Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Conectado
Derlânio Alves de Sousa

Resumo:
Poema sobre a cultura digital

Conectado

Pra se comunicar, o homem sempre teve um jeito.
Lembra das pinturas nas cavernas?
Os molhos de gravetos?
Lembra da carta escrita,
Do jornal impresso, os folhetos?

Do rádio à televisão
Houve grande transformação
Na cultura mundial.
E na era do computador
E do pequeno celular
Tudo se modernizou,
E veio a se globalizar.

Com a chegada da Internet,
Tudo ficou mais dinâmico e frenético
Sociável ao nosso meio,
Lembra da carta, que vinha pelos correios?
Que demorava semanas pra chegar?
De repente isso virou "e- mail,"
E veio logo viralizar.
Hoje é "mensagem instantânea,
Que você imediatamente, pode visualizar.
Seja no seu computador ou
Através de um celular.

Hoje são grandes as façanhas no mundo da comunicação.
Clique aqui no link,
Faça download,
Deixe seu like, inscreva-se no canal...
Compartilhe nos status:
Do WhatsApp, do Facebook ou do Instagram.
E veja se no seu e-mail, o que te enviei,
Se foi pra caixa de entrada ou pro um tal de SPAM.

E se nada baixou, é porque no seu computador,
Tablet ou celular, não têm memória RAM,
Espaço para comportar.

Quando é pra pesquisar,
Tudo é fácil pra caramba!
Baixa ir no Google,
Lá tem de um tudo que você pode imaginar.
Digite o que você quiser
Depois é só dar um enter
Que na mesma hora entra
Na página que desejar.   

Já no YouTube, é maneiro pra navegar!
Lá tem filme, vídeo aula e vídeo musical.
É uma plataforma tão legal!

Pra curtir, aprender, se divertir, interagir...
E escambau.

Hoje nas redes sociais.
Existem mil e um sinais
pra gente se comunicar,
Além de números e letras,
Existem inúmeras figuras
Uma beleza pura!
Pra quem gosta de enfeitar!!

Tem memes, emogis, emoticon,
Pinterest... e sei lá!

Todo mundo compartilha,
Edita foto e vídeo,
Curte e comenta.
Todo dia aumenta
O número de ferramentas
Das novas tecnologias.

A cada dia,
O homem está mais criativo,
Cria novos aplicativos,
Aparelhos sofisticados,
E isso lhe possibilita
Ficar mais conectado.

Daí vem o resultado,
De um mundo mais socializado
De forma ímpar e horizontal
Chamamos isso de hiperletramento
Era do conhecimento
Da Cibercultura,
Ou da cultura digital.

E só pra terminar
Baixa você ler e compartilhar
Tudo que já foi dito,
Seja mais um inscrito
Neste mundo virtual!

Acesse o YouTube
No Canal da Poesia
Pra mim será um motivo de muita alegria
Ter você por lá!
Desde já te agradeço!!
E peço a Deus para nos iluminar!
Aqui deixo o meu abraço
Dessa vez virtual!
Acredito que deu pra entender
O que venha ser, cultura digital.

                         Autor: Derlânio Alves


Biografia:
Derlânio Alves de Sousa, nascido em 04/01/1976 no município de Aiuaba CE, filho de agricultores, Eneas Alves e D. Santa, é professor de Língua Portuguesa, tem pós-graduação em Língua Portuguesa e Literatura brasileira.
Número de vezes que este texto foi lido: 33815


Outros títulos do mesmo autor

Cartas Lições Derlânio Alves de Sousa
Poesias Tem gente pra tudo Derlânio Alves de Sousa
Poesias NA HORA DA DESPEDIDA Derlânio Alves de Sousa
Poesias NOS ESCOMBROS DO AMOR Derlânio Alves de Sousa
Poesias LÁGRIMA DE UM PROFESSOR Derlânio Alves de Sousa
Poesias CONTRAPROPOSTA Derlânio Alves de Sousa
Poesias ARNEIROZ AUTENTICO Derlânio Alves de Sousa
Poesias HOMENAGEM AOS FUNCIONÁRIOS DA ESCOLA DONDON FEITOSA Derlânio Alves de Sousa
Poesias SER PROFESSOR Derlânio Alves de Sousa
Poesias MINHA VIDA EM VERSOS (AUTOBIOGRAFIA) Derlânio Alves de Sousa

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última

Publicações de número 11 até 20 de um total de 52.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2021
 
  Textos mais lidos
Solidão que nada - Morgana Bellazzi de Oliveira Carvalho 40486 Visitas
Um dia - Luca Schneersohn 40457 Visitas
A TRISTEZA E O SIM DA VIDA - Alexsandre Soares de Lima 40417 Visitas
LÍRIO - Alexsandre Soares de Lima 40362 Visitas
Seu cheiro de tangerina - Helio Valim 40202 Visitas
Conexão - Luca Schneersohn 39942 Visitas
A tristeza no Nordeste - Wanessa Daiana de Brito 39938 Visitas
Tempo - Luiz Fernando Sacramento Lusoli 39502 Visitas
Um dia serei algo - José Rony de Andrade Alves 39398 Visitas
Pou, a Majestade Não-Zoombi - Alice Silva 39200 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última