Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
PESQUISANDO ETANOL DESCOBRI ÁGUA EM PÓ
Lailton Araújo



Primeira Parte

Hoje é um dia especial… Estou feliz! Descobri que 1 molécula (+) 1 molécula (=) 2 moléculas. Sou um gênio! Estudo Ciências Biológicas. Com essa hipótese formulei a equação da molécula de água em pó e fui indicado para o PQP - Prêmio de Química Pernambucana. A votação, divulgação e premiação do PQP ocorrerão em Brasília no dia 30 de Fevereiro. Na entrega do prêmio máximo estarão como convidados: os mensaleiros, sanguessugas, lobistas, senadores fixos e cassados, jornalistas, deputados, prefeitos, ministros, donos de rádios, jornais, revistas e TVs brasileiras que cobram o famoso jabá para divulgar a obra intelectual de um aprendiz das ciências. Não ache que sou apenas um chato, dependente e sem dinheiro no bolso ou no banco. Um dia serei dono de um grande laboratório químico. Com meus tentáculos de polvo controlarei os famosos puxa-sacos que - colocados dentro da cadeia alimentar do tubarão político - ficam abaixo dos parasitas. Por coincidência eles estão no Planalto Central Tupiniquim.

Haverá comes e bebes. A bebida oferecida será a Coca-Cola pernambucana: água tônica com café. Os pernambucanos não são bairristas… Apenas divulgam sua cultura. Como petisco: carne de bode bem assada. Justa homenagem ao antigo político Mr. Severino. Oxente! Até mainha vai gostar e lamber os dedos… É bom demais! Só falta a farinha de mandioca e um cheiro no cangote! O ex-presidente Lula Cá, ainda não confirmou a presença do Lula Lá. A presidenta Dilma está na dúvida se participa do evento. O apoio político é algo necessário a esse e outros humildes inventores. Sou pernambucano, socialista, naturalista, pacifista, mulherista… Desculpe! Errei! Quis dizer: feminista. Não devia ter bebido derivados da cana-de-açúcar.


Segunda Parte

PQP não é o mesmo que Puta Que Pariu! Não colocaria algo obsceno em um texto da mais alta qualidade científica! As preocupações são muitas… Não quero problemas com a volta da censura ao que for escrito e comentado. Uma dor de cabeça: o voto do jurado Virgulino Ferreira da Silva - vulgo Lampião - e seu bando ao PQP, está me deixando careca. A bancada política evangélica - que apoia parte de minha invenção - não quer o envolvimento material e espiritual de bandoleiros. Sou democrata e vou aceitar essa observação. Negociar é o segredo para ganhar os votos tão importantes ao meu reconhecimento como gênio e pesquisador brasileiro. É a sabedoria do abraço e aperto de mão, nas esquinas e vielas do acaso. Quem tem a pureza da água em pó? Quem?

Alguns colegas da área científica dizem que socialmente minha fórmula é inútil: É coisa de amador! Precisarei de 2 litros de água líquida para dissolver cada 1 litro de água em pó. Acho que eles estão com dor de corno. Já não conseguem ter ideias brilhantes iguais às minhas. O complexo do alce ou do bode está machucando alguns neurônios supérfluos.


Terceira Parte

Não sou nordestino besta… Tenho consciência que o uso da água em pó secará todos os reservatórios de água líquida do Nordeste do Brasil. Não será fácil convencer os químicos e os grandes laboratórios no embarque da parceria comercial x projeto universal. Alguns têm pavor de canoa furada. O povo pernambucano não morrerá em naufrágios… A maioria dos rios, açudes e outros tipos de reservatórios estão secos. Lá é impossível morrer por afogamento. Até os peixes nascem e não aprendem a nadar! O carcará - águia do Sertão imortalizada na canção dos compositores João do Valle / José Cândido - voa com uma asa só! Com a outra ele se abana… O calor é insuportável!

Se você não entendeu o lado ambientalista, político e social de minha fórmula, perdoe-me. Ou popularmente: me perdoe. Procure estudar ecologia. A moringa - cabeça figurada - não foi criada apenas, para segurar as orelhas ou servir de garagem de chapéu. Desculpe-me pela educação pessoal. Não quis ser grosseiro ou inconveniente… Por possuir um QI - Quociente de Inteligência, de ameba, movido à meleca pura e impura, consegui ser aprendiz de leitor e escritor, nas Ciências Ocultas e Letras Apagadas. Sou graduado e desgraduado nas universidades da vida por onde ando e promovo, minhas ideias e experiências. Tenho moral e sabedoria para dar e vender bons conselhos. Estude! Eu sou um espelho das ciências e coisas inúteis no desenvolvimento brasileiro. Não duvide da água em pó. Ela rima e pode combinar com o etanol.


