Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Ah querida
Airys Duarte

Resumo:
Eu sempre fui costumada com a dor, parte mim é feita dela, mas eu não podia esperar que alguem me ensinasse tão bem como é ter um coraçao partido, e ter a alma com uma cicatriz que não consegue ser fechada.

Eu te esperei por muitas vezes, talvez eu tenha esperado tanto que nem se quer vi minha vida passar bem diante meus olhos.
Eu nunca te culpei pelas perdas que tive dentro de mim, pelos sentimentos de culpa que eu guardei, e por diversas vezes, quase me sufoquei. Eu sempre me culpei por tudo, ate pelos erros que eu nem tinha cometido, era mais facil me culpar do que acreditar que você havia sido o desastre que eu nunca esperei, mesmo quando todos me avisaram ate mesmo meu coração.
Meus pedaços ainda não foram juntados com suas meras desculpas, com seu mero perdão, se você acha que segui tão bem em frente, sinto lhe dizer, não segui, ainda não juntei todas as suas coisas, ainda não joguei o quadro que você me deu fora, não fiz isso por ainda te amar porque não te amo, mais tenho remorso de tudo que você pode causar a alguem, mesmo que isso não seja problema meu.
Eu queria voltar naquele dia, não para te xingar, não para so dizer o mal que você me causou porque você ja sabia, mesmo depois de quebrar tudo de bom que ainda havia em mim você teve a coragem de olhar nos meus olhos, e como você conseguiu? como conseguiu olhar nos meus olhos depois de ter me ferido tanto quanto feriu? Como conseguiu dizer todas as noites que me amava mesmo me enganando em todas elas? Como conseguiu lidar tao bem com tudo isso e nem se quer sentir um pingo de culpa por isso?
Eu queria voltar naquele dia, eu mudaria uma só coisa, eu não falaria nada, eu nem te veria, seu rosto era a ultima coisa que eu queria ter visto naquele dia, mas sabe porque eu decidi te ver? Porque eu queria ter certeza, olhando para você, que você era o fantasma da decepção que eu tanto evitava a minha vida toda.
Eu tive rancor dentro de mim, talvez ate ódio, mas ja nao tenho mais, de mim você não merece nem ser lembrada como a pior pessoa do mundo, por mim você nem deveria ser lembrada. Eu tenho pena de você, porque quando tudo que você me causou voltar, ah minha querida, sinto muito ter que lhe dizer...sinto muito por você.
Essa conta terá que se paga com o destino e não sou eu quem vai pagar...será você.


Biografia:
-
Número de vezes que este texto foi lido: 515


Outros títulos do mesmo autor

Cartas Ah querida Airys Duarte
Frases ... Airys Duarte
Cartas Ah Como Eu Te Queria Airys Duarte
Frases Sabe Airys Duarte
Cartas Arco-iris Airys Duarte
Cartas Nós Não Nos Falamos Mais Airys Duarte
Infantil olhares Airys Duarte
Cartas Brilho Eterno Airys Duarte
Cartas Quando você me olha Airys Duarte
Cartas Sem Arrependimentos Airys Duarte


Publicações de número 1 até 10 de um total de 10.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 65583 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 54773 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 43449 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 43085 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 42132 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 40550 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 38812 Visitas
Amores! - 37063 Visitas
Desabafo - 36451 Visitas
Faça alguém feliz - 34817 Visitas

Páginas: Próxima Última