Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
FICA EM CASA, SE PUDER.
BENEDITO JOSÉ CARDOSO

FICA EM CASA, SE PUDER.

Lembro com muita saudade
Daquele bailinho...

Que tínhamos que dançar.

Daquele comércio;
Das iguarias.
Daquele vendedor de balinhas;
Do vendedor de chope;
Do vendedor de Coco...
Das praças...
Das esquinas.

Do vendedor de pastel;
Da banca do João
Da dona Maria
Do Manoel

Da banca de jornal
Do cafezinho
Da madrugada
Da feira da 25
Da feira do ver-o-peso
Do arraial..

Do puteiro
Da rua riachuelo
Das praias de outeiro
Cotijuba...vai quem quer...
Mosqueiro
E salinas...
Alter

Do chão proibido de pisar


Do frango da Duque
Da feira do telégrafo
Do artesanato
Dos atos
Do Arnesto

Tentando ser esperto
Cerrando às portas
Dos decretos
Pra ver a banda passar

Do fica em casa.
Se puder

Da violência escancarada
Do estado de sítio
Num ritmo
Jamais visto

Pois é...

Do cerceamento
Impositivo
Do ir e vir

Do seus direitos...

Ninguém imaginava....

É
Mas hoje,
Vêm batendo
À sua porta.

Te chamando eleitor.

Não
Importa não.

É chegada a hora;
Refrescar a memória...

Relembrar

É dizer não...


Um basta
Mostre a sua arma
Agora.

José
João
Maria...

Não esqueça não
É a nova eleição.

A hora é essa;
Quem diria.

Com seu título na mão
Vamos inverter a história.

Dar o troco àqueles que um dia nos fizeram reféns da tirania...do poder.

Pelo poder.

Mostrar que temos vergonha na cara
Que temos valor...

Afinal.


Biografia:
"As obras do artista só têm valor, quando consegue atingir a sensibilidade daqueles que entendem"
Número de vezes que este texto foi lido: 54881


Outros títulos do mesmo autor

Poesias FEITO ARTESÃO BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias GELECA BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Crônicas MUTAÇÃO BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Crônicas MUTAÇÃO BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias PRONOME BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias CRONICA BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias POESIA BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias HEXA BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Cordel CENSURAR, PRA QUÊ ? BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias LENTES DO TEMPO BENEDITO JOSÉ CARDOSO

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 170.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
Minicurso sobre a redação no ENEM - Isadora Welzel 79736 Visitas
URBE - Darwin Ferraretto 59549 Visitas
Salvando computador muito ruim - Vander Roberto 55635 Visitas
81 anos da prisão e morte dos Rosas Brancas - Vander Roberto 55456 Visitas
Delícias da festa junina - Ivone Boechat 55378 Visitas
QUE SE... - orivaldo grandizoli 55375 Visitas
Lançamento do livro - Alberto Kopittke 55357 Visitas
Nua, totalmente indefesa - rodrigo ribeiro 55309 Visitas
A FARSA DA USURA - fabio espirito santo 55293 Visitas
O estranho morador da casa 7 - Condorcet Aranha 55279 Visitas

Páginas: Próxima Última