Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
O tempo do tempo
Maria

O tempo é estranho. Um dia você abre os olhos e percebe coisas que nunca tinha visto antes. E você se pergunta se é você que está ali ou tem uma outra pessoa em seu lugar.

Você sempre caminhou para longe do caos que era a tua vida e de repente você é confrontado com ele. Na verdade hoje é a vespera do dia em que conheci o caos pela primeira vez.

Andando por aí encontrei uma linha dourada no chão de minha estrada.

Ajuntei aquele fio dourado e ele me levou a um pensamento: "Hoje o homem se embrulha em seu próprio caos". Pensei: "É verdade".

Ali também me embrulhei em meu próprio caos. Aquela linha dourada serviu de amarra para minha alma ao caos interior que a mim se apresentava.

Depois daquele dia perdi a contagem do tempo. Os dias não eram mais medidos por noites e dias, mas por horas, minutos ou mesmo instantes. E mergulhei num redomoinho que me levou a dias taciturnos de muita tempestade interior e a dias de sol esplendoroso e iluminado.

E a vida da gente ficou assim. Um torvelinho de emoções, a derramar lágrimas sem fim ou explodir de alegria. E teve tempo de vida e teve tempo de morte neste caos que pode-se dizer já se estende por cinco séculos de vida do tempo de tempo.

Hoje parei de contar o tempo. Envelheci demais contando- o. Já nem sei mais que hora do dia é. Mas fico pensando no amanhã. Fico imaginando que surpresas ele trará com a luz do dia. Trará alegrias ou trará lágrimas de dor outra vez? Se for tristezas que me esperam, não sei se tenho forças de continuar qualquer caminhada.

Mas como saber o dia de amanhã?. Pergunta que faço a mim mesma. E só, respondo-me: "Deixa o amanhã para o amanhã. Amanhã é outro dia. E ele com certeza virá".

Número de vezes que este texto foi lido: 28848


Outros títulos do mesmo autor

Poesias sobre dias que marcam. Maria
Contos O vazio Maria
Poesias Nosso Penta vem ai ! maria
Crônicas O Funerário Adivinhão Maria
Crônicas Schusta! Maria
Poesias Texturas Maria
Poesias Prateleiras Maria
Poesias Autêntica Maria
Poesias Desfolhar da Poesia Maria
Poesias Emoção Que Se Vê Maria

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 1437.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 69564 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 55951 Visitas
IHV (IAHU) e ISV (IASHUA) - Gileno Correia dos Santos 48859 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 44683 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 44324 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 43942 Visitas
viramundo vai a frança - 43579 Visitas
Amor e Perdão - Amilton Maciel Monteiro 43335 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 41958 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 41581 Visitas

Páginas: Próxima Última