Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
CÉREBRO HUMANO
Tércio Sthal

O cérebro não se furta,
Urde, no tempo, visionário
A mover no tear milionário
A arte breve e a vida curta.

Corre riscos, empreende jornada,
Abrasa a vida, dá tom à moldura,
Soçobra cada dom em amargura,
Come a esfíngie na hóstia sagrada.

Flameja seu brilho no cristal
Com alma ansiosa por ventura,
Quer petiscar, resvala na agrura
Dos sonhos e visões do ideal.

Onde o surto faz maior a lacuna,
Ele refrata os mitos da História
Em conceitos e ápices de glória,
E palavras em hora oportuna.

Castiga-se e nega-se em dar prêmio,
Tempestua suas paixões febris
Em acordes, trovas e tons pueris,
A desgastar de vez o ser, o gênio.

Vibra morno e confuso,
Flutua em seu remoinho,
Transforma água em vinho
E alimenta cada intruso.

Não vive sem o saber falho,
Passa tudo em revista,
Cada ato, gesto e pista,
E providencia cada atalho.

Qual erva o tempo inteiro
Nunca se vê a salvo,
e quando atinge o alvo
Enfia-se noutro atoleiro.





Biografia:
Tércio Sthal, Natural de Tupã, SP, Poeta e Escritor, MBA em Gestão de Pessoas, Cadeira de nº 28 da Academia Nacional de Letras do Portal do Poeta Brasileiro, com publicações em coletâneas da Shan Editores, Autor de a Cidade das Águas Azuis e O Menino do Dedo Torto, Do Abstrato ao Adjacente, Inferências, Referências e Preferências em http://bookess.com e Lâminas e Recortes em Widbook.com
Número de vezes que este texto foi lido: 47925


Outros títulos do mesmo autor

Poesias ALTA QUANTIA Tércio Sthal
Poesias QUANTA SAUDADE Tércio Sthal
Poesias QUEM VAI QUERER? Tércio Sthal
Poesias PREFIRO O SOM Tércio Sthal
Poesias NOS BRAÇOS DO NADA Tércio Sthal
Poesias PRÍNCIPE OU SAPO? Tércio Sthal
Poesias DIANTE DO PATÍBULO Tércio Sthal
Poesias SE NÃO DISSERAM, EU DIGO... Tércio Sthal
Poesias QUE NEM TUDO PASSE Tércio Sthal
Poesias QUEM PAGA O PATO? Tércio Sthal

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 227.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2018
 
  Textos mais lidos
A Dama e o Valete - Talita Vasconcelos 185495 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 163633 Visitas
Era uma casa grande - helena Maria Rabello Lyra 163546 Visitas
E assim foi a nossa história... - Nandoww 130642 Visitas
ENTENDA DE UMA VEZ POR TODAS O HINO NACIONAL - Fabbio Cortez 117721 Visitas
Transgressão do Dever - helena Maria Rabello Lyra 80734 Visitas
Esse mês de Julho... - Nandoww 69806 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 64837 Visitas
Fazendo amor - Milena Marques 60303 Visitas
Há uma urgência do amor.. - Sabrina Dos Santos 55736 Visitas

Páginas: Próxima Última