Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Guardando na memória para depois me alembrar
Caliel Alves dos Santos

Resumo:
Ótimo livro para desfiar a memória alagoinhense.

Como estudante de graduação em História, tudo que remete a trajetória humana me encanta. Mais se tem algo dentro do processo histórico que alimenta a minha curiosidade, é a memória. O ser humano é o único bicho que Deus fez com capacidade para registrar tudo o que faz e pensa. E com Alagoinhas: o que a memória guarda, vi está habilidade natural se transformar em arte e monumento.
     Pedro Marcelino é um talentoso cronista, aguerrido político, homem de pensamento avançado, mas, mais importante que tudo isso, querido amigo. Sua escrita me leva a tempos não vividos, deliciosos e frescos como aquele orvalho de manhãzinha. Como em uma teia de aranha, vai tecendo o panorama de uma cidade como a palma de sua mão. E com cuidado e brio, vai transformando parágrafos em pontes para o passado alagoinhense.
     Nascido em Igreja Nova, atual distrito de Boa União, ele puxa pela memória e pesca cenários, sociabilidades, e o imaginário de toda uma época recheada de humor. Uma alma popular que se transforma em língua viva, fazendo coro na existência humilde e interiorana. Linguagem que vai se moldando no tempo, em hábitos, em costumes e imagens corriqueiras, que de tão corriqueiras, se tornam mitos para a nova geração.
     Como quem se diverti em lembrar, e não como quem busca noticiar os causos que testemunhou, Pedro Marcelino faz o que muitos historiadores não conseguem fazer: dar vida ao passado, lhe dar cores, cheiros, texturas, despertar os sentidos para as coisas que ficaram noutro tempo e espaço, e que só uma dose de café no varandado da casa e um suspiro olhando para o horizonte pode trazer de volta.
     Memória como gozo da vida. Desejar o passado, não como quem quer ficar parado nele, congelado como um frio de supermercado, mas como alguém que desejaria viver uma segunda vez tudo de novo, e até com mais prazer àquela queima das palhinhas, um recreio no Luiz Navarro de Brito, beber uma gelada no Alafolia, desfilar num Sete de Setembro chuvoso – desde que não fosse na rabeira do desfile.
     É com prazer que, através de Pedro Marcelino, apresento as memórias de Alagoinhas à própria Alagoinhas. O livro foi publicado pela FIGAM Editora, tem cerca de 140 págs. Orelha na contracapa com biografia do autor. Prefácio de Walter Queiroz Junior. Ilustrado por diversas fotografias riquíssimas em detalhes e história.
     Para entrar em contato com o autor, acesse:

https://pt-br.facebook.com/pedro.pinto.96930


Biografia:
Caliel Alves nasceu em Araçás/BA. Desde jovem se aventurou no mundo dos quadrinhos e mangás. Adora animes e coleciona quadrinhos nacionais de autores independentes. Começou escrevendo poemas e crônicas no Ensino Médio. Já escreveu contos, noveletas, resenhas e artigos publicados em plataformas na internet e em algumas revistas literárias. Desde 2019 vem participando de várias antologias como Leyendas mexicanas (Dark Books) e Insólito (Cavalo Café). Publicou o livro de poemas Poesias crocantes em e-book na Amazon.
Número de vezes que este texto foi lido: 47316


Outros títulos do mesmo autor

Resenhas ZAGENIA – DEGUSTAÇÃO Caliel Alves dos Santos
Contos (RE)FABULOSO Caliel Alves dos Santos
Contos O NEFALISTA Caliel Alves dos Santos
Artigos QUEM QUER SER UM CAMPIONE? Caliel Alves dos Santos
Resenhas SINESTESIA MONOCROMÁTICA Caliel Alves dos Santos
Poesias CAPITÃES DO MATO DO SÉC. 21 Caliel Alves dos Santos
Poesias SEX APPEAL Caliel Alves dos Santos
Resenhas UNIVERSO IMAGÍSTICO – DEGUSTAÇÃO Caliel Alves dos Santos
Artigos DOSSIÊ – COMO PROMOVER E PUBLICAR MANGÁS NO BRASIL Caliel Alves dos Santos

Páginas: Primeira Anterior

Publicações de número 121 até 129 de um total de 129.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2021
 
  Textos mais lidos
Reflexão sobre o brincar na Educação Infantil - Maira Michelon 3 Visitas
SATISFAZENDO OS TEUS DESEJOS - Alexsandre Soares de Lima 2 Visitas

Páginas: Primeira Anterior