Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
O amor sincero
Ricardo Santos de Souza

O amor sincero proíbe falhas, não permite dias ruins é incapaz de machucar;
O amor sincero é percebido por todos em volta é fonte de inspiração, fala tudo de bom em silêncio;
O amor sincero é difícil de explicar, ele já nasce fazendo o bem e não tem dia e nem hora para acabar;
O amor sincero vem acompanhado de muita alegria, paz, saúde e um frenesi diário que chamamos de paixão;
O amor sincero vive nos corações dos amantes que são amados, vive naqueles que tem sorte de ser afortunados por um pacote de sonhos e desejos realizados;
O amor sincero é fortalecido através do poder de uma música, ou de uma bela poesia, ele nasce e renasce todos os dias dando vida a quem gosta da vida;
O amor sincero ultrapassa as barreiras do tempo, da imaginação e até mesmo do impossível, ganha gerações de vidas a dois e não abre mão da imortalidade.


Biografia:
Minha própria autoria.
Número de vezes que este texto foi lido: 27864


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Conhecimentos escondidos Ricardo Santos de Souza
Poesias Olá filho! Ricardo Santos de Souza
Poesias Vagos momentos Ricardo Santos de Souza
Poesias O tempo não para (pensamento) Ricardo Santos de Souza
Poesias Nosso encontro Ricardo Santos de Souza
Poesias Amar e ser amado Ricardo Santos de Souza
Poesias Vestida de preto Ricardo Santos de Souza
Poesias Contaminados Ricardo Santos de Souza
Poesias Veneração explícita Ricardo Santos de Souza
Poesias Reciprocidade Ricardo Santos de Souza

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última

Publicações de número 11 até 20 de um total de 155.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2019
 
  Textos mais lidos
viramundo vai a frança - 28010 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 28002 Visitas
A menina e o desenho - 27997 Visitas
eu sei quem sou - 27991 Visitas
camaro amarelo - 27984 Visitas
O que e um poema Sinetrico? - 27983 Visitas
MENINA - 27982 Visitas
sei quem sou? - 27979 Visitas
Jazz (ou Música e Tomates) - Sérgio Vale 27977 Visitas
MULHER DE VERDADE - BENEDITO JOSÉ CARDOSO 27975 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última