Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Escute (+ Episódio 9 da Série em poesia)
Bia Nahas

Resumo:
Para ver o episódio novo da série, acesse: http://www.escrita.com.br/leitura.asp?Texto_ID=53220

Escute.
Não é certa nem errada.
A aceite por si só.

Ela tem uma razão de ser
que indica uma vontade de ver
logo algo que necessita
e que rapidamente se concretiza.
É ela a ansiedade
que busca atender a nossa necessidade.

Escute.
Não é certa e errada.
A aceite por si só.

Quando aparecer em sua experiência,
a aceite em sua essência
porque indica que não está atendendo
uma necessidade que está esquecendo.
É ela a tristeza
que pode nos fazer olhar para a redondeza.


Escute.
Não é certa nem errada.
A aceite por si só.

A raiva nos indica também,
se a olharmos como um bem,
quando ignoramos como seres humanos
Uma necessidade que nos importamos
e condenamos o outro como o errado
por julgarmos certo apenas um lado.

Escute.
Não é certa nem errada.
A aceite por si só.

Quando alegria sentir,
é por conseguir
atender uma necessidade sua
e então, é possível celebrar
pra valer sem precisar outrem rebaixar
pela conquista tua.


Quando identificamos
e comunicamos
esse sentimento e necessidade
que, na verdade,

é a causa do nosso sentimento
nos responsabilizamos pelo momento
e não apenas culpabilizamos terceiros
ou nos condenamos em moralizantes julgamentos.

Os outros também têm
as mesmas necessidades que vem
a ser a causa de muitas divergências
o que são naturais das convivências.

A energia vital pode florescer
em cada um que pode viver
consciente da sua experiência
e menos dependente da violência.

Fica mais possível se conectar
ao escutar e falar,
ao pedir de si a si ou de si a ti
e ao pedir de ti para mim e só daí...

A empatia e a autoempatia
podem nos envolver numa harmonia
em que podemos ser compassivos e autênticos
e cada vez mais coerentes com nós mesmos...


Poesia em homenagem à CNV e seu fundador Marshall Rosenberg , servindo à vida através da poesia.


Biografia:
Oi, gente! Sou a Bia. Tenho 22 anos. Moro em São Paulo capital. Estou fazendo faculdade de psicologia. Cada poema é muito especial e único, pois expresso alguma inquietação social ou pessoal. Faço encomendas de poesias. Quem quiser me conhecer, será um prazer. Mande um e-mail que eu respondo. Email para contato: nahasbeatriz@gmail.com Meu blog pessoal de poesias: www.rumoaminhamente.blogspot.com.br Twitter: @Bia__Nahas
Número de vezes que este texto foi lido: 12


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Escute (+ Episódio 9 da Série em poesia) Bia Nahas
Poesias Nada Inocente Bia Nahas
Poesias Horizonte de Luar Bia Nahas
Poesias Quando Quiser Bia Nahas
Poesias Bem Coladinho (Temática: Forró) Bia Nahas
Poesias Recuo da Solidão Bia Nahas
Poesias Vem Com Tudo Bia Nahas
Poesias Batida Contínua Bia Nahas
Poesias Granizo Bia Nahas
Poesias Trem da Loucura Bia Nahas

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 341.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2021
 
  Textos mais lidos
viramundo vai a frança - 76542 Visitas
Sem - ANDERSON CARMONA DOMINGUES DE OLIVEIRA 62275 Visitas
NÃO ERA NADA - Alexsandre Soares de Lima 50444 Visitas
O Trenzinho - Carlos Vagner de Camargo 50241 Visitas
Os Morcegos - Nato Matos 49735 Visitas
IHVH (IAHUAH) e ISV (IASHUA) - Gileno Correia dos Santos 49509 Visitas
Pensamento 21 - Luca Schneersohn 49442 Visitas
A TRISTEZA E O SIM DA VIDA - Alexsandre Soares de Lima 49152 Visitas
MILA, A MENINA QUE MORAVA DENTRO DE UM COGUMELO - Saulo Piva Romero 48960 Visitas
Solidão que nada - Morgana Bellazzi de Oliveira Carvalho 48910 Visitas

Páginas: Próxima Última