Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
SOB O SIGNO DA AMIZADE
RODRIGO DA COSTA ARAUJO

Resumo:
O ensaio trata da amizade e das relações de companheirismo. Da troca semiótica de carinho e identificação entre as pessoas. Dia do amigo.

SOB OS SIGNOS DA AMIZADE
Prof. Rodrigo da Costa Araújo

RECEITA DE INVENTAR PRESENTES
Colher braçadas de flores
bambus folhas e ventos
e as sete cores do arco-íris
quando pousam no horizonte
juntar tudo por um instante
num caldeirão de magia
e então inventar um pássaro louco
um novo passo de dança
uma caixa de poesia

Roseana Murray
     Todos têm amigos e gostam de falar deles. São preciosidades, reflexos de diamantes que brilham em nossas pupilas quando são lembrados.São delicadezas da vida, pequeníssimas linhas de ouro que entranham e tecem nossos corações.
     Moram sempre, em lugares especiais do nosso imaginário. Por isso temos amigos que moram dentro de nós, alguns no coração, outros no nosso som, alguns nas nossas palavras, outros na alma, se misturam com nossas histórias, nosso ser.
     Tecem nossas vidas com fios de ouro, cavalgam conosco os dias mais claros, dividem palavras, alimentam o espírito, reforçam a luta e falam de amor. São leves e macios diante da aspereza da vida, da correria do tempo, das horas que não voltam mais.
     Amigos me fazem lembrar o Carteiro e o poeta, personagens que se misturam com a criação e ensinamentos da poesia, da palavra que engendra pela vida, modificando-a, instaurando sentimentos de plenitude, signos de eternidade. Poesia e amigos se entendem.
     Outro filme que registra esse mesmo sentimento é o Central do Brasil, signos de amor e de amizade que aproximam Dora de Josué. Professora e trapaceira e retirante, cartas, vidas que se tocam e se completam, registros de pura singeleza, lacunas da vida preenchidas por histórias de amigos.
     Talvez seja por isso que amigo seja como carta aberta, lida e proclamada para quem quiser ouvir, registros de amor e vida em linhas, ínfimas linhas de ouro, delicadas e sensíveis como as flâmulas do dia.
     São cartas poéticas que devem ser lidas para o mundo, partilhadas com todos, são símbolos de afeto e amor, são cantos do mar. Cartas fundidas no amor, amor-amizade, amizade-amor!
     Amor e amizade se tocam, se perdem de si na mistura dos sentidos – não conseguimos estabelecer diferenças. Algumas vezes se metamorfoseiam nas pegadas do sentido, parecem que brotam juntos.
     Assim como para Platão a amizade era uma forma de transformação de si mesmo, para Epicuro representava a sabedoria: De todas as coisas que nos oferece a sabedoria para a felicidade de toda a vida, a maior é a aquisição da amizade, dizia o filósofo.
     É na convivência e, principalmente, nas horas difíceis, que confirmamos e estabelecemos uma grande amizade. Nesse ritmo, eles são eleitos por nós para juntos tecerem teias da vida respaldadas no afeto e no carinho.
     Lógico que com afetos singelos, como raios de sol que entram em nosso quarto ainda cedinho pelas frestas da janela ainda fechada. Deve ser por isso que inventamos presentes especiais para embalar presentes que vão além do significante amizade.
     Assim, ficam registradas nas imagens de amigo, poetas como Pablo Neruda que presenteou o carteiro com as palavras, os códigos da poesia. Num lugar onde todos eram analfabetos. E também, as sedutoras palavras de Dora para um menino sem rumo.     
     Amigos são assim, preciosidades de Deus.


Biografia:
Prof de Literatura da FAFIMA- Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Macaé e Mestrando em Ciência da Arte pela UFF/ Niterói-RJ E-mail: rodricoara@uol.com.br
Número de vezes que este texto foi lido: 28679


Outros títulos do mesmo autor

Ensaios RASURA E PALIMPSESTO EM PATTY DIPHUSA, DE ALMODÓVAR RODRIGO DA COSTA ARAUJO
Ensaios SOB A SENSIBILIDADE DA LEITURA E DOS ENIGMAS DA ARTE RODRIGO DA COSTA ARAUJO
Artigos SOB O SIGNO DA AMIZADE RODRIGO DA COSTA ARAUJO
Ensaios A TRAMA DO OLHAR ARTÍSTICO RODRIGO DA COSTA ARAUJO
Artigos PROFICIÊNCIA EM LEITURA: UM DESAFIO DE TODAS AS ÁREAS RODRIGO DA COSTA ARAUJO
Ensaios MULHER E MEMÓRIA EM VOLVER, DE ALMODÓVAR RODRIGO DA COSTA ARAUJO


Publicações de número 1 até 6 de um total de 6.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2019
 
  Textos mais lidos
UÑIÃO DAS ÁGUAS - Maisnatureza 28561 Visitas
Caminhos das Virtudes II - Ismael Monteiro 28561 Visitas
Aprendendo a Conhecer a Deus com Jó - Silvio Dutra 28561 Visitas
DILMA, MARTA... E MINHAS GARGALHADAS - DIRCEU DETROZ 28561 Visitas
ARTE em MOVIMENTO - Tânia Du Bois 28561 Visitas
NOVA MÁSCARA DO MITO DA DEMOCRACIA RACIAL NO BRASIL - Miria Alves 28561 Visitas
A FRASE QUE NÃO VINGOU - DIRCEU DETROZ 28561 Visitas
O QUE ME BASTA - orivaldo grandizoli 28561 Visitas
PODE PARECER QUE NÃO... - orivaldo grandizoli 28561 Visitas
Seguir em frente - joao 28561 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última