Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
VINTE PERTUNTAS SOBRE A MORTE
VINTE PERGUNTAS SOBRE A MORTE
Henrique Pompilio de Araujo

Resumo:
Muita gente pergunta sobre a morte. Quase ninguém tem certeza de nada. Aqui temos algumas questões respondidas a este respeito.

VINTE PERGUNTAS SOBRE A MORTE

01.A morte traz dor?
Não. Enganam-se aqueles que dizem que a morte traz dor. As dores que se sentem são das doenças, estas sim, podem se tornar muito agudas nos momentos finais. Mas a passagem da vida para a morte não.

02.O que ocorre com o espírito assim que morre?
Uma grande confusão mental. Ele fica perdido e não sabe onde está, Às vezes não sabe nem o próprio nome. É como se ele dormisse no Brasil e de repente acordasse em Tóquio. Mas depende também do merecimento da pessoa. Aos poucos o espírito vai se refazendo e vendo a realidade das coisas. Alguns compreendem que faleceram, outros ficam em tremendas dúvidas.

03.As religiões podem ajudar a pessoa no outro mundo?
Depende. Se foi uma religião séria, sem roubalheira, sem fanatismo, com orientações corretas sobre o mundo espiritual, isto vai ajudar muito. Mas se foi o contrário vai trazer ainda mais perturbação. Por exemplo: se a pessoa aprendeu a vida inteira que quando falecesse iria ser recebida pelo Cristo, vai se decepcionar, pois isto não acontecerá; se aprendeu a vida toda que vai dormir, assim que falecer e esperar o juízo final, vai dormir sim e perder muito tempo, tendo que ser socorrido pelos mentores. Se aprendeu que morreu acabou, é pior ainda, pois vai ver seu corpo sendo comido pelos vermes e ele vai ficar até doido.

04.A pessoa vai encontrar seus parentes na vida espiritual?
A princípio não. Não encontrará ninguém, embora esteja sendo socorrido, mas ele não consegue ainda enxergar direito. Só com o tempo vai se melhorando e ver quem está com ele ali. Em relação aos parentes pode acontecer de grande parte estar encarnado. Assim se ele espera reencontrar seu pai ou sua mãe, pode se decepcionar, pois poderão já terem renascido. Mas encontrará alguns que o ajudarão.

05.Poderá encontrar seus inimigos?
Sim, tanto desta vida como de outras. Eles sofrerão muito na mão destes inimigos. Por isto que devemos sempre fazer o bem nesta vida e ajudar ao máximo todas as pessoas necessitadas, pois não faremos mais inimigos nesta vida.

06.Como ficarão certos pregadores que pregam o evangelho, mas roubam o máximo possível e vão comprar fazendas, carros importados, aviões?
São os falsos profetas pregados pelo mestre Jesus. No outro mundo eles ficarão até meio loucos de tanto sofrimentos. Mentiu para milhares de pessoas que virão cobrar o que foi prometido durante a vida. Estes pregadores vão ter que se esconder em buracos fétidos, cheios de lamas e bichos de todos os tipos. Ali eles vão colher o que plantaram.

07.Todos os que morreram podem assistir seus funerais?
Alguns podem, a maioria não, pois sofrerão ainda mais. Aqueles que têm certos merecimentos conseguem ver seus funerais, se quiserem também. Algumas pessoas muito materialistas ou que foram péssimas pessoas podem ser obrigados a ver seus funerais e saber que a vida continua.

                              -07-

08.Eles tentam conversar com as pessoas presentes em seus funerais?
Quase todos tentam, procurando dar um consolo aos que ficaram, mas não sabem que não serão ouvidos a não ser por portadores de mediunidade especial. Eles sofrem muito vendo seus parentes sofrerem.

09.Eles procuram alguns parentes distantes para dizer que acabaram de morrer?
Alguns sim. Pessoas queridas que moram distantes podem ser visitadas por pessoas a beira da morte ou que faleceram recentemente. Alguns conseguem seus objetivos quando o outro é perceptível, mas a maioria não. Alguns conseguem falar por sonho, visão e outras formas. Mas em todo caso, aquele pressentimento sobre o outro que faleceu permanece.

10.O mentor espiritual vai estar presente no momento da morte da pessoa?
Sim, ele vai ajudar em tudo. É o único que não vai sair de perto, mas a pessoa geralmente não vai conseguir vê-lo e pensa que está sozinho.

11.Alguns se acham perdidos assim que morrem. Por que isto acontece?
Por causa da confusão mental que todos têm. Quando acordamos, também temos uma confusão mental, embora em menor escala. Na espiritualidade esta confusão pode ser de horas ou dias. A pessoa demora a se ajustar.

12.A pessoa pode morrer antes do tempo?
Claro. Nós fizemos uma programação para uma vida inteira, até a morte, mas se esta pessoa entrar embaixo de um trator em movimento, vai morrer. Isto não estava em sua programação. Esta pessoa vai sofrer muito do outro lado, pois ele ainda tinha muita energia vital para gastar e aí ele vai ficar mais perdido ainda. Se for suicídio as coisas se complicarão ainda mais.

13.Como ficam as pessoas que cometeram suicídio?
Em situações lamentáveis. Ficam desesperadas e pedindo socorro a um e outro, não sabem o que fazer. Quando recobram a consciência, continuam vendo o ato do suicídio. Por exemplo, se deu um tiro no ouvido, vai ver e sentir esta cena centenas de vezes. A pessoa se sente num desespero sem tamanho. Isto pode durar até o tempo em que ela tinha para a vida na terra.

