Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
O mundo Linux para 2024
Vander Roberto

O mundo Linux cresceu na última década. Isto pode ser observado pelo desenvolvimento de sistemas bem mais amigáveis para usuários(as) leigos(as) tendo uma expansão enorme de mercado. Quem deseja fugir de licenças pagas encontrará no mundo Linux diversas opções em 2023 e ainda mais em 2024.

As distros raízes vão muito bem, obrigado. Aquelas baseadas nestas precisarão buscar mais usuários(as) mostrando produto de qualidade e diferencial. O mercado Linux tem forte concorrência, são mais de duzentas distros ofertadas, pensar em novas estratégias para 2024 é quase uma obrigação.

Nossas distros brasileiras estão em crescimento e trazem um patamar de qualidade diferenciado. A maioria entrega tudo pronto e fácil para quem usa e a maior parte está fincada em interface KDE Plasma. É preciso ofertar mais interfaces, coisa para ser discutida rapidamente.

Nota-se que este mercado atinge todos os gostos. Há distros para quem quer muita coisa e quem deseja quase nada. O foco para 2024 é ampliar muito mais a questão da segurança e avaliar possíveis mudanças estratégicas para atingir novos(as) usuários(as).

Um ponto positivo que vejo com grande sucesso é o modelo rolling ou entrega contínua de atualizações. É uma tendência forte que está chegando. Não será preciso ficar formatando mais computador bastando atualizar o sistema. Uma nova versão lançada será mais para mostrar aquilo que foi mudado.

Outro ponto interessante é o crescimento do minimalismo. Usuários(as) desejam mais liberdade e querem sistemas mais limpos optando por escolher aquilo que desejam instalar. Neste ponto, a filosofia brasileira de fazer Linux está na contra-mão precisando verificar este detalhe.

Neste sentido, imagens ISO maiores que 1.8 GB de RAM deverão ser repensadas. A ideia é entregar interface pronta para conexão, Gerenciador de Arquivos, Firewall ativo por padrão e nada mais. É uma tendência que se estabelece podendo crescer.

A questão de instalação não fica esquecida e muitas distros precisarão reavaliar se aquilo que está aí atende ao público. O Calamares veio para ficar e tudo indica que será o padrão daqui algum tempo. Instalações netinst do tipo Debian são demoradas e nem todo mundo tem acesso fácil a Internet.

No quesito interfaces, uma boa ideia seria lançar nova versão do Openbox. É uma interface prática quando combinada com elementos de outras e entrega um ambiente leve de trabalho muito prático. A redução de consumo de RAM nas demais é caso para ser estudado.

Entregar usabilidade e facilidade são metas e muitas distribuições precisarão de mais tempo para mostrar serviço nestes quesitos. Testar é algo bem importante e este ponto ficou um pouco distante diante de usuários(as) exigentes.

Ouvir o(a) usuário(a) e suas necessidades é fundamental. É preciso abrir canais mais populares como no YouTube, trazendo conteúdo semanal em diversas línguas e mostrando como deixar o sistema em uso adequado. Há gente que faz este tipo de serviço no YouTube sendo muito distante do esperado.

Por outro lado, há um universo de distros que deixam a desejar. Produtos mal acabados, sem refinamento, inexistindo comunicação em fóruns ou sites são problemas que precisarão de boas correções. No século da Comunicação é impossível não dar o ar da graça.

Neste 2023 eu testei distros que davam muitos problemas. O caso que mais chamou minha atenção foi o AntiX que após instalado demorava bons minutos para chegar na tela de login. Isto é inaceitável e espero que tenham corrigido isto para 64 bits.

No mundo veloz e prático que vivemos não há espaços para distros que erram em pontos elementares. Há distros excelentes, é injusto apontar uma, temos um universo de gente competente que trabalha duro para entregar coisa de qualidade. Continuem assim.

Distros brasileiras precisam ouvir mais os(as) usuários(as) entregando opções diversificadas. O trabalho não é ruim carecendo de atenção aos produtos colocados. Fazendo uma busca no Distrowatch eu não achei uma distro brasileira que ofertava interface Mate. Inaceitável.

Por fim, espero que o mundo Linux ganhe mais usuários(as) crescendo não só na parte do uso como construção do Linux em si. Fazer doações entra neste pacote e ajudar quem te entrega tudo na mão é preciso. Pensemos nisto. Abraços.


Biografia:
Número de vezes que este texto foi lido: 205


Outros títulos do mesmo autor

Artigos Plano de Recuperação de Desastres Vander Roberto
Artigos Experiência com o Positivo Stilo One Vander Roberto
Artigos Paulista Sub-23 de 2024 Vander Roberto
Artigos Silvio Luiz e Sílvio Lancellotti Vander Roberto
Artigos Por quê o RS demorará para ser reconstruído? Vander Roberto
Artigos Capitalismo e a catástrofe gaúcha Vander Roberto
Artigos Importância da Lei Áurea nos dias atuais Vander Roberto
Artigos Reconstrução do Rio Grande do Sul Vander Roberto
Artigos 87 anos da morte de Noel Rosa Vander Roberto
Artigos RH ruins e etaristas Vander Roberto

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 135.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
JASMIM - evandro baptista de araujo 69082 Visitas
ANOITECIMENTOS - Edmir Carvalho 57979 Visitas
Contraportada de la novela Obscuro sueño de Jesús - udonge 57636 Visitas
Camden: O Avivamento Que Mudou O Movimento Evangélico - Eliel dos santos silva 55909 Visitas
URBE - Darwin Ferraretto 55228 Visitas
Entrevista com Larissa Gomes – autora de Cidadolls - Caliel Alves dos Santos 55211 Visitas
Caçando demónios por aí - Caliel Alves dos Santos 55088 Visitas
Sobrenatural: A Vida de William Branham - Owen Jorgensen 54965 Visitas
ENCONTRO DE ALMAS GENTIS - Eliana da Silva 54957 Visitas
Coisas - Rogério Freitas 54947 Visitas

Páginas: Próxima Última