Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
O personagem
Nato Matos

Quando criança pintava o meu rosto,
Ficava em frente de um espelho qualquer,
Ninguém entendia,
Às vezes até me batiam,
E eu estava apenas inventando um personagem,
Nascia ali o desejo de fazer Arte, de fazer Teatro,
Ou de atuar em um circo montado em algum canto do mundo.
Hoje, não preciso mais pintar a cara,
Hoje, eu sou personagem de mim mesmo,
De cara pintada, ou não.





Biografia:
Nato Matos, nasceu em Salvador– Bahia, no dia 10 de agosto de 1961. É Graduado em Educação Artística / UCSAL, Teatro / UFBA e tem especialização em Metodologia do Ensino da Arte / IBPEX. DRT de ator: 2891. É professor, ator, artista plástico, escritor.
Número de vezes que este texto foi lido: 354


Outros títulos do mesmo autor

Crônicas Ele e o voto Nato Matos
Poesias Não me renderei Nato Matos
Poesias Tocante visita Nato Matos
Crônicas Meias Violetas Nato Matos
Crônicas Os Morcegos Nato Matos

Páginas: Primeira Anterior

Publicações de número 11 até 15 de um total de 15.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
Vivo com.. - 34373 Visitas
eu sei quem sou - 33259 Visitas
camaro amarelo - 33197 Visitas
CÉREBRO HUMANO - Tércio Sthal 33125 Visitas
sei quem sou? - 33071 Visitas
MENINA - 33024 Visitas
A menina e o desenho - 32934 Visitas
O que e um poema Sinetrico? - 32920 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 32917 Visitas
viramundo vai a frança - 32880 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última