Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
OTONIEL E TALMAI
Saulo Piva Romero

OTONIEL E TALMAI
HOUVE UM TEMPO EM QUE A CIDADE DE CANAÃ FOI INVADIDA POR UMA RAÇA DE HOMENS GIGANTESCOS CHAMADOS ANAQUINS. ELES VIVIAM NO MONTE HEBROM E ERAM BRIGUENTOS, OS GIGANTES ANAQUINS POSSUÍAM UMA FORÇA DESCOMUNAL E ALÉM DISSO, ERAM CRUÉIS, E IMPIEDOSOS COM QUEM SE ATREVESSE A ENFRENTÁ-LOS NUM CAMPO DE BATALHA.
MA S HAVIA UM DENTRE OS GIGANTES ANAQUINS QUE ERA MUITO BONDOSO E NÃO CONCORDAVA COM O MODO QUE SEU POVO TRATAVA QUEM NÃO FAZIA PARTE DA SUA RAÇA. ELE ERA CONHECIDO COMO TALMAI.
ELE ERA UM ANAQUIM QUE SE DIFERENCIAVA DOS DEMAIS, POIS, APESAR DE SER UM DOS GIGANTES MAIS FORTES DA SUA RAÇA, ERA BONDOSO E GENEROSO E ISSO FAZIA COM DESPERTASSE A IRA DOS SEUS DESCENDENTES CONTRA ELE,
TALMAI SEMPRE FOI BEM-INTENCIONADO E JUSTO. ASSIM ELE PASSOU A SER MALTRATADO E CAÇOADO POR TODOS OS GIGANTES DA SUA RAÇA E TAMBÉM PELO SEU PAI ANAQUE E PELOS SEUS IRMÃOS AIMÃ E SESAI.
TALMAI DECIDIU FUGIR PARA BEM LONGE DA SUA TRIBO, POIS, JÁ ESTAVA CANSADO DE SOFRER COM AS HUMILHAÇÕES E AGRESSÕES QUE RECEBIA DO SEU POVO AO LONGO DOS ANOS.
ASSIM ELE PASSOU A VIVER COMO UM NÔMADE, ORA NUMA CIDADE, ORA NOUTRA. ENTÃO FOI VIVENDO ASSIM QUE ELE CRUZOU O DESERTO E CONHECEU OS HEBREUS E COM O PASSAR DO TEMPO, O GIGANTE SE TORNOU UM ALIADO DO EXÉRCITO HEBREU E CONHECEU OTONIEL.
TALMAI SEGUE CAMINHANDO PELO DESERTO E DE REPENTE SE DEPARA COM UM CASAL QUE ESTÁ CAVALGANDO RUMO A LUA DE MEL E ENTÃO O CAVALO SE ASSUSTA COM A SUA PRESENÇA, ENTÃO O CAVALO SE EMPINANDO LANÇA O CASAL NO CHÃO.
O NOIVO É PISOTEADO PELO CAVALO E ASSIM PERDE OS MOVIMENTOS DAS PERNAS. ENTÃO O BONDOSO GIGANTE SE OFERECE PARA ACOMPANHAR O CASAL DE VOLTA AO ACAMPAMENTO HEBREU.

