Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
A conquista da Atalanta e a resiliência
Vander Roberto

A conquista da Atalanta de Bérgamo é a vitória da resiliência. Bérgamo foi o epicentro da pandemia de covid na Europa. A equipe da cidade trouxe uma taça pela luta e não pelo favoritismo. Havia um gigante do outro lado, o Bayer Leverkusen, um time que ficou quase um ano sem derrotas e faturou a Bundesliga invicta na temporada 2023/2024. Este sim era o favorito. Os 3x0 da Atalanta sobre o time alemão mostra que não existem missões chamadas impossíveis.

A Atalanta é uma equipe que voltou a crescer nos últimos anos. Este ano perdeu a Copa da Itália para a Juventus de Turim (uma semana antes da Liga Europa) mostrando que tinha time para surpreender na Liga pois não largou o osso dando enorme trabalho. Tiraram desta derrota as forças para vencer o Bayer Leverkusen. Eles lutaram por todas pessoas vítimas da covid. Vestiram a camisa e foram para cima.

Não podemos dizer que a Atalanta é uma equipe grande do futebol italiano. Ela detém uma Copa da Itália, 5 títulos da 2ª divisão, 1 título da 3ª divisão e agora levantou o título europeu. É a virada na história da Atalanta que firma aos poucos sua permanência na Série A italiana sem passar por dificuldades para manter-se e fazendo grandes campanhas. Não será surpresa se levar o Italiano daqui algumas temporadas.

O futebol mudou e a leitura da Atalanta foi certa. Não adianta ser mero participante precisando buscar boas campanhas e quem sabe as taças. Projeto bem feito, contratações pontuais, melhorias técnicas e táticas foram apresentadas nesta final de Liga Europa. O resultado em campo mostra que não será um título obtido uma vez na vida e outra na morte e sim que o clube adentra para novo patamar.

Nota-se que a reconstrução da equipe foi bem preparada. Eles fizeram a "teoria do corte". Qual a ideia? Eu quero ser igual a Roma só para citar um exemplo. Elevou-se até la. O projeto foi além: eu quero competir de igual para igual com a Juventus de Turim. Já conseguiu. A próxima meta é bater de frente com as equipes de Turim. Havendo grana, sim!

Por outro lado, a Itália volta a ganhar destaque no cenário europeu mesmo com a seleção em baixa após a não participação seguida em duas Copas e buscando o bicampeonato europeu em Junho/Julho. O time nerazzurri dá uma certa esperança para que a seleção tenha mais craques disponíveis. Se a ideia era mostrar capacidade de superação, a recente história da Atalanta serve como exemplo assim como a cidade de Bérgamo.


Biografia:
Número de vezes que este texto foi lido: 54747


Outros títulos do mesmo autor

Artigos Testei o Debian LXDE para 32 e 64 bits Vander Roberto
Artigos Já estudou Filosofia da História hoje? Vander Roberto
Artigos O estudo da História é vital para não ser escravizado Vander Roberto
Artigos Análise da obra: "História do Brasil: uma interpretação" Vander Roberto
Cartas Carta para Sophie Scholl nº 2 - Junho/2024 Vander Roberto
Cartas Carta para Sophie Scholl - Junho/2024 Vander Roberto
Artigos A conquista da Atalanta e a resiliência Vander Roberto
Artigos Plano de Recuperação de Desastres Vander Roberto
Artigos Experiência com o Positivo Stilo One Vander Roberto
Artigos Paulista Sub-23 de 2024 Vander Roberto

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 142.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
Amores! - 54782 Visitas
Delícias da festa junina - Ivone Boechat 54782 Visitas
DIVINO SER - Ivan de Oliveira Melo 54780 Visitas
Carta para Sophie Scholl - Junho/2024 - Vander Roberto 54779 Visitas
eu sei quem sou - 54778 Visitas
Dores da paixão - Ivone Boechat 54778 Visitas
Desabafo - 54777 Visitas
Leite com Pimenta - Rafael da Silva Claro 54772 Visitas
O que e um poema Sinetrico? - 54770 Visitas
A força do recomeço de empresários atingidos pelas enchentes - Isnar Amaral 54770 Visitas

Páginas: Próxima Última