Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Apelo pelo amor próprio .
Patrícia Rodrigues

Hoje eu me olhei no espelho
Subitamente me vi diferente
Mais humana, mais gente
Sem maquiagem, sem o esmalte nas unhas
Só eu e eu
E quem dera entender que beleza não é sinônimo de felicidade
A audácia de se enxergar verdadeiramente bonita pelos seus traços
escolhidos para formar o conjunto de olhos, nariz e boca que tu tens
Quão bela te tornas pelo teu interior
Pelo que semeia dentro do coração
Pelo choro, pelo riso
Tudo é reflexo da alma
Se bem atribuído se torna transparente no que sente
Se sinta, se sente e se ama
Que vão te amar também.


Biografia:
Número de vezes que este texto foi lido: 29015


Outros títulos do mesmo autor

Ensaios Apelo pelo amor próprio . Patrícia Rodrigues
Discursos Anseio pela liberdade. Patrícia Rodrigues

Páginas: Primeira Anterior

Publicações de número 11 até 12 de um total de 12.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
Vivo com.. - 34393 Visitas
eu sei quem sou - 33278 Visitas
camaro amarelo - 33217 Visitas
CÉREBRO HUMANO - Tércio Sthal 33125 Visitas
sei quem sou? - 33094 Visitas
MENINA - 33046 Visitas
A menina e o desenho - 32954 Visitas
O que e um poema Sinetrico? - 32940 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 32919 Visitas
viramundo vai a frança - 32899 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última