Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
QUANDO EU ME FOR DESSE MUNDO!
Somenteescrevo

Enquanto vou vivendo
nesse mundo insensível!
cheio de sombras, desamores
muros, grades, dissabores
vou morrendo a cada dia
morrendo a cada segundo
quem não morre nesse mundo?
We're nothing but grains of sand!
Então sonho com um belo sepulcro
tranquilo, cheio de pássaros
muitos ficus entre os túmulos
e rezo inúmeras vezes
a Deus e Nossa Senhora
que me acolha nessa hora
peço também aos deuses
um santuário de Eirene e Minerva
arvores frondosas, muita clorofila!
muita sombra aconchegante
onde a calmaria me reserve
uma viagem tranquila
nada de tristezas, por aquela redondeza
Apenas velas acesas
iluminando minha passagem
e que venham ventos festivos
fechando as páginas do meu livro.


Biografia:
não me considero poeta, escrevo há muitos anos, porque gosto e por lazer.em minhas poesias retrato meus sentimentos e pensamentos, coisas do cotidiano,a vida como um todo. cresci convivendo com repentistas e tomei gosto.

Este texto é administrado por: escrevo
Número de vezes que este texto foi lido: 54698


Outros títulos do mesmo autor

Poesias QUARENTENA somenteescrevo
Poesias noite mal dormida! somenteescrevo
Poesias SÃO PAULO DEVASTADA! somenteescrevo
Haicais FOFOCAS Somenteescrevo
Haicais VULNERABILIDADE somenteescrevo
Poesias Bicho papão Somenteescrevo
Poesias QUANDO EU ME FOR DESSE MUNDO! Somenteescrevo
Poesias somenteescrevo
Frases CANETA AZUL somenteescrevo
Haicais Poeira vira barro Somenteescrevo

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 16.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
Amores! - 54783 Visitas
Delícias da festa junina - Ivone Boechat 54782 Visitas
DIVINO SER - Ivan de Oliveira Melo 54781 Visitas
Dores da paixão - Ivone Boechat 54780 Visitas
Carta para Sophie Scholl - Junho/2024 - Vander Roberto 54779 Visitas
Desabafo - 54778 Visitas
eu sei quem sou - 54778 Visitas
Leite com Pimenta - Rafael da Silva Claro 54772 Visitas
O que e um poema Sinetrico? - 54770 Visitas
A força do recomeço de empresários atingidos pelas enchentes - Isnar Amaral 54770 Visitas

Páginas: Próxima Última