Quarta Parte

Aproveitando o grande momento quero pedir que a escolha do PQP, em Brasília, seja igual àquela da premiação do Oscar... Nos EUA é assim: cartel (+) cartel (=) Senhor Que Usa Anel. Rimou? Uai sô! Não gostou? Chame o imortal ex-presidente Itamar! É só assim que nós vai de black-tie tomá uns milk-shakes, com pão de queijo, nas terras do Tio San e Pato Donald.

Quero e vou ganhar o prêmio PQP. Mesmo com ou sem lobby! Sou nacionalista… O controverso prêmio servirá para eu colocar a bunda - ou traseiro para os puritanos - na cadeira cativa da ONU - Organização das Nações Unidas. Não perguntem pra quê... Não sei usar os quês da gramática! Tenho amigos poderosos. Até o ex-presidente americano, George Bush, já entrou no etanol... Pra ele entrá na água em pó é uma questão de uns goles a mais! Tenho dois assistentes: XI para assuntos hídricos; XII para assuntos do paladar e erros do português falado e escrito… Sou cientista, não sou escritor, oxente! A imprensa é foda. Não larga meu pé!


Quinta Parte

Um prêmio é sempre um prêmio! É mais um troféu para ser fundido e vendido... Sobrarão alguns reais ou dólares depositados nas contas dos paraísos fiscais. O grande problema final do PQP será com relação à aliança política com os mineiros. Uai sô! Não gostou? Chame o imortal ex-presidente Itamar! Será que não colocarão obstáculos na parceria, em forma de dobradinha: água em pó (pernambucana) x leite em pó (mineiro)? E se alguém achar que é monopólio? Posso convidar um paulista? Esse entrará com o café em pó… Solúvel? Será a política do café com leite... Desculpe ser sarcástico.

E a água líquida para dissolver tudo isso? Quem será o fornecedor? Vai dar confusão e levantar poeira, a dança da política no forró científico, na grande festa da entrega do PQP! Não tô nem aí! Vou deixar que comam a farinha de mandioca ou de milho no mesmo prato.


Biografia:
** LAILTON ARAÚJO * Nasceu na cidade de Sertânia, Estado de Pernambuco - Brasil em 1959. É músico, compositor, cantor, ambientalista, pesquisador de ritmos regionais brasileiros, escritor e ex-professor (não formado) do Cursinho Pré-Vestibular Educafro, onde lecionou as disciplinas: biologia e geografia. * Trabalha há 34 anos na área cultural, atuando como empresário de eventos, marketing e diretor fonográfico. É vocalista da Banda Moxotó - de Pernambuco. * Atua ainda como produtor artístico de Anastácia, Banda de Pífanos de Caruaru e Oswaldinho do Acordeon. Realizou quase 1500 eventos. ** CONTATOS * Tel. (11) 9.9200-0987 * São Paulo - SP - Brasil * lailtonaraujo@bol.com.br * lailtonaraujo@yahoo.com.br
Número de vezes que este texto foi lido: 28896


Outros títulos do mesmo autor

Poesias MANIFESTO, PROFECIA OU JOGO DE BEISEBOL? Lailton Araújo
Ensaios QUE SEJA DITO... O BRASIL NÃO É SÉRIO! Lailton Araújo
Poesias TRANSPARÊNCIAS DAS CORES Lailton Araújo
Poesias VOANDO COM AS ASAS DO TEMPO Lailton Araújo
Artigos NA PAUSA PARA A REFEIÇÃO... SUA ATENÇÃO! Lailton Araújo
Crônicas EXPLICAÇÃO PARA A ORIGEM DO INTELECTUAL Lailton Araújo

Páginas: Primeira Anterior

Publicações de número 51 até 56 de um total de 56.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
MEDO DE VIRAR VINAGRE - Zaga Mattos 29250 Visitas
UM BICHO PAPÃO NA GELADEIRA - Saulo Piva Romero 29247 Visitas
Anabela - P Corrêa 29247 Visitas
SONHADOR - Lavinsk Vetter 29246 Visitas
Aquele cujo fome espera - Marco Antônio de Araújo Bueno 29245 Visitas
PRA LÁ DE CAIPIRA - Orlando Batista dos Santos 29245 Visitas
Escola séculos 21 - Paulo Vieira da Silva 29244 Visitas
FELICIDADE É... - Orlando Batista dos Santos 29244 Visitas
Tinta vermelha - Rafaela de Oliveira Pinto Alves 29243 Visitas
Lula e Dilma: Aéticos ou Antiéticos? - Xiko Acis 29242 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última