QUANDO O GIGANTE CHEGA AO ACAMPAMENTO ACOMPANHADO DO CASAL, OTONIEL PARTE PARA A BRIGA COM ELE, MAS A FORÇA DA GIGANTESCA CRIATURA FAZ A DIFERENÇA. ASSIM TALMAI AGARRA OTONIEL E FOGE ASSUSTADO. ASSIM OTONIEL SE TORNA PRISIONEIRO DO ANAQUIM. MAS COM O PASSAR DOS DIAS, O GUERREIRO OTONIEL PERCEBEU QUE O GIGANTE ERA UMA CRIATURA BONDOSA E AMÁVEL. ASSIM TALMAI LIBERTA OTONIEL E OS DOIS PASSAM ASER GRANDES AMIGOS.
PASSADOS ALGUNS ANOS, OTONIEL E ALGUNS SOLDADOS HEBREUS SOBE ATÉ O PICO MAIS ALTO DO MONTE HEBROM A PROCURA DE ALIMENTOS PARA SACIAREM A FOME.
OTONIEL DESCOBRE QUE O LUGAR É HABITADO PELOS GIGANTES QUE AO PERCEBEREM QUE ESTÃO SENDO ATACADOS PELOS HEBREUS COMEÇAM UMA LONGA E CANSATIVA BATALHA CONTRA ELES.
NO DECORRER DO COMBATE, O CAPITÃO OTONIEL É FERIDO E JOGADO NUMA RIBANCEIRA. MAS, TALMAI QUE ESTAVA OBSERVANDO O ACAMPAMENTO ANAQUIM BEM DE LONGE VÊ SEU AMIGO SER EMPURRADO PARA A RIBANCEIRA. ENTÃO, O BOM E GENEROSO GIGANTE CORREU PARA SOCORRÊ-LO E PRGUNTOU:
- VOCÊ VAI DESISTIR DE LUTAR CONTRA A MINHA RAÇA? EU ESTOU DO SEU LADO, POIS, MEU POVO NÃO MERECE QUE EU OS DEFENDA.
ENTÃO, O GUERREIRO OTONIEL SE LEVANTA PRONTO PARA GUERREAR AO LADO DE TALMAI.
O COMBATE ENTRE OS HEBREUS E OS ANAQUINS COMEÇA E COM A AJUDA DE TALMAI, OS HEBEUS VENCEM OS GIGANTES.
AGRADECIDO COM A AJUDA DE SEU AMIGO GIGANTE, OTONIEL ABRE AS PORTAS DO ACAMPAMENTO HEBEU PARA QUE ELE VIVA NELE COMO SE FOSSE UM LEGÍTIMO SOLDADO DO EXÉRCITO HEBREU, POIS ELE HAVIA PROVADO A SUA HONESTIDADE E BONDADE QUANDO O SALVOU NO MOMENTO DA SUA QUEDA DA RIBANCEIRA.
ASSIM OTONIEL E TALMAI FORTIFICARAM AINDA MAIS OS LAÇOS DE AMIZADE PROVANDO QUE AS APARÊNCIAM ENGANAM.
OTONIEL E TALMAI DEPOIS DESSE EPISÓDIO DA QUEDA NA RIBANCEIRA SE TORNARAM AMIGOS INSEPARÁVEIS E QUANDO OTONIEL FOI NOMEADO PARA O CARGO DE PRIMEIRO JUIZ DE ISRAEL, TALMAI, O GIGANTE BONACHÃO SE TORNOU UM DOS MELHORES OFICIAIS DO EXÉRCITO HEBREU DE TODOS OS TEMPOS.





Biografia:
Saulo Piva Romero, professor de Língua Portuguesa e Poeta, 49 anos. Nasceu em São Paulo no dia 9 de março de 1972. Começou a escrever poesias aos 18 anos. É formado em Letras pelas Faculdades Associadas do Ipiranga com Licenciatura Plena em Língua Portuguesa, Inglesa e Literatura.Em 2000 publicou seu primeiro livro Vida, amor e esperança.
Número de vezes que este texto foi lido: 47289


Outros títulos do mesmo autor

Contos INDIRA E A ELEFOA Saulo Piva Romero
Contos A ILHA DAS GAIVOTAS Saulo Piva Romero
Poesias O VULCÃO DE PERUÍBE Saulo Piva Romero
Contos O BAILE DA PRIMAVERA Saulo Piva Romero
Contos A COROA DO IMPERADOR Saulo Piva Romero
Contos A VACA FOI PARA O BREJO Saulo Piva Romero
Contos BELINHA E O CHAPÉU COR-DE- ROSA Saulo Piva Romero
Contos A BRUXA QUE SE TRANSFORMAVA EM PRINCESA Saulo Piva Romero
Contos O CASAMENTO DA FILHA DO SOL E DA LUA Saulo Piva Romero
Contos O SONHO DO CAÇADOR Saulo Piva Romero

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 305.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2021
 
  Textos mais lidos
O cocheiro - Onihara 50256 Visitas
Na caminhada do amor e da caridade - Rosângela Barbosa de Souza 50066 Visitas
La senda de las flores oblicuas - Eva Feld 50029 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 50004 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 49996 Visitas
Entrevista com Larissa Gomes – autora de Cidadolls - Caliel Alves dos Santos 49799 Visitas
Caçando demónios por aí - Caliel Alves dos Santos 49796 Visitas
saudades de chorar - Rônaldy Lemos 49783 Visitas
NÃO FIQUE - Gabriel Groke 49761 Visitas
IHVH (IAHUAH) e ISV (IASHUA) - Gileno Correia dos Santos 49719 Visitas

Páginas: Próxima Última