Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
O ENIGMA DA “CELESTE SONNWEND”
Saulo Piva Romero

HOUVE UM TEMPO EM QUE NA ANTIGA ESCOLA PROF.ª CELESTE SONNWEND VÁRIOS ALUNOS CONTAVAM QUE ELA ERA HABITADA POR FANTASMAS. ELES JURAVAM QUE SEMPRE VIAM UM VULTO
ESSE EPISÓDIO ACABOU MEXENDO COM A IMAGINAÇÃO DE TODOS OS ALUNOS DA ESCOLA AINDA MAIS DEPOIS QUE A NOSSA QUERIDA PROFESSORA ALZIMAR NOS INDICOU AS LEITURAS DOS LIVROS O MONSTRO DO MORUMBI E SANGUE FRESCO.
A MINHA TURMA NÃO CONSEGUIA TIRAR DA CABEÇA AQUELA HISTÓRIA DO VULTO QUE CORRIA FEITO UMA ALMA PENADA PELOS CORREDORES DO PÁTIO COM UMA VASSOURA NAS MÃOS.
NAQUELA ÉPOCA EU ERA O REPRESENTANTE DA MINHA CLASSE, ENTÃO EU DECIDI REUNIR TODOS OS ALUNOS PARA QUE PUDESSEMOS INVESTIGAR ESSA HISTÓRIA MAIS A FUNDO E AS LEITURAS DAQUELES LIVROS FOI O EMPURRÃO QUE FALTAVA PARA BRINCARMOS DE DETETIVE E TIRAR ESSA HISTÓRIA DA ALM A PENADA QUE ESTAVA ASSOMBRANDO A “CELESTE SONNWEND” A LIMPO.
ASSIM, EU E MEUS COMPANHEIROS DE CLASSE NOS DIVIDIMOS EM PEQUENOS GRUPOS E FOMOS ATRÁS DE PISTAS PARA SOLUCIONAR DE UMA VEZ POR TODAS O CASO QUE FICOU CONHECIDO COMO O ENIGMA DA "CELESTE SONNWEND”.
ESSE FANTASMA NÃO GOSTAVA DE CAMINHAR PELOS CORREDORES POR MUITO TEMPO E SUAS APARIÇÕES ERAM MUITO BREVES NESSE PERÍODO.
CERTO DIA, A LORELAI ENTROU NA NOSSA CLASSE, POIS, ELA HAVIA ESCUTADO A ALMA PENADA CANTAR UMA MÚSICA MUITO SINISTRA. QUE PROVOCAVA ARREPIOS E CALAFRIOS EM QUE OUVISSE A CANÇÃO QUE ELA CANTAVA.
MAS, VÁRIOS COLEGAS DISSERAM QUE JÁ TINHAM OUVIDO AQUELA TRISTE MELODIA.
“DAÍ POR DIANTE, TODOS OS DIAS, UM DOS COLEGAS CONTAVAM UMA AÇÃO QUE O FANTASMA TINHA REALIZADO NAS DEPENDÊNCIAS DA CELESTE SONNWEND”.
A CIBELE DISSE QUE VIU PEGADAS QUE COMEÇAVAM NA SECRETARIA E TERMINAVAM NA FRENTE DA CANTINA DO TIO BENTO.
JÁ A LARISSA DISSE TER VISTO A ALMA PENADA ANDANDO PELOS CORREDORES, BARULHO DE PASSOS NO BANHEIRO E PORTAS BATENDO SEM EXPLICAÇÃO.
EU QUE ME SENTIA UM AUTÊNTICO APRENDIZ DE SHERLOCK HOLMES TENTAVA JUNTAR TODOS ESSES FATOS QUE ME FORAM RELATADOS PELAS MINHAS COLEGAS PARA JUNTAR TODAS AS PEÇAS DESSE INTERMINÁVEL QUEBRA-CABEÇA E LOGO PODER DESVENDAR ESSE ENIGMA QUE HAVIA MUDADO A ROTINA DA CELESTE SONNWEND “NOS ÚLTIMOS MESES”.
EU NÃO PODIA CORRER, POIS, NÃO TINHA MUITO EQUILÍBRIO E ALÉM DISSO, ANDAVA COM A AJUDA DE MULETAS CANADENSES, ASSIM EU USAVA O MEU CÉREBRO COMO ARMA PARA TENTAR DESVENDAR O SEGREDO QUE ESTAVA ACABANDO COM A PAZ DA “CELESTE SONNWEND”.
“ASSIM, LOGO COMECEI A SUSPEITAR QUE O FANTASMA QUE ANDAVA PERAMBULANDO PELOS CORREDORES DA "CELESTE SONNWEND” ERA O EDMAR, PROFESSOR DE CIÊNCIAS, O FAMOSO “MANGA”, POIS, ERA CARECA NO COCURUTO E TINHA CABELO SOMENTO NOS LADOS DA CABEÇA.
MAS, ISSO LOGO CAIU POR TERRA, QUANDO O INSPETOR BETO, O FAMOSO BRECHA ME DISSE QUE QUANDO O FANTASMA APARECIA, ELE SEMPRE VESTIA UM CASACO COMPRIDO E UM CHAPÉU DE JOGADOR DE BEISEBOL, ELE COSTUMA PERAMBULAR PELOS CORREDORES DA ESCOLA.
ENTÃO, IMEDIATAMENTE COMECEI A DESCONFIAR DO NOSSO COLEGA MARCOS POLONIO QUE ERA UM GAROTO ESTILOSO QUE GOSTAVA DE IMPRESSIONAR AS GAROTAS DA SALA E ALÉM DISSO, ELE GOSTAVA DE VER O CIRCO PEGAR FOGO COM AS SUAS BRINCADEIRAS.
MAS, LOGO PERCEBI QUE TAMBÉM NÃO ERA ELE, A SUPOSTA ALMA PENADA, POIS, ESSE FANTASMA ERA MAIS BAIXO QUE O POLONIO, POIS, SEGUNDO O MARQUINHOS AIROLDI, O VULTO ANDAVA VAGANDO PELO PÁTIO DA “CELESTE SONNWEND” COM MEIAS AZUIS NOS SEUS PÉS.
DEPOIS DE ESGOTAR A MINHA LISTA DE SUSPEITOS, EU JUNTAMENTE COM TODOS OS MEUS COLEGAS DE CLASSE ROLVEMOS PREPARAR UM PLANO PARA ACABAR DE VEZ COM O MISTERIOSO ENIGNA QU DO VULTO QUE VAGAVA SEM RUMO PELOS CORREDORES DA SAUDOSA ESCOLA DO “MOINHO VELHO”, CARREGANDO UMA VASSOURA NAS MÃOS, ORA CANTANDO, ORA BATENDO PORTAS.
ASSIM, DURANTE VÁRIAS NOITES FICAMOS DE TOCAIA DEPOIS QUE A ESCOLA ESTAVA FECHADA SÓ ESPERANDO A ASSOMBRAÇÃO APARECER.
DEPOIS DE ALGUMAS HORAS, O SILÊNCIO FOI QUEBRADO POR BARULHOS VINDOS DIRETAMENTE DO BANHEIRO.
ENTÃO, EU E TODOS OS MEUS COLEGAS FICAMOS ANTENADOS E IMEDIATAMENTE CORREMOS PARA LÁ. E PARAMOS NA PORTA E COLOCAMOS OS NOSSOS OUVIDOS COLADOS NELA E OUVIMOS A DESCARGAR DISPARAR UMAS TRÊS VEZES. A TURMA LOGO PENSOU QUE FOSSE A TAL DA LOIRA DO BANHEIRO QUE HAVIA VOLTADO DEPOIS QUE UM ALUNO PRONUNCIOU O SEU VERDADEIRO NOME.
MAS, O QUE O FANTASMA DA “CELESTE SONNWEND” NÃO SABIA ERA QUE A NOSSA TURMA TINHA COLOCADO BALDES COM TIN TAS COLORIDAS NO TETO E ASSIM QUANDO O FANTASMA DISPAROU POR TRÊS VEZES A DESCARGA, OS BALDES VIBRARAM COM O SOM DOS DISPAROS E ASSIM CAÍRAM EM CIMA DA ALMA PENADA, POIS, A IDEIA DO BRINCALHÃO DO POLÔNIO DEU CERTO E EM POUCOS MINUTOS, A NOSSATURMA FICOU DESCOBRIU O ENIGMA DA “CELESTE SONNWEND”.
QUANDO NOS APROXIMAMOS DA SUSPOSTA ALMA PENADA E RETIRAMOS O LENÇOL QUE COBRIA O SEU CORPO FICAMOS SURPRESOS COM O QUE VIMOS, POIS, ERA APENAS UM MANEQUIM DE VITRINE LOJA QUE VAGAVA PELA ESCOLA. E OS SEUS MOVIMENTOS ERAM CAUSADOS PELO EFEITO DE UM PROJETOR QUE PROJETAVA AS SUAS BREVES APARIÇÕES.
O ENIGMA DA “CELESTE SONNWEND” FINALMENTE FOI ESCLARECIDO. POIS TUDO NÃO PASSAVA DE MAIS UMA BRINCADEIRA ARMADA PELO TRAVESSO DO POLONIO, QUE AMAVA PREGAR PEÇAS NOS COLEGAS QUE CAÍAM EM SUAS ARMAÇÕES E PEGADINHAS COMO FEITO UNS PATINHOS, POIS, ELE QUERIA MESMO ERA CHAMAR A ATENÇÃO COM SUAS GRANDES TRAVESSURAS QUE ERAM O SEU PASSATEMPO FAVORITO.



