Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Não sonhei com você
FERNANDO

Resumo:
Entreguei minhas armas para que me conhecesse e me fez indefeso e usou elas contra mim

O veneno nos meus preconceitos voltaram-se contra mim, eu como uma serpente mordi a própria calda. Recusei-me a amar como o amar de verdade e vivi um dogma, uma fantasia que somente eu vivia e estarão ali os palhaços fazendo graça do meu lamento e de toda essa dor, os olhos marejam sem descer lágrimas. Moldamos sentimentos perfeitos, causei seu choro e arrependimento, renunciei meus desejos profanos, meu momentos lúdicos de alegria. Fiz uma aposta alta no pior dos cassinos, os dados do amor eram falsos. Mais uma vez me encantei pelos jogos de luzes e como um bêbado por palavras bonitas e todo meu romance, firmei meus pés subindo sobre a mesa, gritei tão forte pelo seu nome que mais parecia uma ofensa, virou as costas para mim. Olhou com desdém meu cair de joelhos naquela noite


Biografia:
Número de vezes que este texto foi lido: 28509


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Versículo 9 FERNANDO
Poesias Lamento FERNANDO
Poesias Não sonhei com você FERNANDO
Poesias Rio da morte FERNANDO
Poesias Súplica do tolo FERNANDO
Poesias Grita FERNANDO
Poesias Fantasma da sociedade FERNANDO
Discursos Década perdida FERNANDO


Publicações de número 1 até 8 de um total de 8.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2019
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 40152 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 38688 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 30644 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 30504 Visitas
Amores! - 29978 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 29797 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 29796 Visitas
Desabafo - 29790 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 29755 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 29580 Visitas

Páginas: Próxima Última