Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Pendulo
Karol

Por um momento meu coração chegou a parar, eu me vi perdida entre o céu e a terra minha respiração acelerada meus olhos perdidos, na minha mente apenas historias vazias corriam, eu me perdi no mais perigoso jogo de todos eu não sei como voltar, eu estou realmente morrendo a cada segundo, eu não sei de onde vim, não sei como voltar eu estou implorando ajuda, mas não de verdade, entre o céu e a terra eu me perco como um pendulo  que caí eu caio por você mais uma vez e dessa vez a ultima pois eu estou morrendo, dessa vez de verdade...


Biografia:
Apenas alguém que gosta de escrever um pouco sobre meus sentimentos
Número de vezes que este texto foi lido: 28758


Outros títulos do mesmo autor

Poesias ... Karol
Poesias Chega Karol
Poesias Além de tudo Karol
Poesias Pendulo Karol
Poesias Desculpa Karol
Poesias Apenas Vazio Karol
Poesias Talvez um Adeus Karol
Poesias Você Karol
Poesias Ah baby... Karol


Publicações de número 1 até 9 de um total de 9.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
A menina e o desenho - 33622 Visitas
O que e um poema Sinetrico? - 33604 Visitas
viramundo vai a frança - 33541 Visitas
CÉREBRO HUMANO - Tércio Sthal 33462 Visitas
Aspectos da Usucapião - Agatha Sthefanini Silva Ferreira 33179 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 33118 Visitas
PSICOLOGIA E DIREITO - Francisco carlos de aguiar neto 32766 Visitas
FIO DA ESPADA - Tércio Sthal 32520 Visitas
O Senhor dos Sonhos - Sérgio Vale 32246 Visitas
Origens da Bandeira do Brasil - Marco Antonio Cruz Filho 31966 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última