Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Árvore
valmir viana

Resumo:
A natureza é tão eterna, quanto a um começo.

I
Cobre-me com teus emblemas
Ramo do campo inspirado,
Teus frutos colhidos
São alimentos imortais.
II
Árvore que palavra
O nome cultiva a fé,
Estende-se por terra
Verde canção noturna.
III
Tronco fixo na areia
Sementes soltas por iniciar,
Constelação do cosmo vivo
Métrica dos deuses.
IV
Reges a grande brisa da tarde
Numa forma galgada,
Na branca bandeira da paz
Que calada ergues.
V
Cubra minha cabeça
Tua natureza eterna,
Há inteligência teu criado
Seja o poema tua origem.


Este texto é administrado por: Valmir Jose Nunes Viana
Número de vezes que este texto foi lido: 53855


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Poética valmir viana
Poesias Campo de Flores valmir viana
Poesias Corrente de palavras valmir viana
Poesias Filosofia valmir viana
Poesias Canção valmir viana
Poesias Flores de Pindo valmir viana
Poesias Belas Artes valmir viana
Poesias escritos valmir viana
Poesias Asas Livres valmir viana
Poesias Goethe valmir viana

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 23.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
JASMIM - evandro baptista de araujo 69106 Visitas
ANOITECIMENTOS - Edmir Carvalho 58002 Visitas
Contraportada de la novela Obscuro sueño de Jesús - udonge 57663 Visitas
Camden: O Avivamento Que Mudou O Movimento Evangélico - Eliel dos santos silva 55940 Visitas
Entrevista com Larissa Gomes – autora de Cidadolls - Caliel Alves dos Santos 55260 Visitas
URBE - Darwin Ferraretto 55257 Visitas
Caçando demónios por aí - Caliel Alves dos Santos 55161 Visitas
Coisas - Rogério Freitas 55031 Visitas
ENCONTRO DE ALMAS GENTIS - Eliana da Silva 55019 Visitas
Sobrenatural: A Vida de William Branham - Owen Jorgensen 54996 Visitas

Páginas: Próxima Última