Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Vida Ligeira
Darci Seccon Junior

Resumo:
Fragilidade da vida.

Vida, vida ligeira
Diz o que quer de mim
Mal cochilei na esteira
Parece até brincadeira
Já se afastou de mim.

Vida que me parece
Algo que já não é
Ora apenas objeto
Calçando os pés da mulher
Antes te vi, oh vida!
Metade submergida
No couro de um jacaré

Vida, vida ligeira
Qual o teu querer enfim?
Não desci minha ladeira
Nem alcancei cumieira
E vais embora assim?

Há pouco estavas no campo
Plantada num pé de ipê
Recanto do pirilampo
Refúgio do zidedê

Para onde foste, vida?
Agora despercebida
Em um cômodo qualquer
Numa estante de TV

Vida, vida ligeira
Pó de pirlimpimpim
És assim tão passageira
Vive! Vida derradeira
Do começo meio e fim

Num sorriso pude ver
Brindando à felicidade
Várias vidas desfrutando
Em sua efemeridade
Porém tornaram-se cinzas
Foram só vaidade

Vida, vida ligeira
Diz o que quer de mim
Seja minha companheira
E que de alguma maneira
Possa eu dizer-te sim.


Biografia:
Por detrás da Colina - Clube de Autores 02/2013 Projeto palavra é arte e poesia
Número de vezes que este texto foi lido: 54840


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Vida Ligeira Darci Seccon Junior


Publicações de número 1 até 1 de um total de 1.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
Minicurso sobre a redação no ENEM - Isadora Welzel 79742 Visitas
URBE - Darwin Ferraretto 59556 Visitas
Salvando computador muito ruim - Vander Roberto 55646 Visitas
Contraportada de la novela Obscuro sueño de Jesús - udonge 55564 Visitas
81 anos da prisão e morte dos Rosas Brancas - Vander Roberto 55457 Visitas
Delícias da festa junina - Ivone Boechat 55393 Visitas
QUE SE... - orivaldo grandizoli 55375 Visitas
Lançamento do livro - Alberto Kopittke 55364 Visitas
Nua, totalmente indefesa - rodrigo ribeiro 55311 Visitas
O estranho morador da casa 7 - Condorcet Aranha 55303 Visitas

Páginas: Próxima Última