Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Céu lindo Céu
Matilde Diesel Borille

Se vieres,
colocar-se sob a Face,
falar-me do céu que fala
do mistério de quem somos,
vem com amor,
vem em paz,
vem puro,
vem santo,
vem sorrindo,
disposto a dividir alegria e vida.
Para que eu o passeie com meu coração batendo como um beija-flor contente.
Na minha mente o desenhe como celestial, eternamente grandioso, e o pinte com a cor que minha alma pede, calorosamente acolhedor, docemente suave.
E de modo absoluto o creia: Céu! Verdadeiramente morada do Deus Onipotente.
Céu onde o amor reluz.
Céu onde Jesus entrou
e está entronizado como um igual ao Pai.
Lar definitivo onde eu vou morar.


Biografia:

Este texto é administrado por: MATILDE DIESEL BORILLE
Número de vezes que este texto foi lido: 33770


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Menino Sol Matilde Diesel Borille
Poesias Tão flores Matilde Diesel Borille
Poesias Poema de coragem Matilde Diesel Borille
Poesias Como mil sóis Matilde Diesel Borille
Poesias Peregrino de coração Matilde Diesel Borille
Poesias Céu lindo Céu Matilde Diesel Borille
Poesias Iluminar-se Matilde Diesel Borille
Poesias Dom de amar Matilde Diesel Borille
Poesias Júbilo Matilde Diesel Borille
Poesias Girassóis na janela Matilde Diesel Borille

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 68.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
Pensamento 21 - Luca Schneersohn 35563 Visitas
viramundo vai a frança - 35511 Visitas
Como posso desenvolver uma campanha de marketing - Antonio 35466 Visitas
Na caminhada do amor e da caridade - Rosângela Barbosa de Souza 35437 Visitas
IHV (IAHU) e ISV (IASHUA) - Gileno Correia dos Santos 35418 Visitas
Guerra suja - Roberto Queiroz 35417 Visitas
NÃO ERA NADA - Alexsandre Soares de Lima 35413 Visitas
Os Morcegos - Nato Matos 35398 Visitas
O Trenzinho - Carlos Vagner de Camargo 35355 Visitas
A Carta Gelada - José Rony de Andrade Alves 35330 Visitas

Páginas: Próxima Última