Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Parte em metades
nute do quara


   Partes em muitas partes, partículas minuciosas de milhas em trilhões da mesma parte, em parte todas as partes, parte boa , parte ruim, tudo e parte, em metades das metades, milhares de partes, parte de amar, parte de odiar e adiar o mesmo amor, a mesma razão e emoção, parte da emoção espalhada em milhões de emoções escorre pela pupilas das meninas sublime de um olhar em milhões de partes sem deixar rolar, pela meiga e magica face o encanto e a magia da mesma dor da razão, perguntada pela mesma parte para milhões de bilhões de partes, por que de tantas parte na mesma parte.
Soluços amargam no peito, e um belo sorriso suave na face ardido no peito árido da terra secreta da razão e da emoção, calmando a mesma partes de milhões nos grilhões em uma única e real parte, neste deserto de ser no meio dos afagos e carinhos de encontro com o ser brinda , brindando o ser na luta surreal aos olhos reais de um olhar apaixonado pela razão e emoção, em muitas primícias da mesma parte, no calabouço da paixão emana a razão e a emoção de amar sem razão e nem uma partícula de emoção, a mesma parte das milhares de bilhões em partículas espalhadas entre a única e real parte da razão e da emoção no surreal pensamento, à milhões de bilhões da loucura expressada na paz que toca de encontro com a face que brinda o dia com um bom dia, boa tarde ou ate mesmo o mais profundo e real boa noite de paz.
Parte de um beijo sem beijo parte de um abraço sem abraço, parte de um aperto de mãos sem sentir o calor da mesma mão, parte de um olhar sem olhar, parte de amar sem amor, parte de andar sem sair do lugar, parte de dialogar sem expressar silaba alguma parte que parte sem sair do lugar, parte que finda aos olhos insanos da razão e da emoção na mesma parte distante e ausente da mesma parte, parte que expressa a mais real e incandescente paz distante da loucura, porem na maior loucura aos olhos da mesma parte, parte que ama a mesma parte de milhões de bilhões de partes na mesma parte, parte abstrata , parte ocultar, parte sensível e visível do invisível da mesma parte visível aos olhos da mesma parte, que parte em milhões de bilhões de parte, parte em muitas partes sem deixar reluzir uma ou outra parte, parte de amar o ocular oculto da parte que emana a sensatez e a simplicidade da mesma parte , expressando diante de todos a paz no meio da maior e mais perfeita guerra entre a loucura incandescente e ardente em fogo da mesma parte.




   Nute do quara


Biografia:
Número de vezes que este texto foi lido: 85


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Parte em metades nute do quara
Poesias Sussurro de Amor nute do quara
Poesias Enlace nute do quara
Poesias Devaneios, Apenas nute do quara


Publicações de número 1 até 4 de um total de 4.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 62322 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 53887 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 42868 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 39922 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 37779 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 37543 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 36923 Visitas
Amores! - 34976 Visitas
Desabafo - 34525 Visitas
Faça alguém feliz - 32945 Visitas

Páginas: Próxima Última