Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
A pandemia do egoísmo
DIRCEU DETROZ

Na série de insights da revista Veja, o quinto fala sobre as reflexões para 2021. Nele podemos ler vários artigos falando sobre o futuro pós-Covid. “Saúde pública é um ativo”, “Escutem os cientistas”, “As pestes na história” e “A Terra é uma só” são alguns deles. Seus autores, Jim O’Nill, Laura de Freitas, Joana Freitas e Robert Zubrin.

Depois que os humanos se deram conta dos estragos causados por um vírus invisível, o uso da palavra reflexão entrou para o vocabulário diário em todos os lugares do planeta. Temos uma estranha mania. Só lembramos de começar a refletir depois que as tragédias acontecem. É uma das características do nosso egoísmo.

Com curto prazo de validade, geralmente as nossas reflexões não nos levam a lugar nenhum. Como um papel velho, logo elas são jogadas no lixo existente nas mentes humanas. Às vezes, o nosso lixo está tão lotado que nem nos deixa refletir da maneira correta. Pior ainda, é buscar ajuda para “refletir” no lixo dos outros.

Para refletir é preciso deixar o egoísmo acorrentado num cadeado de muitas chaves com segredos. O que se vê é justamente o contrário. Enquanto a Covid-19 infecta e mata, o egoísmo humano continua perguntando: “E daí? O nosso egoísmo tem a capacidade de fazer coisas piores do que o vírus da Covid. Incluindo ajudar a matar.

Existem ainda outros agravantes nas reflexões. Não devemos e nem podemos refletir apenas como indivíduos únicos. Elas precisam abranger as necessidades de toda a humanidade. Isso raramente ocorre porque sempre vamos bater com a nossa cara no muro do egoísmo. Ele é intransponível e nunca será derrubado. Nosso egoísmo não tem a mínima noção do significado de humanidade.

Em todos os lugares sejam eles reais ou virtuais, é possível encontrar os “vendilhões de reflexões”. Com a possibilidade de negociar compras e vendas de reflexões vinte e quatro horas por dia. Esses vendilhões são facilmente encontrados travestidos de ideologias crenças, negacionismos e conspiração. Seus currais estão superlotados de adeptos.

Começar a refletir somente agora é um pouco tarde. Outra faceta do egoísmo é fazer os humanos se atrasarem naquilo que é necessário. Hoje o planeta estaria menos doente se as reflexões sobre suas doenças tivessem criados insights dois séculos atrás. Quando a pandemia do capitalismo começou.

No momento, refletir “sobre o futuro depois do coronavírus” como diz no insight da Veja é cair no lugar comum. Mesmo que não exista cura ou vacina, pede urgência iniciar uma reflexão sobre a pandemia do egoísmo humano. Não será um vírus. O principal ator da ruína da raça humana será o seu egoísmo.


Biografia:
Sou catarinense, natural da cidade de Rio Negrinho. Minhas colunas são publicadas as sextas-feiras, no Jornal do Povo. Uma atividade sem remuneração.Meus poemas eu publico em alguns sites. Meu e-mail para contato é: dirzz@uol.com.br.
Número de vezes que este texto foi lido: 111


Outros títulos do mesmo autor

Crônicas A pandemia do egoísmo DIRCEU DETROZ
Poesias Oceanos no centro da Terra DIRCEU DETROZ
Crônicas Da placenta ao Antropoceno DIRCEU DETROZ
Crônicas A garota dos coturnos voltou DIRCEU DETROZ
Crônicas Os ossos esquecidos DIRCEU DETROZ
Poesias MUROS DIRCEU DETROZ
Crônicas O monstro, a ciência e as reflexões DIRCEU DETROZ
Crônicas Nossa inteligência é ficção DIRCEU DETROZ
Crônicas Os biosferanos DIRCEU DETROZ
Crônicas Um desengonçado Daniel DIRCEU DETROZ

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 1024.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2021
 
  Textos mais lidos
viramundo vai a frança - 76144 Visitas
Sem - ANDERSON CARMONA DOMINGUES DE OLIVEIRA 62080 Visitas
NÃO ERA NADA - Alexsandre Soares de Lima 50315 Visitas
O Trenzinho - Carlos Vagner de Camargo 50068 Visitas
Os Morcegos - Nato Matos 49628 Visitas
Pensamento 21 - Luca Schneersohn 49294 Visitas
A TRISTEZA E O SIM DA VIDA - Alexsandre Soares de Lima 49012 Visitas
MILA, A MENINA QUE MORAVA DENTRO DE UM COGUMELO - Saulo Piva Romero 48831 Visitas
Solidão que nada - Morgana Bellazzi de Oliveira Carvalho 48801 Visitas
Um dia - Luca Schneersohn 48254 Visitas

Páginas: Próxima Última