Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Mil luas
nizomar espíndola

Voce se despediu de mim
e com um soriso no rosto disse que voltaria
eu quis esperar voce voltar
mil luas passaram e eu estava esperando
as manhãs foram passando
as tardes vieram
as noites estavam frias
voce foi pra longe
mas voltaria
numa manha de janeiro
fria de inverno
eu fiquei da mesma forma
suportei sua ausencia todos os dias
o tempo passou e as lagrimas chegaram aos meus olhos
eu fiquei só com a minha saudade
eu fiquei só com a minha esperança
eu fiquei só com o meu espirito
meu cabelo enbranqueceu
porém voce não voltava
mas nada pode arrancar de mim o sentimento que um dia te verei denovo.


Biografia:
Número de vezes que este texto foi lido: 33782


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Para sempre só um nizomar espíndola
Poesias Mil luas nizomar espíndola
Poesias Neverland nizomar espíndola


Publicações de número 1 até 3 de um total de 3.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2021
 
  Textos mais lidos
viramundo vai a frança - 76529 Visitas
Sem - ANDERSON CARMONA DOMINGUES DE OLIVEIRA 62271 Visitas
NÃO ERA NADA - Alexsandre Soares de Lima 50439 Visitas
O Trenzinho - Carlos Vagner de Camargo 50234 Visitas
Os Morcegos - Nato Matos 49730 Visitas
Pensamento 21 - Luca Schneersohn 49438 Visitas
IHVH (IAHUAH) e ISV (IASHUA) - Gileno Correia dos Santos 49229 Visitas
A TRISTEZA E O SIM DA VIDA - Alexsandre Soares de Lima 49148 Visitas
MILA, A MENINA QUE MORAVA DENTRO DE UM COGUMELO - Saulo Piva Romero 48956 Visitas
Solidão que nada - Morgana Bellazzi de Oliveira Carvalho 48906 Visitas

Páginas: Próxima Última