Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
REFAZENDO A CHAMADA
Derlânio Alves de Sousa

REFAZENDO A CHAMADA


Às vésperas do fim do ano letivo, um professor do 8º ano “A” resolveu ir até a sala do 9º “A”, por se tratar de seus ex-alunos, queria na ocasião motivá-los a continuar estudando, já que o 9º ano é a última etapa do Ensino Fundamental e, era também a última frequência deles nessa escola. Na grande maioria eram alunos dessa escola desde 1º ano de estudo. Uma mudança importante na vida deles está prestes acontecer, sair do Fundamental e ir para o Ensino Médio. Nova escola, novos professores, novos colegas, novos desafios, novas aprendizagens.
O professor resolveu, depois de cumprimentar a turma, chamar um por um pela ordem numérica e alfabética, para isso trouxe consigo a lista nominal deles do Diário Escolar do ano anterior.
Ao iniciar a chamada disse: Número 1? - Presente professor! - Respondeu João Jorge. - Número 2? – Presente querido professor! – Respondeu Rafaela. E, assim foi o número 3, 4, 5, 6... Ao chegar no número 9, o professor chamou uma vez e ninguém respondeu. O professor disse: Gabriel? Cadê? A turma respondeu: Foi estudar na turma do 9º B professor.
E, continuando a chamada: Número 10? 11? 12? 13?... - Todos responderam: Presente professor! Ao chamar o número 14, a turma respondeu: - É Helena, ela foi embora para São Paulo Professor!
Prestes de concluir a chamada, o professor disse: Número 20? Aí houve uma grande pausa... O professor continuou: Número 20? Paulinha? (...) Nesse momento houve um grande silêncio na sala de aula, todos entreolhavam-se tristemente! Imediatamente o professor lembra que no meio do ano, nas férias, Paulinha, ao viajar para passar as férias com seus parentes em outra cidade, sofreu um drástico acidente automobilístico e veio passar dessa para a dimensão superior. Paulinha não faz mais parte do nosso meio material. Entre um olhar e outro, gotas de lágrimas rolavam no rosto daqueles que amavam e admiravam Paulinha, por ser uma garota, alegre, comunicativa, amiga e cheia de vida. Vida que se foi. Mas que ficou registrado em nossos caroções.
Passando alguns minutos, concluída a chamada, o professor muito comovido, se dirige à turma e diz: A vida, meus queridos e queridas alunos e alunas, (não considero vocês como ex-alunos, são eternamente meus alunos!), A VIDA é feita de momentos, os momentos se tornam etapas e as etapas em uma vida inteira. Feliz ou infelizmente, curta, média e as vezes longa, longa quando atingimos a terceira idade. No caso da Paulinha, muito prematuro seu tempo conosco, mas vale ressaltar que o tempo não é o nosso, mas o designado por Deus, Ele sabe de todas as coisas. Certamente, ela foi atender ao chamado do Pai Celestial.
O que eu tenho a dizer é: Aproveitem cada momento que a vida lhes oportuniza, celebrem o amor, o carinho, o respeito, a gratidão ... Ofereçam o melhor de vocês e aceitem o que o outro tem de melhor para te oferecer, que certamente vocês colherão o melhor da vida, a plenitude dos bons sentimentos e das boas ações. Porque a qualquer momento podemos está partindo, e o que fica são nossas lembranças dos nossos feitos. O sorriso de Paulinha, por exemplo, sempre vai estar em nossas mentes.
Aproveitem cada ocasião, façam dos pequenos instantes, grandes momentos. Não é verdade que aniversariamos uma vez no ano, aniversariamos todos os dias. Pois, poder contemplar os adventos do dia seguinte é mais que um presente de Deus! É uma glória, uma dádiva, uma vitória!
O nosso futuro é planejado no presente, baseado no que plantamos no passado, nossos sonhos e objetivos de vida dependem de como encaramos os desafios do dia a dia. Quanto mais otimistas formos mais possíveis se tornam nossos sonhos! Acreditar no inacreditável, que o impossível sempre será possível, que nada está além do poder e da graça divina é o suficiente para vencer e sermos felizes na vida.

Espelhem nos bons exemplos, se esforcem continuamente, plantem a sementinha que tem que ser plantada hoje, para colher o fruto desejado do amanhã, e que o próximo bom exemplo que seja seu legado.
Vocês observem que tudo muda, o ontem nunca vai se repetir, aliás, a história não se repete, ela é feita de cada instante em que vivemos, e, cada momento é único. A exemplo da nossa turma do ano passado, 8º A, éramos 26 alunos, hoje vejo novas carinhas aqui, assim como sentimos a ausência de alguns. Esse momento é especial porque você é especial! Portanto, queridos alunos, queridas alunas, sintam o orgulho de ser e de estar aqui. Amanhã não sabemos onde estaremos. Só peço que, se for possível, refaçam sempre a CHAMADA de vossas vidas e vejam como é importante valorizar e agradecer sempre por esse presente que é HOJE!
A felicidade está em tudo que fazemos com prazer e por prazer, não esqueçam de viver a intensidade de hoje. Se está bem ou não, VIVA!

Autor: Derlânio Alves


Biografia:
Derlânio Alves de Sousa, nascido em 04/01/1976 no município de Aiuaba CE, filho de agricultores, Eneas Alves e D. Santa, é professor de Língua Portuguesa, tem pós-graduação em Língua Portuguesa e Literatura brasileira.
Número de vezes que este texto foi lido: 52971


Outros títulos do mesmo autor

Poesias CRIANÇA Derlânio Alves de Sousa
Releases AMIZADE Derlânio Alves de Sousa
Poesias A VOCÊ MAMÃE Derlânio Alves de Sousa
Releases A LONGA VIAGEM Derlânio Alves de Sousa
Poesias PROCLAMAÇÃO DA REPÚBLICA Derlânio Alves de Sousa
Poesias SOU APENAS UM SER HUMANO Derlânio Alves de Sousa
Poesias REFAZENDO A CHAMADA Derlânio Alves de Sousa
Poesias TOLERÂNCIA RELIGIOSA Derlânio Alves de Sousa
Poesias Jogo da vida Derlânio Alves de Sousa
Frases verdade? Derlânio Alves de Sousa

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 68.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
JASMIM - evandro baptista de araujo 68958 Visitas
ANOITECIMENTOS - Edmir Carvalho 57878 Visitas
Contraportada de la novela Obscuro sueño de Jesús - udonge 56695 Visitas
Camden: O Avivamento Que Mudou O Movimento Evangélico - Eliel dos santos silva 55763 Visitas
URBE - Darwin Ferraretto 55001 Visitas
Entrevista com Larissa Gomes – autora de Cidadolls - Caliel Alves dos Santos 54857 Visitas
Sobrenatural: A Vida de William Branham - Owen Jorgensen 54816 Visitas
Caçando demónios por aí - Caliel Alves dos Santos 54754 Visitas
O TEMPO QUE MOVE A ALMA - Leonardo de Souza Dutra 54691 Visitas
ENCONTRO DE ALMAS GENTIS - Eliana da Silva 54659 Visitas

Páginas: Próxima Última