14.Alguns parentes em melhores situações, podem socorrer estes irmãos?
Podem e fazem, mas a pessoa está tão desesperada e sem sintonia que não consegue ver nada, nem sentir ajuda de ninguém. Mas Deus não despreza a nenhum de seus filhos.

15.Muitos dizem que quando morrerem vão descansar. Até quanto isto é verdade?
Vai descansar coisa nenhuma. Se ele foi um bom trabalhador e ajudou muita gente, vai assumir novos cargos. Se ele foi péssimo e prejudicou muita gente, vai sofrer nas mãos destas pessoas. A luta não para nunca.

16.Deve-se orar quando falecer?
Muito. A oração ajuda muito tanto aqui como no mundo espiritual. Com a prece os irmãos virão ajudar com mais brevidade.

     -08-

17.Pode-se morrer dormindo?
Não. Ninguém morre dormindo. Nem que seja por um segundo o espírito retorna ao corpo no momento de sua morte.

18.Por que uns sofrem muito e outros não sofrem nada no momento da morte?
Depende do merecimento de cada um. Aqueles que cumpriram bem suas metas neste mundo, as pessoas amáveis e pacientes, geralmente têm uma morte mais suave. Mas na verdade quem mais sofre neste mundo no momento da morte são as pessoas muito ruins, aqueles que maltrataram muitas outras, foram tiranas, provocou muito sofrimento. Estes possuem inúmeros inimigos do outro lado. Assim que eles começam a fazer a passagem, já deparam com seus inimigos, então eles se apegam ao corpo e o segura como se fosse um verdadeiro tesouro. Também os muito materialistas, aqueles que só se importaram com a matéria, com seus bens, sua riqueza, estes também sofrem muito, pois para eles parece que vão perder tudo, vão ficar sem nada, vão cair num vazio e os que a parentela fica reclamando sua ausência, mesmo antes de partir. As reclamações ao lado da pessoa moribunda, atrapalha e muito o seu desencarne. Por isto existe a melhora da morte.

19.O que é melhora da morte?
Quando a pessoa está moribunda, morre e não morre e a parentela fica toda ao lado reclamando, chorando, gritando, a pessoa vai sofrer muito, pois fica naquela dúvida e os mentores fazem muito pouco para ajudar. Por isto, por mais ruim que esteja, os mentores procuram dar uma melhorada no moribundo. Assim a vigilância dos parentes se afrouxam um pouco e então ocorre a morte.

20.Há possibilidade de ressurreição?
Não. Ninguém jamais ressuscitou. Entretanto se alguns tiverem uma doença que dá a aparência da morte, então a pessoa pode ficar neste estado por alguns dias. Neste caso esta pessoa volta, mas não houve morte.


Biografia:
Henrique Pompilio de Araújo, nascido em Campo Mourão PR e radicado em Cuiabá MT. Começou a escrever desde cedo. Professor aposentado, bacharel em Direito e Teologia. Trabalhou em diversas escolas em Cuiabá e alguns jornais do Estado. Publicou sua primeira obra em 1977: Secos & Molhados - Poemas. Ultimamente publicou outros livros: "Flores do Além" Poemas, "Contos da Espiritualidade" - Contos, "Nas curvas da vida" Memórias, "Cinquenta contos" Contos. Há muitas obras ainda esperando edição.
Número de vezes que este texto foi lido: 121


Outros títulos do mesmo autor

Ensaios COMO FOI A MINHA MORTE Henrique Pompilio de Araujo
Ensaios VINTE PERTUNTAS SOBRE A MORTE Henrique Pompilio de Araujo
Ensaios QUEM É JESUS? ESTE DESCONHECIDO? Henrique Pompilio de Araujo
Ensaios QUEM É JESUS? ESTE DESCONHECIDO? Henrique Pompilio de Araujo
Contos LEITURA EXPLISIVA Henrique Pompilio de Araujo
Contos HISTÓRIA ELETRIZANTE Henrique Pompilio de Araujo
Poesias APELIDOS ESPIRITUAIS Henrique Pompilio de Araujo
Crônicas POR QUE A CRISE NO BRASIL ATUAL? Henrique Pompilio de Araujo
Crônicas AMANHÃ SERÁ SEU ÚLTIMO DIA Henrique Pompilio de Araujo
Poesias EU SOU JESUS Henrique Pompilio de Araujo

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 14.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2021
 
  Textos mais lidos
viramundo vai a frança - 50148 Visitas
IHVH (IAHUAH) e ISV (IASHUA) - Gileno Correia dos Santos 43438 Visitas
Sem - ANDERSON CARMONA DOMINGUES DE OLIVEIRA 42833 Visitas
NÃO ERA NADA - Alexsandre Soares de Lima 41265 Visitas
Pensamento 21 - Luca Schneersohn 40800 Visitas
Os Morcegos - Nato Matos 40572 Visitas
O Trenzinho - Carlos Vagner de Camargo 40534 Visitas
Guerra suja - Roberto Queiroz 40460 Visitas
MILA, A MENINA QUE MORAVA DENTRO DE UM COGUMELO - Saulo Piva Romero 40185 Visitas
A PRAIA DO PROGRESSO - Rosângela Barbosa de Souza 40150 Visitas

Páginas: Próxima Última