Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Aquele cujo fome espera
Marco Antônio de Araújo Bueno

Resumo:
Aquele cuja fome espera A fome que estará saciada No outro, enquanto este, quimera, Padece de fome engaiolada... E, se o que sacia a fome está, sempre Apenas onde nós a pomos, Pra que enraizar felina fome Entre patas caninas e alpiste sem nome!? E se, então, surgir a liberdade Que desmoronasse a espera em cadeia E desencadeasse uma fome dual ?! Libertos estariam, um para o outro, E, ambos, para a saciedade Ou para uma liberdade de esfomear-se da falta... Por Marco Antônio de Araújo Bueno Trata-se do Exercício ! da Oficina de Produção Literária ministrada pelo escritor Nelsol de Oliveira. Consistia em produzir um texto em 15', a partir de um grafismo onde se via um cão sob uma árvore olhando para um gato que, de um galho, olhava, faminnto, para a gaiola de um pássaro no galho acima. O hermetismo e algum "lacanismo" pareceram-me incontornáveis. E gosto do Soneto, enquanto estrutura formal.

Aquele cuja fome espera
      A fome que estará saciada
      No outro, enquanto este, quimera,
      Padece de fome engaiolada...

      E, se o que sacia a fome está, sempre
      Apenas onde nós a pomos,
      Pra que enraizar felina fome
      Entre patas caninas e alpiste sem nome!?

      E se, então, surgir a liberdade
      Que desmoronasse a espera em cadeia
      E desencadeasse uma fome dual ?!

      Libertos estariam, um para o outro,
      E, ambos, para a saciedade
      Ou para uma liberdade de esfomear-se da falta...

                                                  Por Marco Antônio de Araújo Bueno

                                                    

                                                                                              
                                                                                          


Biografia:
Vide Blogs: www.literaujobueno.blogspot.com wwwaraujobueno.blogspot.com
Número de vezes que este texto foi lido: 29552


Outros títulos do mesmo autor

Poesias "Incidente" Marco Antônio de Araújo Bueno
Contos "Punho na Goma" Marco Antônio de Araújo Bueno
Contos "Holograma" Marco Antônio de Araújo Bueno
Contos "Gengibre's Sucurity" Marco Antônio de Araújo Bueno
Poesias "Portal Neuromancer" Marco Antônio de Araújo Bueno
Poesias "Anjo Latindo" Marco Antônio de Araújo Bueno
Poesias "Esse Tempo Insondável" Marco Antônio de Araújo Bueno
Poesias "Mea Culpa" Marco Antônio de Araújo Bueno
Poesias "O Muro de Belinha" Marco Antônio de Araújo Bueno
Poesias "Ao Céu, no mar" Marco Antônio de Araújo Bueno

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 51.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 66811 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 55340 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 43828 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 43581 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 43463 Visitas
Amor e Perdão - Amilton Maciel Monteiro 41054 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 41015 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 40308 Visitas
TOMO TUDO - sigmar montemor 39491 Visitas
Lamento - FERNANDO 39389 Visitas

Páginas: Próxima Última