Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Lágrimas de um rouxinol
Uma pequena estória de amor
Mayra Alcione Musa Fonseca

...Num vale dourado entre a floresta e a cascata vive um pobre rouxinol!
Ele tem os olhos tristes, pois no peito ainda insiste, a saudade
De seu bem.
Ele tem o canto triste, chora a amada que partiu
Sem saber se vai voltar!
Uma voz misteriosa lhe diz:
- Vamos pequeno amigo, enxugue suas lágrimas,
Ela não merece teu sofrimento.
Foi ingrata e não merece teu perdão,
Pois jurava que te amava,
Que por ti jamais deixava,
O lar que tinha então!
Na primeira oportunidade,
Pela calda de um pavão,
Deixou-se levar então!
E da cascata que fremia,
Algumas gotas lá caiam,
Misturando-se as suas águas,
Que continham toda mágoa,
Do pequeno rouxinol.
O céu foi escurecendo,
Tão triste quanto o rouxinol.
Foi soltando suas águas para enxugar
As lágrimas do pobre coração,
Já sem esperanças de viver.
Mas o céu lhe dera o consolo,
Três pequenos ovinhos que em breve
Abrir-se-iam e deles surgiriam,
Três lindos rouxinóis!
Mais ao longe se ouvia,
Os gritinhos da pequena rouxinol,
Que lutando contra o vento,
Com as asas sangrando tentava escapar,
Pois no coração da mata,
Um caçador desalmado,
A vida da ingrata tirou!
Já não fere um coração,
Pois na negra escuridão,
Encerrava com seu canto triste
Essa linda estória de amor!


Biografia:
Nascida em 29 de setembro de 1963em Urupês, no estado de São Paulo, aos sete mudei-me para Campinas, desde o colégio apontou-se o talento para as artes, principalmente poesias e crônicas, Recebi menção honrrosa pela poesia" Cíntilar de Rosas" em 1985 pela editora shogun, tive Participação no livro"Salvados do Incêndio" 1986 pela editora codepoe Era membro da União Brasileira de trovadores UBT-Campinas, quando então presidente minha saudosa amiga e escritora "Josefina da silva carvalho " após casamento afastei-me dos movimentos literários mais nunca deixei de compor tenho vários trabalhos e gostaria de obter um espaço dentre nobres companheiros para expo-los a vossas apreciação! visitem tambem meu blog
Número de vezes que este texto foi lido: 54817


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Memórias de um velho estradeiro Mayra Alcione Musa Fonseca
Cartas Declaração de Amor Mayra Alcione Musa Fonseca
Poesias Lágrimas de um rouxinol Mayra Alcione Musa Fonseca
Monografias Deuza mulher Mayra Alcione Musa Fonseca
Crônicas Homicídio Ecológico Mayra Alcione Musa Fonseca
Poesias Cíntilar de Rosas Mayra Alcione Musa Fonseca

Páginas: Primeira Anterior

Publicações de número 21 até 26 de um total de 26.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
Rotina - Cadu Tozetti 54815 Visitas
UM PINGO - orivaldo grandizoli 54815 Visitas
CALMA - orivaldo grandizoli 54815 Visitas
MELHOR ASSIM - orivaldo grandizoli 54815 Visitas
LÍNGUAPALAVRA - orivaldo grandizoli 54815 Visitas
Não poderia ser eu - Henriques Freitas 54815 Visitas
CATARSE AMBIENTAL - Ivan de Oliveira Melo 54815 Visitas

Páginas: Primeira Anterior