Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Carta para Sophie Scholl nº 2 - Junho/2024
Vander Roberto

São Paulo de Piratininga, 03 de Junho de 2024.

Minha irmã e amiga, Sophie Scholl:

Espero que esteja bem! Aceita ouvir The Entertainer de Scott Joplin? Convido a nobre moça para dançar Danúbio Azul de J.Strauss II. Quem sabe você não queira cavalgar comigo até o Alabama ao som de Bob Nelson? Minha irmã, a música é maravilhosa! Basta ouvir meia de hora de Strauss e ainda acho que o mundo tem alguma salvação! Qualquer coisa nos encondemos em Dixie! Verdi está na linha de frente também. Grande Verdi!

Alguma coisa despertou na minha pessoa e viajo ao som do piano do Vinheteiro. Ao menos cura os males! Quando quero algo cantado um Eliezer Setton ou Noel Rosa, uma Clara Nunes, Elis Regina ou até a magnífica Marisa Monte lavam minha alma! Se desejo História caio nos sambas de enredo. Tenho dado a chance de ouvir a Carmen Miranda e Mário Reis. Lamartine Babo e Braguinha estão nesta safra com Jacob do Bandolim. Mário Zan é outro que ouço.

Os Demônios da Garoa é repertório. Mireille Mathieu também é excelente. Os mestres Adoniran Barbosa e Waldir Azevedo estão com tudo. Aqui a música precisa ser a válvula, o coração, despertando o meu ser em busca do novo amanhã! Rossini tem entrado na lista. Aceitas dançar, Sophie? Comemorar a vitória, tocar em alto e bom som a Marcha Triunfal Aida do amigo Verdi! Pensei em dançar contigo "Guantanamera", aceita?

Querida, Sophie! A música clássica é uma terapia! Eu recomendo meus conterrâneos Carlos Gomes e Belmácio Pousa Godinho! Heitor Villa-Lobos, o nosso distinto, é repertório! Entenda: eu não perco tempo ouvindo música, eu ganho vida! Só não quero ficar tocando harpa eternamente no céu, acho que não irei para lá! Noel Rosa, já conversou com o Pedrão e está jogando o 171 para facilitar e quem sabe eu faça um samba com Martinho e a Beth?

Música sem quadros, inexiste! Eu não consigo ver uma obra de arte sem associá-la com alguma música! Olho Bouguereau e a sutileza de Adeste Fideles já vem na mente! Quando vejo, "Saudade" do irmão Almeida Júnior eu penso em Mia Gioconda de Agnaldo Rayol, o mestre da voz! Já "Leitura" eu penso em Toquinho na sua Aquarela! O gigante Almeida Júnior merecia uma música para cada quadro! O quadro "O Violeiro" lembra Índia de Cascatinha e Inhana.

Tarsila, Anita e Iberê Camargo mandam lembrança para ti, mana! O Kobra anda fazendo sua bela arte pelo mundo e até dando palestras! No meu caso, eu só pinto o sete e se possível elevo até catorze! Eu estou mais para o Barbeiro de Sevilha de Rossini e Caron! Sai aquela lambança no papel e nem arrisco colocar em tela. Neste caso, "O Grito" de Munch se realiza sem passar um rabisco!

Um quadro que merece música especial é "Fundação de São Paulo" do Antônio Parreiras que tem uma cópia no Pateo do Collegio em São Paulo. Eu penso na obra "O Guarani" de Carlos Gomes. Quem sabe algum louco deste planeta não faça uma peça teatral com esta abertura? A música e os quadros deveriam casar! Será que a música da Pantera Cor de Rosa não poderia ser associada a Monalisa do nosso mano Léo? Quem sabe ela não dá uma piscadinha?

As obras de Hans Staden eu já marquei com a "Marcha Fúnebre" de Chopin. Já Debret eu ainda luto em achar algo que o represente. Há uma obra dele que eu gosto muito chamada "Paço Imperial - Quinta da Boa Vista" que gosto de associar com Aquarela do Brasil do mestre Ary Barroso! Uma bonita gravura, Sophie! O quadro nacional que possui "música" é "Independência ou Morte!" do Pedro Américo que associa-se mentalmente ao Hino da Independência.

Eu acho que o mundo tem salvação, querida irmã! Há Tim Maia e Raul Seixas! Há Andrea Bocelli e Pavarotti! Só não há quem pinte com aquilo que as pessoas precisam no dia a dia e nem cante em voz alta o aumento salarial generoso ao povo! Dona Ivone Lara e Chiquinha Gonzaga estão chamando aqui! Minha irmã: "Vai Passar". Passará! Abrigo de Vagabundo é sequência de Saudosa Maloca! Só não podemos esperar a banda passar.

Beijos de quem te ama muito! Abraços para seus pais, irmãos e irmãs!


Biografia:
Número de vezes que este texto foi lido: 55068


Outros títulos do mesmo autor

Artigos Conclusão sobre a Eurocopa e Copa América 2024 Vander Roberto
Artigos Os conflitos paulistas e reflexões atuais Vander Roberto
Artigos Fechamento do Café Girondino em São Paulo Vander Roberto
Artigos Estupro é crime e não opção! Vander Roberto
Artigos Testei o Debian LXDE para 32 e 64 bits Vander Roberto
Artigos Já estudou Filosofia da História hoje? Vander Roberto
Artigos O estudo da História é vital para não ser escravizado Vander Roberto
Artigos Análise da obra: "História do Brasil: uma interpretação" Vander Roberto
Cartas Carta para Sophie Scholl nº 2 - Junho/2024 Vander Roberto
Cartas Carta para Sophie Scholl - Junho/2024 Vander Roberto

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 146.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
Minicurso sobre a redação no ENEM - Isadora Welzel 79731 Visitas
URBE - Darwin Ferraretto 59549 Visitas
Salvando computador muito ruim - Vander Roberto 55635 Visitas
81 anos da prisão e morte dos Rosas Brancas - Vander Roberto 55456 Visitas
Delícias da festa junina - Ivone Boechat 55378 Visitas
QUE SE... - orivaldo grandizoli 55371 Visitas
Lançamento do livro - Alberto Kopittke 55352 Visitas
Nua, totalmente indefesa - rodrigo ribeiro 55309 Visitas
A FARSA DA USURA - fabio espirito santo 55293 Visitas
O estranho morador da casa 7 - Condorcet Aranha 55275 Visitas

Páginas: Próxima Última