Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Padaria Sem Pão
Trabalho Sem Rendimento
Fernando José Azina

Resumo:
Um dos grandes direitos fundamentais no mundo é que o trabalhador ganhe seu pão, portanto, nem sempre isso acontece. Aí resulta esse poema: " Padaria Sem Pão".

O que sucede nesta vida é consequência
Tudo pode ser estimado, calculado
Nessa matemática da vida, na essência
Nada deve ser anulado ou acumulado

Padaria sem pão é tristeza da nação
Uma mansão sem alimentação
Feliz é na palhota, mas que nunca mendigue pão
Realidade ainda em desilusão

Coro
Peco que todos gritem em coro
Sim, todos gritem por socorro
Antes que morram de fome no colo
Daqueles que agem como protocolo

Gente sem sangue nas veias
Gente de coração alheio
Como podem manterem-se frias
Perante o calor que mata mesmo anfíbio

A linda lição agora por mim aprendida
É que a dor que sinto apenas é respondida
Por ninguém, a menos que seja realidade
Que é independente do estado e da idade


Biografia:
Fernando José Azina, casado com Tamar Marquês M. Azina, com quem teve dois preciosos filhos: José e Israel. Técnico de Farmácia e estudante do 4º ano pelo curso de Engenharia Ambiental, faculdade de Engenharia - UEM, em Moçambique. Natural de Búzi, província de Sofala. Residente em Matola, província Maputo Moçambique. Escritor e Evangelista
Número de vezes que este texto foi lido: 265


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Padaria Sem Pão Fernando José Azina
Poesias A PAZ Fernando José Azina
Poesias Ser Criança é Melhor Fernando José Azina
Poesias A MELHOR IDADE Fernando José Azina
Poesias Aborto Fernando José Azina
Poesias Casados por Amor Fernando José Azina
Poesias Voz Para Quem Não Tem Voz Fernando José Azina
Poesias Meu Casamento Fernando José Azina
Poesias Amor Provado Fernando José Azina


Publicações de número 1 até 9 de um total de 9.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
TOMO TUDO - sigmar montemor 39765 Visitas
Lamento - FERNANDO 39598 Visitas
Desabafo - 38855 Visitas
viramundo vai a frança - 38218 Visitas
MANCHETE DE JORNAL - sigmar montemor 37521 Visitas
Faça alguém feliz - 37063 Visitas
Parabéns, Daniel Dantas! - Carlos Rogério Lima da Mota 36318 Visitas
Vivo com.. - 36313 Visitas
eu sei quem sou - 35231 Visitas
camaro amarelo - 35044 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última