Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Um Rio Chamado Tristeza
João Tomaz Parreira


Na margem sentado, molho os pés
na tristeza

as águas turvam
o meu reflexo

-eu impresso
na seda das águas?,reuno
com o copo
das mãos

a espuma
do meu rosto.



Biografia:
Poeta e jornalista religioso evangélico, nascido em 1947, Lisboa. Tem 5 livros de poesia e ensaio teológico publicados entre 1973-1996. Participa de várias antologias,editadas entre 1971-2006. No âmbito oficial da Aliança Evangélica Portuguesa tem proferido anualmente conferências literárias, designadamente sobre Fernando Pessoa,José Saramago e Albert Camus. Reside com a mulher em Aveiro.
Número de vezes que este texto foi lido: 54816


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Regresso a casa depois da tarde João Tomaz Parreira
Poesias Poema para um futuro Outono João Tomaz Parreira
Poesias Alguém Nos Exilou As Liras João Tomaz Parreira
Ensaios A Pressa do Cântico Negro de José Régio João Tomaz Parreira
Poesias Um Rio Chamado Tristeza João Tomaz Parreira
Poesias Nada, Nem Mesmo a Chuva João Tomaz Parreira
Poesias América, América João Tomaz Parreira
Poesias O Deus Visível João Tomaz Parreira


Publicações de número 1 até 8 de um total de 8.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
Carta a universitária - ERNANDES NASCIMENTO 54818 Visitas
Anjo da noite ☁ - Joyce Carolynne 54818 Visitas
A FONTE - Aníbal Benévolo Bonorino 54818 Visitas
ALDRAVIA PSR 04 - Paulo Sérgio Rosseto 54818 Visitas
Sou um assassino - Luis Fernando Nussbaum Deschamps 54818 Visitas
Momento - Paulo Lucena 54818 Visitas
Alvaro Sertano"PRÁ LEMBRAR DE VOCÊ"! - Alvaro Sertano 54818 Visitas
🔴 Posicionamento político, desde que... - Rafael da Silva Claro 54818 Visitas
Soneto do não dizer nada - Rebeckah Campos 54817 Visitas
Prepara! - Colares Filho 54817 Visitas

Páginas: Próxima Última