profundas do deserto que nela existe, que transborda suas paixões do modo mais feroz, que nunca está em lugar algum, mas que jamais deixará de ser um mistério a ser desvendado pelas ventanias. 
Número de vezes que este texto foi lido: 81


Outros títulos do mesmo autor

Poesias É preciso (re)pensar a infância brasileira Flora Fernweh
Crônicas Sobre a subjetividade Flora Fernweh
Poesias Poema dadaísta Flora Fernweh
Artigos Maternidade e mercado de trabalho em questão no Brasil Flora Fernweh
Poesias Língua de poeta Flora Fernweh
Artigos Expressionismo Flora Fernweh
Haicais Anoiteceu Flora Fernweh
Artigos A situação da saúde no Brasil: problemas e soluções Flora Fernweh
Artigos Causas e consequências do movimento antivacina Flora Fernweh
Crônicas Ânsia da escrita Flora Fernweh

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 205.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2021
 
  Textos mais lidos
viramundo vai a frança - 76542 Visitas
Sem - ANDERSON CARMONA DOMINGUES DE OLIVEIRA 62275 Visitas
NÃO ERA NADA - Alexsandre Soares de Lima 50444 Visitas
O Trenzinho - Carlos Vagner de Camargo 50241 Visitas
Os Morcegos - Nato Matos 49735 Visitas
IHVH (IAHUAH) e ISV (IASHUA) - Gileno Correia dos Santos 49500 Visitas
Pensamento 21 - Luca Schneersohn 49442 Visitas
A TRISTEZA E O SIM DA VIDA - Alexsandre Soares de Lima 49152 Visitas
MILA, A MENINA QUE MORAVA DENTRO DE UM COGUMELO - Saulo Piva Romero 48960 Visitas
Solidão que nada - Morgana Bellazzi de Oliveira Carvalho 48910 Visitas

Páginas: Próxima Última