Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
O GRANDE BLOCO DE MÁRMORE
devilirio

Sempre tive gosto por deslumbrar magníficas esculturas com todos os seus detalhes realistas e olhares dos quais quase consegue-se captar sentimento. Desejei do fundo do meu coração uma dessas para chamar de minha, considero-me merecedora, afinal, também carrego algumas verdades.
No entanto, nem sempre temos a sorte de receber a porta de casa uma obra prima de Michelangelo para decorar a sala de estar. Na maioria das vezes, como no meu caso, tem que se enfrentar o bloco de mármore. Uma assustadora e fria pedra, que te encara como um desafio indecifrável e ameaça te esculpir ela mesma a cada segundo que a encara planejando a próxima martelada. E ela o faz, durante o processo, ao ponderar acerca de quais curvas e efeitos mais te agradam, seu olhar e seu eu são aguçados para descobrir os mais específicos detalhes que irão enfeitar não somente o cômodo, mas também o seu ser.
O trabalho foi árduo, por fim, restam poucos ajustes a serem feitos, mas tal peça já deveria estar a me iluminar. Não sei o que falta, seus olhos quase exprimem sentimento, suas mãos quase emanam calor, ao encostar a cabeça em seu peito quase ouço as batidas, quase, quase, quase... Achei que possuir a peça afastaria-me dessa palavra e aproximaria-me do fato, mas não, continua a ser pedra, fria e imóvel. Qualquer que seja minha próxima martelada, a ela não faz diferença, se eu partir, indiferente também será sua expressão. Como posso pautar a decoração do meu lar em algo apático à parte mais importante dele: eu. Mesmo que possua as mais belas curvas, os mais apaixonantes olhos e o mais aconchegante abraço... é tudo falso, é tudo pedra e nunca deixará de ser.


Biografia:
Número de vezes que este texto foi lido: 312


Outros títulos do mesmo autor

Poesias FALTA devilirio
Poesias O desafio devilirio
Contos O GRANDE BLOCO DE MÁRMORE devilirio
Poesias Teu peito devilirio
Poesias Calorosa partida devilirio
Contos A Busca devilirio


Publicações de número 1 até 6 de um total de 6.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 66698 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 55328 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 43816 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 43574 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 43455 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 41002 Visitas
Amor e Perdão - Amilton Maciel Monteiro 40963 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 40258 Visitas
TOMO TUDO - sigmar montemor 39436 Visitas
Lamento - FERNANDO 39333 Visitas

Páginas: Próxima Última