Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Game Of Thrones - Series Finale
Dividido em 2 partes
Roteirista Ideal

Resumo:
Eventos ocorridos após Daenerys conquistar o trono com sangue e fogo, da mesma forma que foi apresentado na série.

PARTE I

Tudo acontece conforme foi mostrado até a cena em que o Jon mata a Daenerys. Golpeando-a enquanto ela estava desprevenida, Jon deita o corpo dela no chão e os olhos dela se fecham. TELA PRETA. ESCURIDÃO.

Porém os olhos dela se abrem novamente. E ela não está mais deitada no chão. Ela olha ao redor e continua na sala de trono com as "cinzas que parecem neve" em volta dela caindo. Mas Jon não está mais lá. Ela está com a mão estendida para tocar o trono, e então ela escuta choro de bebês e se toca. Ela ainda está na Casa dos Imortais, tendo visões(cena da season finale da segunda temporada). Ela decide ir embora dali e nem ao menos vai ver a miragem de Khal Drogo e seu filho que estavam mortos. Ela encontro o mago canastrão e questiona sobre a enorme visão que teve. O mago responde que a intensidade das visões podem variar, ela explica que viu tudo o que acontece até o momento de sua morte. Ela sabe qual seria o seu destino agora que visualizou tudo, o mago debocha dizendo que apesar dela ter sido abençoada com uma poderosa visão o destino dela não pode mudar, dizendo que ela tem que morrer. Ela diz "Watch Me!" e que ele não manda nas escolhas dela. Assim como aconteceu na série ela fala Dracarys e os dragões que estavam ali logo atrás dela botam fogo no mago. Assim que ela sai da Casa ela confidencia apenas para o Jorah o que aconteceu, mas que ela pretende repetir as ações dela da mesma forma que fez por um bom tempo até um certo momento específico, afinal as coisas deram certo até um certo ponto e ela ainda precisa conquistar seu exército de dothrakis e imaculados. Ele concorda, mas questiona: "em qual momento ela tomaria uma atitude diferente e mudaria o destino programado?"

E então começam a passar milhares de pedacinhos de cenas da terceira, quarta, quinta e sexta temporada. Tudo acontecendo igual, conforme planejado e na ordem certinho. Um compilado de cenas em um minuto. E então para na cena em que a Daenerys e o Jon se conhecem. Ele a chama para se juntar na guerra contra o rei da noite e blá blá. Ela escuta tudo o que ele tem a dizer com calma e depois solta que acredita nele que existem White Walkers e tal, e que se juntará a ele, mas primeiro ela vai conquistar o trono. No começo ele contesta dizendo que os WW são mais importantes, mas ela bate o pé firme no chão e diz que decisão é final, pois a batalha contra os mortos ainda vai demorar um pouco mais e dá tempo dela conquistar o trono antes. Ele fica abismado mas ela diz que ele terá que confiar nela. Nessa cena mostra que apesar do Tyrion estar junto de Daenerys, ele não é a mão dela, ele é somente um conselheiro(pois Dany lembra do que ele fez na visão e tem orgulho e certo rancor, mas decidiu deixar ele por perto e explica isso ao Sir Jorah). Dany dispensa Jon, mas antes faz um pedido para ele e Davos que eles contatem Arya o mais rápido possível e que é muito importante. Jon fica intrigado e quer saber motivo, mas Dany diz que não pode dizer ainda e que ele terá que confiar nela, ela só pede que Arya vá ao encontro dela em Porto Real. Davos e Jon montam esquadrão (Gendry, Cão de Caça, Tormund, Beric, etc...) para conseguir rastrear Arya, que estava chegando em Winterfell nesse momento da série. Depois disso Daenerys pede que Olenna não vá até a fortaleza onde ela morria antes e que a velha senhora fique ao lado dela até o final, pois quer fazer de Olenna a oficial mão da rainha. A rainha dos espinhos portanto permance ao lado de Dany e não morre conforme a antiga visão. Daenerys diz para ela que vai acatar os conselhos dela e ser um dragão.

