Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Feliz Liberdade
Magda Pêgo

Gosto do significado da Páscoa e prefiro acreditar que a LIBERDADE nunca é tardia. Seu exercício, conceituação ou entendimento vem na hora certa.

Não viemos ao mundo para sermos “nada” ou “nada” representarmos (ou à passeio). Aqui temos a oportunidade do exercício.

Pelo que entendo, a liberdade está vinculada às experiências que temos e aos respectivos ciclos que fechamos. Exercitamos essa liberdade quando fazemos escolhas e tomamos decisões, quer certas ou erradas e colhemos a safra que plantamos. No plantio, no cuidado e espera, ou na sega, entenderemos os muitos porquês.

Acredito que a liberdade seja mais que um “estado de espírito” ou uma questão de “responsabilidade acrescida". Ela pode trazer consigo o medo ou ser, para muitos, um sonho distante e impossível.

Mas, acima de tudo, acredito que não possuo cadeias* que prendam a mim ou a minha consciência, porque “para a liberdade é que fomos chamados” (Gálatas 5:13). E quando falo de liberdade é liberdade plena, completa e concreta, porque alguém, em um gesto de generosidade e amor, disse que era possível ao homem ser livre, sem se ferir ou ferir ao seu próximo.

Possível? Sim. Fácil? Não. É um exercício diário.

Deixando de lado as normais “apologias à cruz”, sem deixar de lado a imensa gratidão, sugiro sempre olharmos para Deus e refletir, felizes ou claudicantes, sobre as Suas intenções e as nossas intenções, a fim não devermos a ninguém, nada, absolutamente nada, além do amor. Aí, sim, seremos livres.


Biografia:
Canela Verde, Leonina com muito orgulho de melhor década (70), Bacharela em Teologia,colaboradora no Governo Federal há mais de 23 anos. Rasgava tudo o que escrevia. Agora, Papel Zero! Mas ainda Rasga-se por dentro. http://ellie-violet.blogspot.com.br/ https://twitter.com/MagdaPego?lang=pt-br https://www.facebook.com/magda.pego
Número de vezes que este texto foi lido: 33802


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Metamorfose da Nau Magda Pêgo
Biografias Meu Muro Mental Magda Pêgo
Poesias Sobre "Minhas Queridas", de Clarice Magda Pêgo
Crônicas Feliz Liberdade Magda Pêgo
Poesias Solturas Magda Pêgo
Artigos Umami Magda Pêgo
Crônicas Comer, Rezar e Amar Magda Pêgo
Poesias Singularidades do Amor Magda Pêgo
Poesias Sina Magda Pêgo
Poesias Sem Elementos Magda Pêgo

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 17.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2021
 
  Textos mais lidos
viramundo vai a frança - 76131 Visitas
Sem - ANDERSON CARMONA DOMINGUES DE OLIVEIRA 62059 Visitas
NÃO ERA NADA - Alexsandre Soares de Lima 50308 Visitas
O Trenzinho - Carlos Vagner de Camargo 50065 Visitas
Os Morcegos - Nato Matos 49625 Visitas
Pensamento 21 - Luca Schneersohn 49294 Visitas
A TRISTEZA E O SIM DA VIDA - Alexsandre Soares de Lima 49009 Visitas
MILA, A MENINA QUE MORAVA DENTRO DE UM COGUMELO - Saulo Piva Romero 48828 Visitas
Solidão que nada - Morgana Bellazzi de Oliveira Carvalho 48798 Visitas
Um dia - Luca Schneersohn 48242 Visitas

Páginas: Próxima Última