Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Vida Amarrada II - Lenda Dupiniquim
J. Miguel

Vida AmarradaII
O retorno do Cacique Pau-de-Bater-Em-Doido(Lenda Dupiniquim)- É do Piniquim mesmo...

Conta uma velha lenda da tribo Dupiniquim (que só Deus sabe como esse autor que vos escreve aprendeu!), que Touro Agachado e Perereca Fogosa estavam tão apaixonados que foram procurar o Pajé Cabra-da-Peste para que lhes desse uma mandinga ou patuá, que eternizasse sua paixão.
O pajé, que estava bebendo a terceira das quatro garrafas de cachaça que trocara com o homem branco pelas suas duas filhas adolescentes, pitou o cachimbo recheado de cânhamo, cheirou uma carreirinha dum pó branco que estava sobre o espelhinho que trocara pela última esposa e sentenciou:
-Tem uma coisa, mas é muito difícil mizifio! Primeiro, tu, Touro Frouxo, vais até a serra do Macaco Priáptico e colocas a cabeça em um buraco por duas noites e dois dias. E tu, Galinha Safada, entra na minha tenda e deita na minha rede, que eu já vou lá...
-Errr... Pastor! Meu nome é Touro Agachado e o dela é Perereca Fogosa...
- Foi o que eu disse Chifrudo Tonto... e Pastor é a mãe!
Para não entrar em uma discussão com o sábio, o guerreiro empreendeu a caminhada de dois meses até a Serra do Macaco Priáptico. Lá chegando, encontrou um buraco e manteve heroicamente a cabeça lá dentro por dois dias. Heroicamente, porque Tupã, o irmão de Baco, chegado numa sacanagem, mandou os macacos fazerem fila na bunda do
coitado. Dizem que teve até um mico que colocou uma plaquinha ao lado das nádegas gloriosas: "SEXO CASUAL, AQUI!". Isso sem contar os mosquitos e as abelhas.
Findo o prazo, Touro Agachado retornou bravamente para a aldeia, onde Piranha Safada, ops! Perereca Fogosa o aguardava, com um bucho de três meses. Desiludido, Touro Agachado voltou para seus macacos, que ao menos o tratavam com muito carinho e consideração.
Moral da História: tenho que descobrir o que andam colocando nesse negócio que eu tô fumando.


Biografia:
"Fazer chorar é fácil; desafio mesmo é fazer rir."
Número de vezes que este texto foi lido: 30355


Outros títulos do mesmo autor

Humor O Homem Pajé J. Miguel
Humor Lei Seca em Mianmar J. Miguel
Infantil Pepo J. Miguel
Poesias Meu Latim J. Miguel
Poesias Poesia Tem Cor J. Miguel
Poesias Trás de Casa Passa um Rio J. Miguel
Poesias O Bem-te-vi J. Miguel
Humor Capitão Aza J. Miguel
Poesias Violentas Violetas J. Miguel
Crônicas Demônios e Úlceras J. Miguel

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 23.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 66225 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 55156 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 43707 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 43326 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 42939 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 40860 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 39765 Visitas
Amores! - 38239 Visitas
Desabafo - 37481 Visitas
Amor e Perdão - Amilton Maciel Monteiro 37351 Visitas

Páginas: Próxima Última