Daenerys chega em King's Landing de surpresa e com tudo o que tem: o exército completo dos Imaculados, o batalhão inteiro de Dothrakis e os 3 dragões. A cidade se rende facilmente e em tempo recorde. Yara Greyjoy mata o tio Euron. Daenerys voa com Drogon direto para onde Cersei está. Daenerys manda um "Dracarys!" no Montanha, que fica tostadinho e mortissimo. Jaime tenta defender a irmã e amada mas Sir Jorah emplaca uma batalha grandiosa com ele. Jaime quase mata Sir Jorah, mas no final da luta ele tem a outra mão quebrada e perde. Tyrion, com o coração partido mas entendendo a situação, se despede do irmão. Sir Jorah dá um golpe misericordioso no coração de Jaime, matando-o. Cersei, afrontosa como sempre foi, não implora misericórdia e provoca Daenerys, que resolve torturá-la um pouco psicologicamente com os dragões em volta dela. Cersei, embora demonstre pouco, está cagando de medo. Tyrion pede que Daenerys não mate Cersei assim pois ele quer matá-la com as próprias mãos, afinal ele sempre a detestou pelas humilhações da vida. Ele fala um monte de merda pra ela, sobre Joffrey e tudo mais, porém ela com sua língua afiada retruca. Olenna está presente na cena e conta PESSOALMENTE e olhando no olho da Cersei que foi ela mesma quem matou o Joffrey. Cersei em choque por alguns segundos e depois explode e tenta atacar Tyrion, que a derruba e começa a apertar o pescoço dela com as próprias mãos, todo mundo assiste. Quando Tyrion está quase a matando, ele solta e se arrepende por um milésimo de segundo. Cersei engasga com a falta de ar e tenta recuperar fôlego. Sir Jorah chega na hora com a notícia de que Jon foi para Winterfell o mais rápido possível e falou com Arya que aceitou encontrá-la e já tinha chegado ali, e Arya então entra em cena (junto de Jon e Davos pois eles estão intrigadíssimos demais) e começa a perguntar para Daenerys o que ela quer com ela, mas Arya mesma se interrompe ao ver Cersei vulnerável. Arya se aproxima e olhares das duas se cruzam. Olhar de Arya de desdém e olhar de Cersei de surpresa. Arya questiona "você se lembra de mim?". Cersei responde com a voz falha e nervosa "Como esquecer de uma pirralha como você?". Arya então sorri maleficamente e diz "Ótimo!". Ela tira a adaga da cintura, declara "Isso é pelo meu pai" e corta o pescoço de Cersei, decapitando-a assim como foi com o Ned. Todos olham a cena chocados, Daenerys sorri em aprovação.

PARTE II

Daenerys chama Arya para uma conversa particular numa sala reservada. Na sala estão Arya, Jon, Davos, Tyrion, Daenerys, Jorah, Missandei e Olenna. Daenerys então conta para Arya de sua visão e que Arya é a única capaz de matar o Rei da noite. Dany conta de suas visões e que conseguiu atrasar o exército dos mortos já que eles não conseguiram o Viseryon para destruir a muralha facilmente, mas que eles devem dar outro jeito nisso. Daenerys diz que agora que conseguiu o trono da forma certa vai ajudar Jon na guerra dos mortos, e pede para todos se unirem e se apoiarem, e principalmente, se prepararem para a Guerra Final. Enquanto eles viajam para Winterfell o Rei da Noite consegue atravessar a muralha da forma que pode, demora mais porém ele consegue atravessar com seu exército de mortos e dizimar humanos que estavam na muralha.

Quando todos se reúnem em Winterfell, Bran pede para conversar com Dany e revela que já sabe da visão que ela teve e viu as mudanças do destino que ela realizou assim que ela começou a mudar o curso da "história". Daenerys fica chocada e pergunta como ele sabe, ele explica seu dom como corvo de 3 olhos e que assim ele tem todas as memórias do mundo, porém sempre houve apenas 2 destinos para ele: ser rei ou ser morto. Ele explica para ela que na visão antiga ele seria rei, mas que agora ele deve ser morto pois é a única forma de vencer a guerra contra os mortos. Ele pede para ela convocar a Arya para uma reunião e então corta a cena. Tormund investe em Brienne mas ela não dá muita moral. Alguns dias se passam e nesse meio tempo soldados treinam, e Bran conta tudo o que sabe para Tyrion, Dany e Jon. Jon confessa desconforto ao saber que é parente de Dany e legítimo ao trono. Melisandre chega no norte minutos antes dos mortos surgirem em Winterfell. GUERRA COMEÇA!

Nesta guerra final o começo é bem sofrido. Daenerys sobe no Drogon e é seguida por Viseryon e Rhaegal. Por não ter tido tempo para treinar ou cavalgar Jon fica sem nenhum dragão, Danerys fala que seria arriscado demais para ele, portanto ele fica ao lado de Ghost junto com exército. Melisandre faz a barreira de fogo para ajudar. Beric dá a vida novamente para salvar Arya, que segue lutanto loucamente porém está focada para achar Bran na árvore. Dragões queimam loucamente exército de mortos. Lyanna dá a vida para matar o gigante novamente. Brienne está sufocando e quase morre, mas Tormund a salva num ato heróico e ela fica surpresa mas lisonjeada. Ambos lutam juntos no mesmo espaço. Daenerys avista Arya no meio de alguns destroços, pousa com Drogon e manda Arya subir no dragão para que ela chegue mais rápido até Bran. Elas vão até a árvore vermelha onde Bran fica, Arya desce do Drogon e Daenerys levanta voo e volta para guerra. Verme Cinzento acaba morrendo em batalha dessa vez. Sam e Cão de Caça também morrem. Viseryon é acertado com uma flecha e Daenerys pede em silêncio, com sua conexão materna, para que ele escape e se isole para se recuperar antes que leve outro golpe fatal. Viseryon escapa. Drogon também é atingido e acaba pousando para Dany descer. Rei da Noite tá logo ao lado e chega perto para tentar ferir Daenerys, mas ela fala "Dracarys" e se frusta ao ver que Rei da Noite também não queima. Ela pede que Drogon fuja ao ver que ele está com lança matadora de dragões em mãos. Drogon consegue fugir e Daenerys corre e esbarra em Sir Jorah que a defende até a morte e acaba morrendo de novo protegendo-a. Muitos mortos começam a ir em direção a ela, ao lado ela avista fogaréu e se atira ao fogo para se proteger, mortos que entram no fogo para tentar alcançá-la morrem pelo fogo e ela assiste com temor. Rei da Noite avança com os outros chefões e encontram Bran sozinho com Theon, mas dessa vez Theon não avança para tentar defender Bran, Theon está atrás dele e permanece imóvel, como se soubesse de alguma coisa que estava prestes a acontecer. Rei da Noite se aproxima e encara Bran bem na frente dele. Bran então tira o rosto e revela ser Arya, que enfia a adaga valiriana no Night King e concretiza mais uma vez a profecia de que ela mataria os White Walkers.

