Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
🔴 Entre tapas e beijos
Rafael da Silva Claro

Sempre ouvi falarem num tal de Quaquá, somente por isso não ignorava sua existência. Nenhuma atitude digna de citação concentrou as atenções no insignificante político. Sua insignificância moral não foi alterada, porém ele finalmente concentrou as atenções. O deputado federal resolveu um problema exatamente da forma que representa o oposto da política: a violência.

O deputado Messias Donato ganhou um presente de fim de ano. Recebeu um tapa do coleguinha petista Washington Quaquá. Donato não titubeou, não fez escândalo e não reagiu. Legal! Mas Donato subiu à tribuna e, fingindo ou não, chorou copiosamente. A demonstração de fragilidade é como carne fresca num rio cheio de piranhas. É necessário e estratégico reconhecer, os petistas e sua gangue são especialistas em fazer escândalo e são implacáveis quando farejam fraqueza.

Não sei se a alcunha do deputado do “tapa democrático” é a onomatopeia de um pato ou de uma gargalhada. O político gera dúvidas quanto a sua efetividade como parlamentar, contribuição como servidor público e intenções quando era prefeito de Maricá, Rio de Janeiro. No entanto, o surgimento de uma triste figura como essa revela o que é a nossa política, bem como propicia um olhar mais crítico para a direita conservadora.

Sempre preferi o discurso conservador e o liberalismo econômico. Infelizmente, a direita, que é alinhada com os valores e a política econômica que eu prezo, é incapaz, pilantra ou caricata.

Incapaz: quando, mesmo com boas intenções, apanha (figurada e literalmente) dos “progressistas”. Sempre engrupida pelos esquerdistas, aponta os absurdos, filma e posta, nas redes sociais, os arbítrios e protocola ações inócuas.

Pilantra: sendo mais popular e majoritário, esse espectro político atrai aproveitadores por todos os lados. São os conhecidos “surfistinhas”, que “surfam” na onda Bolsonaro. Repetem o palavrório direitista; ostentam a “arminha” de mão; e exibem algum pano verde, amarelo ou azul.

Caricata: justamente, a “arminha” e o mantra (Deus, pátria e família), que são bons valores, que caricaturizam e estigmatizam a direita. Fazem-na parecer quadrada e anacrônica.

Fui querer ver a política de perto e me decepcionei. O STF destrói provas de crimes com uma broca (no estilo ”não tem nada pra ver aqui”), o Executivo acoberta uma quadrilha e o Congresso lembra a inesquecível 5ª série C.


Biografia:
Ensino secundário completo. Trabalhei em várias empresas, fora da literatura. Tenho um blog, onde publico meus textos: “Gazeta Explosiva” Blogger
Número de vezes que este texto foi lido: 210


Outros títulos do mesmo autor

Ensaios 🔴 A arte de enganar Rafael da Silva Claro
Crônicas 🔵 Rosmitter, o boêmio Rafael da Silva Claro
Poesias 🔴 Conto de fardas Rafael da Silva Claro
Ensaios 🔴Madonna de areia Rafael da Silva Claro
Ensaios Leite com Pimenta Rafael da Silva Claro
Ensaios 🔴 As joias da coroa Rafael da Silva Claro
Ensaios 🔴 Feiquinius Rafael da Silva Claro
Crônicas 🔵A mansão dos mortos Rafael da Silva Claro
Ensaios 🔴 Os esquerdistas invadem a América Rafael da Silva Claro
Ensaios 🔴 Atila, o rei dos energúmenos Rafael da Silva Claro

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 426.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
JASMIM - evandro baptista de araujo 69106 Visitas
ANOITECIMENTOS - Edmir Carvalho 58001 Visitas
Contraportada de la novela Obscuro sueño de Jesús - udonge 57663 Visitas
Camden: O Avivamento Que Mudou O Movimento Evangélico - Eliel dos santos silva 55939 Visitas
Entrevista com Larissa Gomes – autora de Cidadolls - Caliel Alves dos Santos 55260 Visitas
URBE - Darwin Ferraretto 55256 Visitas
Caçando demónios por aí - Caliel Alves dos Santos 55161 Visitas
Coisas - Rogério Freitas 55031 Visitas
ENCONTRO DE ALMAS GENTIS - Eliana da Silva 55019 Visitas
Sobrenatural: A Vida de William Branham - Owen Jorgensen 54996 Visitas

Páginas: Próxima Última