Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Coletânea de amor
Michel Dantas

Resumo:
Poesia que relata amor.

Coletânea de amor, repartido em dois, mas por inteiro. Consolidando como raízes fincadas ao chão, feitas para sustentar uma árvore que da frutos saudáveis.

Não expira, não rende rancor, apenas, propaga a paz, estagnando toda mágoa desse mar de emoções sem fim.

Empaturrado de euforia, as vezes vulnerável, mas, em tese, irredutível.


Biografia:
Olá! Meu nome é Michel Dantas, tenho 16 anos, escrevo poesias e poemas com conteúdos relacionado a assuntos diversos.
Número de vezes que este texto foi lido: 29059


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Amores e sabores Michel Dantas
Poesias A sorte de um amor tranquilo Michel Dantas
Frases O segredo da felicidade Michel Dantas
Poesias Matriz Michel Dantas
Poesias O expurgo da alma Michel Dantas
Poesias Da janela da nave Michel Dantas
Poesias Coletânea de amor Michel Dantas
Poesias Temporal Michel Dantas
Poesias Meu espaço Michel Dantas


Publicações de número 1 até 9 de um total de 9.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
Vivo com.. - 34321 Visitas
eu sei quem sou - 33208 Visitas
camaro amarelo - 33146 Visitas
CÉREBRO HUMANO - Tércio Sthal 33112 Visitas
sei quem sou? - 33018 Visitas
MENINA - 32973 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 32888 Visitas
A menina e o desenho - 32880 Visitas
O que e um poema Sinetrico? - 32868 Visitas
viramundo vai a frança - 32831 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última