Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Era uma vez na Segunda Guerra Mundial
Caliel Alves dos Santos

Resumo:
Leia contos da Segunda Guerra Mundial abordando o drama, o horror e a aventura.

A New Pop Editora tem um histórico de publicações for da curva. Seu catálogo é cheio de obras undergrounds, muito distante da saturação dos shonen e mahou shoujo de outras editoras. Mas acerta na publicação de obras curtas, com boa qualidade gráfica e que atinge leitores e leitoras de outras demografias, como os LGBT+ e adultos. El Alamein e outras batalhas é um desses mangás que valem ter na estante.
A coletânea de Yukinobu Hoshino reúne verdadeiras ficções históricas narradas através da 9ª arte. O ambiente á a Segunda Guerra Mundial, só incluindo outros elementos como o horror, a aventura, a espionagem e o drama, tudo em um volume único. A perspectiva nipônica sobre essa guerra que dividiu o século XX é pouco abordada no ocidente, conhecemos muito pouco do que lá aconteceu entre 1939 a 1945.
O autor nasceu no Pós-Guerra, em 1954, em Kushiro, na ilha de Hokkaido, ao norte do arquipélago nipônico. Ele chegou a cursar a universidade de Belas Artes e Música, mas desistiu. Suas obras envolvem ficção histórica e ficção científica hard, com um belo traço gekigá, realçando cenários com uma ótima ambientação. É um autor muito detalhista, tanto em pesquisa quanto em representação de objetos e máquinas.
A coletânea El Alamein e outras histórias foi publicada originalmente pela editora Gentosha Comics, na Revista Comic Birz entre os anos de 1996 a 1998. São cerca de cinco histórias, seis, se levarmos em conta que a quinta história é dividida em duas partes. Funcionam muito bem como contos de guerra. A história que dá nome ao título une muito bem ficção histórica e o fantástico.
É óbvio que ao ler, o leitor ou leitora gostará mais de uma do que de outra obra, mas todos os contos entretêm ao mesmo tempo em que nos faz refletir sobre o horror da guerra. Mas as histórias que eu mais gostei foram Mangá da Desonra Nacional 1 & 2. É nessa reconstituição dos fatos históricos que o autor Yukinobu Hoshino tece as suas críticas mais ácidas sobre o Japão do Pós-Guerra e o imperialismo estadunidense, são várias referências visuais, algumas eu não peguei, mas me fizeram rir.
O mangá está disponível em algumas lojas de quadrinhos online e livrarias especializadas. São 244 páginas em p/b, formato 15,2 x 22,6 cm, o miolo em papel offset e capa cartonada. Críticas mesmo só a capa pouco inspirada e a encadernação, pareceu faltar um pouco de cola na lombada. Mas não atrapalhou a minha leitura não, e continuo a recomendar a obra pra quem curte histórias de guerra.
Para adquirir, acesse:

Link 1- http://www.comix.com.br/el-alamein-e-outras-batalhas.html
Link 2- https://www.amazon.com.br/El-Alamein-Yukinobu-Hoshino/dp/8560647287/
Link 3- https://www.rika.com.br/el-alamein-e-outras-batalhas14001148/p
Link 4- https://www.submarino.com.br/produto/2875521600?opn=XMLGOOGLE


Biografia:
Caliel Alves nasceu em Araçás/BA. Desde jovem se aventurou no mundo dos quadrinhos e mangás. Adora animes e coleciona quadrinhos nacionais de autores independentes. Começou escrevendo poemas e crônicas no Ensino Médio. Já escreveu contos, noveletas, resenhas e artigos publicados em plataformas na internet e em algumas revistas literárias. Desde 2019 vem participando de várias antologias como Leyendas mexicanas (Dark Books) e Insólito (Cavalo Café). Publicou o livro de poemas Poesias crocantes em e-book na Amazon.
Número de vezes que este texto foi lido: 47311


Outros títulos do mesmo autor

Resenhas Rosas cor de sangue Caliel Alves dos Santos
Resenhas A arma faz o bom soldado Caliel Alves dos Santos
Resenhas No inferno? Queime! Caliel Alves dos Santos
Ensaios Naruto e a pedagogia do oprimido Caliel Alves dos Santos
Resenhas Arte perfeita e destrutiva Caliel Alves dos Santos
Resenhas Era uma vez na Segunda Guerra Mundial Caliel Alves dos Santos
Resenhas Desçamos todos a cova Caliel Alves dos Santos
Resenhas No espaço sem fronteiras Caliel Alves dos Santos
Resenhas À espreita do insólito Caliel Alves dos Santos
Resenhas Guardando na memória para depois me alembrar Caliel Alves dos Santos

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 129.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2021
 
  Textos mais lidos
O cocheiro - Onihara 50256 Visitas
Na caminhada do amor e da caridade - Rosângela Barbosa de Souza 50066 Visitas
La senda de las flores oblicuas - Eva Feld 50029 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 50004 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 49996 Visitas
Entrevista com Larissa Gomes – autora de Cidadolls - Caliel Alves dos Santos 49799 Visitas
Caçando demónios por aí - Caliel Alves dos Santos 49796 Visitas
saudades de chorar - Rônaldy Lemos 49783 Visitas
NÃO FIQUE - Gabriel Groke 49755 Visitas
IHVH (IAHUAH) e ISV (IASHUA) - Gileno Correia dos Santos 49719 Visitas

Páginas: Próxima Última