Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
pingo de amor
jbcampos

pingo
de
amor

poeta, músico por excelência
ao vibrato vocal de sua poesia
na ondulação expressiva mental
de sua paixão ideal. a sua poesia
completa sua real fantasia dia a dia.
Como o pintor ao tocar com seu pincel
à arte formidável de antanho menestrel.
paz, fé, dignidade, amor o povo diz em coro
à Midas, ao vê-lo transformar estanho em ouro.
ao tocar à flor, o poeta exala o perfume do amor,
fala, vibra, dando vida reta à natureza morta do pintor.
Seu pincel tange na plangência sonora e cromática da dor
pungente a qual toca o coração de toda a gente, porém, vem
consequentemente a alegria triunfar e sobrepujar ao tomar lugar
da dor, sempre ao se ouvir a voz do poeta trovador benemerente
neste sínodo, bruxo como a pancada do cinzel do escultor presente,
amaciante como amorável juiz ao padecer do paciente inocente.
neste
badalo
você está
presente,
badalando
sino aqui
vigente.

poeta você está presente em toda a gente
a rodopiar neste pião ao perder a rima
constantemente.
na etérea simetria matemática, maestro, maestrina, santa mão
de quem segura o cinzel. Com maestria e performance de mestre,
semelhante à batuta do cientista da palavra de quem lavra com a fala
no justo tribunal, empunhando sua espada sem ignorar a tertúlia
do exímio ou do rábula em sua fábula, ou ao punhal do irmão
o qual tornou-se irracional. apenas um imortal em ação
com seu bisturi à mão a livrar o contraventor
da tão velha contravenção, avençando
sempre à memória de referência
sem igual em deferência
à obra imortal
do amor
maior
D
e
u
s
.


para
perder
a rima
em sua
cisma.

poeta,
pingo
de mel

jbcampos


Biografia:
Aposentado
Número de vezes que este texto foi lido: 370


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Viver é arte jbcampos
Poesias Gostaria jbcampos
Poesias A força que move o poeta jbcampos
Poesias O Redentor chorou jbcampos
Poesias O pintor de paredes jbcampos
Poesias Um violino por acaso jbcampos
Poesias versando a morte jbcampos
Poesias trouxa da bola jbcampos
Poesias gosto jbcampos
Poesias anacoreta jbcampos

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 834.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2018
 
  Textos mais lidos
A Dama e o Valete - Talita Vasconcelos 185732 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 164434 Visitas
Era uma casa grande - helena Maria Rabello Lyra 164027 Visitas
E assim foi a nossa história... - Nandoww 130848 Visitas
ENTENDA DE UMA VEZ POR TODAS O HINO NACIONAL - Fabbio Cortez 117957 Visitas
Transgressão do Dever - helena Maria Rabello Lyra 81171 Visitas
Esse mês de Julho... - Nandoww 70009 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 65272 Visitas
Fazendo amor - Milena Marques 60577 Visitas
Há uma urgência do amor.. - Sabrina Dos Santos 55946 Visitas

Páginas: Próxima Última