Quando todos se reúnem para saber o que aconteceu, Arya revela que Bran tomou veneno e se matou para que Arya usasse seu rosto e enganasse o Rei da Noite (flashback de como plano foi montado e como isso aconteceu é mostrado). Melisandre parabeniza Arya e revela que ela era o príncipe que foi prometido, e quando a bruxa olha para Dany pelada depois de sair de fogaréu ela diz para Dany que ela é a rainha que foi prometida para a nação. Daenerys acena positivamente. Melisandre se revela como uma velha ao tirar colar e morre da mesma forma que aconteceu na visão antiga. Bran deixou uma carta para os irmãos se despedindo e explicando que era necessário. Jon, Sansa e Arya emocionados. Daenerys consola Missandei pela morte de Verme Cinzento e lamenta que nem tudo pode ser perfeito, Missandei também a consola pela morte do Sir Jorah. Todos ficam sabendo que Jon é legítimo ao trono e Sansa insiste que ele deve se rei mas ele dá uma bronca na irmã e insiste que Daenerys é a rainha de verdade e que ele não quer ser rei e ela tem que aceitar isso. Dany agradece Jon e sabe que ele ficaria desconfortável com ela por ela ser sua tia e portando os dois não podem ser um casal, ela diz que ele é livre para fazer o que quiser, e que ela vai governar sozinha, mas ela pede que ele governe o Norte e ajude ela a deixar os 7 reinos estáveis e a passar mais confiança do reinado dela para as terras restantes. Ele dá uma leve hesitada mas concorda e faz um anúncio geral para todo mundo dos 7 reinos, incluindo Porto Real e o Norte, que ele é herdeiro por ser um Targaryen também mas que ele não quer o trono, e ele indica Daenerys por ser a melhor opção e a próxima na linha de sucessão. Daenerys se torna a rainha oficial com seus 3 dragões vivos. Brienne agradece Tormund por salvar a vida dela na guerra e ela diz que aceita beber com ele na noite de comemoração que seria mais tarde. Eventualmente vão acabar juntos como um casal. Jon governa o Norte com ajuda de Sansa que se torna sua mão. Theon se aproxima cada vez mais de Gilly e oferece oportunidade de ajudar ela a criar seu filho, agora que ela perdeu o Sam. Ela aceita, emocionada.

Daenerys governa o reino principal com Olenna sendo mão da rainha. Daenerys faz discurso dizendo que não vai ser uma rainha que só fica sentada no trono e que só vai sossegar quando não houver mais escravidão e justiça em reino algum. Ela vai liderar exército com seus 3 dragões para fazer dessa sua missão e enquanto estiver fora quem vai ficar no comando é a Rainha dos Espinhos. Tyrion vira o novo mestre dos sussurros. Daenerys confessa a Missandei vontade de aprender a manejar uma espada para que consiga lutar caso seja necessário, Daario aparece por trás dizendo que pode ajudá-la nisso. Ela olha surpresa por ele estar ali, e ele comenta "sabia que você conseguiria, minha rainha". Ela corre e o abraça. Missandei sai de fininho e Yara a aborda chamando-a para tomar umas brejas e conhecer as ilhas de Ferro. Missandei fica sem graça no começo e desconfortável, e então ela fala "Por que não? Pode ser interessante". Arya agradece ajuda de Daenerys por tudo e vice-versa. Arya decide viajar pelo mundo e se despede de todos, Gendry se oferece para ir com ela, os dois estão num navio rumo ao descobrimento de novas terras.

THE. FUCKING. END.


Biografia:
Estou aqui apenas para apresentar um final para a série Game Of Thrones que seja muito mais apropriado e coerente para os fãs que, assim como eu, estão indignados com o rumo que o seriado tomou na sua reta final.
Número de vezes que este texto foi lido: 281


Outros títulos do mesmo autor

Romance Game Of Thrones - Series Finale Roteirista Ideal


Publicações de número 1 até 1 de um total de 1.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2019
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 57780 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 53078 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 39347 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 34922 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 34178 Visitas
Amores! - 33404 Visitas
Desabafo - 33028 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 31807 Visitas
Faça alguém feliz - 31745 Visitas
Vivo com.. - 31451 Visitas

Páginas: Próxima Última