Biografia:
Saulo Piva Romero, professor de Língua Portuguesa e Poeta, 46 anos. Nasceu em São Paulo no dia 9 de março de 1972. Começou a escrever poesias aos 18 anos. É formado em Letras pelas Faculdades Associadas do Ipiranga com Licenciatura Plena em Língua Portuguesa, Inglesa e Literatura.Em 2000 publicou seu primeiro livro Vida, amor e esperança.
Número de vezes que este texto foi lido: 581


Outros títulos do mesmo autor

Contos O CARRINHO DE ROLIMÃ Saulo Piva Romero
Poesias O RATINHO VIOLINISTA Saulo Piva Romero
Contos O JACARÉ BANGÃO E O COBRADOR DE IMPOSTOS Saulo Piva Romero
Contos O MICO DO REI Saulo Piva Romero
Contos A SALSICHA FUGITIVA Saulo Piva Romero
Contos TOCO E TOTÓ Saulo Piva Romero
Contos A CABANA NO DESERTO Saulo Piva Romero
Contos FLORA, O FOGO E A CHUVA Saulo Piva Romero
Contos OS PINCÉIS DA HELENICE Saulo Piva Romero
Contos PROCURA-SE UMA BERINJELA Saulo Piva Romero

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 243.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 68629 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 55736 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 44446 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 44155 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 43779 Visitas
IHV (IAHU) e ISV (IASHUA) - Gileno Correia dos Santos 43505 Visitas
Amor e Perdão - Amilton Maciel Monteiro 42225 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 41392 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 41363 Visitas
Amores! - 39913 Visitas

Páginas: Próxima Última