Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
DIÁLOGO COM DEUS
Derlânio Alves de Sousa

Resumo:
Texto reflexivo, baseado na história de Jó, personagem da Bíblia.

DIÁLOGO COM DEUS

       Às vezes tenho me perguntado, aliás, pergunto sempre: Por que passamos por tanta dor? Qual o motivo de tantas percas? O que fiz ou faço de errado para passar por tantas aflições? Angústias, desamor?!...
      - Meu Deus! Não tenho desejado mal ao próximo, não matei ninguém, não feri nem se quer com palavras. Tenho sempre ajudado quando foi preciso e quando pude e quando posso. Pedi e peço perdão pelos meus erros apesar de continuar errando. Todavia sou ser humano, com minhas fraquezas e limitações. Tenho lutado incansavelmente para ganhar o pão de cada dia; o que eu quero e desejo de bom para mim, tenho também desejado ao meu próximo, ao meu irmão. Mas na minha vida, na vida do outro, pelas redondezas e pelo mundo, há boatos de guerra, de desgraças, fome, doenças, e em fim, ausência de afeto e carinho, respeito e amor entre os humanos.
      - Afinal de contas, o que está acontecendo ó Pai Amado?!
       Ao respirar silenciosamente, escuto a voz suave de Deus me dizendo:
      - Meu filho, se ler Jó, vai entender. Jó era o homem mais temente a Deus, mais paciente e fervoroso ao Senhor teu Deus, porém, lhe foi tirado tudo; riqueza material, família, amigos e, inclusive sua saúde. Mas com toda dor, percas, desgraças ... Jó, continuava paciente e fervorosamente adorando a Deus. Em momento nenhum não se queixou da vida, agia sempre com fé e esperança. Nada lhe abalava.
       Tudo foi tirado de Jó, não porque ele fez por merecer, mas pra mostrar ao inimigo, que as dores, os maus tempos, as ruínas, as pragas, as percas, são postas em sua vida para provar que você é filho de Deus. Que nada lhe faz afastar do Pai, aliás, todo sofrimento, serve ou é motivo para aquele que é perseverante, resiliente... permaneça firme e forte na fé e na esperança. Não desistir da vida, não parar de lutar e acreditar em dias melhores, mesmo que o presente lhe mostre apenas cinzas, poeiras. Quando tudo parece estar tranquilo contigo, o inimigo vem e lhe rouba a sua paz, leva a sua saúde, destrói a sua família e rir da sua dor e torce pelo seu desespero e atropelo. Mas lembre-se, meu filho, ele pode levar tudo de você, menos o seu coração.
        Assim foi com JÓ, restou apenas seu coração, algo que ninguém consegue roubar ou tirar de alguém. E é tudo isso que o Pai, teu Deus, quer de cada um daqueles que te ama, e me tem como Deus de suas vidas. Todavia lhe digo: jamais lhe abandonarei. Leia Apocalipse e veja; as pragas aconteceram, acontecem e acontecerão. Haverá dias de chuva e tempestades, assim como haverá dias ensolarados. Haverá muitas dores e sofrimento. Porém, aquele que persistir até o fim, será recompensado. Há e haverá também paz e harmonia entre vós.
      - Vá lá filho meu, continue sua luta, quebre as barreiras que hão de ser quebradas, continue no caminho do bem. Abre as veredas que lhe possibilitam ir e voltar sem ter o receio de estar seguro e feliz.
       Saiba que, nem sempre seu sofrimento, suas angústias e fracassos são causados pelos seus erros, mas meramente, por provocações do inimigo para você desistir de tudo. Toda vez que você diz sim a vida, agradece por ela e honra ao seu Pai, o inimigo se irrita e sempre vai lhe perturbar, vai querer te destruir, mas sempre estarei presente e constante em sua vida.
    Lembre-se, tudo pode ser lhe tirado, mas, o que você tem de mais precioso, tudo que eu quero de você, ninguém jamais irá meter a mão no que é meu, que é o seu CORAÇÃO! Basta crer nisto!
                                                                                                                                                          Autor: Derlânio Alves


Biografia:
Derlânio Alves de Sousa, nascido em 04/01/1976 no município de Aiuaba CE, filho de agricultores, Eneas Alves e D. Santa, é professor de Língua Portuguesa, tem pós-graduação em Língua Portuguesa e Literatura brasileira.
Número de vezes que este texto foi lido: 35029


Outros títulos do mesmo autor

Poesias À Maria e seus filhos Derlânio Alves de Sousa
Poesias SEJA BEM-VINDO Derlânio Alves de Sousa
Poesias Metamorfose Derlânio Alves de Sousa
Poesias POR UMA CULTURA DE PAZ Derlânio Alves de Sousa
Poesias Vida Derlânio Alves de Sousa
Poesias Interior Derlânio Alves de Sousa
Poesias Alfabeto da motivação Derlânio Alves de Sousa
Poesias E aí José?! Derlânio Alves de Sousa
Poesias Conectado Derlânio Alves de Sousa
Poesias Nosso Legado Derlânio Alves de Sousa

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 56.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2021
 
  Textos mais lidos
IHVH (IAHUAH) e ISV (IASHUA) - Gileno Correia dos Santos 35674 Visitas
Na caminhada do amor e da caridade - Rosângela Barbosa de Souza 35233 Visitas
1 centavo - Roni Fernandes 35230 Visitas
Caçando demónios por aí - Caliel Alves dos Santos 35223 Visitas
Entrevista com Larissa Gomes – autora de Cidadolls - Caliel Alves dos Santos 35217 Visitas
Ano Novo com energias renovadas - Isnar Amaral 35215 Visitas
saudades de chorar - Rônaldy Lemos 35208 Visitas
NÃO FIQUE - Gabriel Groke 35196 Visitas
ENCONTRO DE ALMAS GENTIS - Eliana da Silva 35184 Visitas
Coisas - Rogério Freitas 35157 Visitas

Páginas: Próxima Última