Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Contradições
Regina Vieira

Se durmo, não vejo
O que se passa comigo
Se acordo meu sonho passa
E eu o esqueço como esqueci
Os sonhos passageiros que deixei passar.

Entre o sonho e o acordar, é melhor
O enlevo de minha fantasia
Bálsamo que colore todo meu dia
Impulsiona-me a viver ardente
Vendo no escuro uma estrela cadente
Que nasceu no céu porque eu precisava.

Fecho os olhos, apalpo no ar
O inatingível de minhas andanças
Abro os olhos e cheios de esperanças
Eles procuram na luz meu desejo
Algo talvez como um lampejo
Que não pede muito, nem nada além
Do que de tão simples passa como ensejo
Ou se perde na distancia de um beijo
Meu desejo é um simples nada!   


Biografia:
Doutora em letras Professora de Francês/Inglês/Português Autora de seis livros
Número de vezes que este texto foi lido: 54712


Outros títulos do mesmo autor

Monografias Subfundamentos da escrita Regina Vieira
Poesias INCERTEZAS Regina Vieira
Poesias Contradições Regina Vieira
Poesias Reflexões em verso Regina Vieira
Contos Inventivas verossimilhantes Regina Vieira
Ensaios A prosa à luz da poesia Regina Vieira
Romance Bernardo, o imprevisível Regina Vieira
Poesias TEMPO DE MUDANÇA Regina Vieira
Poesias PERGUNTAS, DÚVIDAS, INQUIETAÇÕES Regina Vieira


Publicações de número 1 até 9 de um total de 9.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
Vivo com.. - 54811 Visitas
DIVINO SER - Ivan de Oliveira Melo 54807 Visitas
🔴 Atila, o rei dos energúmenos - Rafael da Silva Claro 54804 Visitas
O que e um poema Sinetrico? - 54803 Visitas
Carta para Sophie Scholl nº 2 - Junho/2024 - Vander Roberto 54803 Visitas
A força do recomeço de empresários atingidos pelas enchentes - Isnar Amaral 54801 Visitas
sei quem sou? - 54800 Visitas
viramundo vai a frança - 54798 Visitas
MENINA - 54798 Visitas
camaro amarelo - 54796 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última